A retórica e a estética…

12 julho, 2017 às 19:16  |  por Willian Mac-Cormick Maron

Frequentemente, em debates sobre psicanálise, recebo argumentações de que a mesma funcionaria como um “exercício meramente estético” ou “apenas uma práxis retórica”. Bem, discordo que seja um “meramente” ou um “apenas” e contra-argumento quanto a isso articulando a psicanálise como propriamente uma experiência de linguagem de um sujeito de pulsões em relação ao seu desejo e as leis que o interditam. Mas em alguns casos, pontualmente questiono o que se entende por estética ou retórica. A estética pode ser entendida por uma categoria de percepção filosófica que nos fornece uma das formas possíveis para lidar justamente com o vazio, a angústia e o sintoma. A retórica, por sua vez, também poderia ser vista como uma articulação narrativa em defesa de uma verdade e de busca de sentido com a capacidade eloquente para defender e articular os argumentos para o estabelecimento de uma rede de significados A produção estética e retórica também podem ser reconhecidas como formas importantes de sublimação.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>