Gamificação

14 janeiro, 2018 às 20:36  |  por Alexandre Correia dos Santos

A GestorIdeal, empresa incubada na unidade de Jacarezinho da Incubadora Tecnológica do Tecpar (Intec), foi selecionada para participar do programa Startup & Makers da Campus Party Brasil 2018, maior evento de tecnologia do país. O programa oferece mentoria, networking e conteúdo educacional aos participantes.

A empresa, que é a primeira a ser incubada na unidade do Norte Pioneiro do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar), ingressou no processo de incubação com o objetivo de gameficar um sistema de gestão para microempreendedores individuais (MEIs). Gamificação é o uso de mecânicas e dinâmicas de jogos para engajar pessoas, resolver problemas e melhorar o aprendizado, motivando ações e comportamentos.

Agora, os empreendedores vão passar pela experiência de expor seu projeto na Campus Party Brasil, entre 30 de janeiro e 4 de fevereiro. “Estamos muito animados porque vamos ter mentorias, acesso a investidores e aceleradores. Além disso, podemos encontrar novos clientes lá. Estamos em Jacarezinho e fomos selecionados entre inúmeras startups no Brasil e por isso estamos muito orgulhosos”, salienta Pedro Domingues, um dos sócios da empresa.

Nissan e Renault são DMSBOX

13 janeiro, 2018 às 18:43  |  por Alexandre Correia dos Santos

Após concorrências realizadas no último bimestre de 2017, a DMSBOX passa a atender as duas marcas da aliança Renault-Nissan no Brasil, sendo a agência responsável pelo escopo de BTL pelos próximos três anos. Segundo o sócio e diretor comercial da agência, Daniel Pires, essa conquista é fruto de um longo trabalho de imersão no segmento automobilístico, uma vez que a DMSBOX presta serviços para a Renault desde que a marca implantou sua fábrica no Brasil, há 20 anos: “Trabalhar com esse segmento nos fez desenvolver importantes habilidades e metodologias para oferecer aos clientes soluções inovadoras, consistentes conceitualmente e viáveis financeira e tecnicamente.

A Nissan chega para consolidar ainda mais nossa experiência nesse mercado”. Além da Renault e da Nissan, a agência também tem em seu portfólio clientes como Volvo Trucks, Cacau Show, Balaroti, FAE, Electrolux, Fortuna Nutrição Animal, entre outros.

Economia Criativa

9 janeiro, 2018 às 21:05  |  por Alexandre Correia dos Santos

Com histórico em inovação e tecnologia para a construção civil, sendo premiada internacionalmente pelo seu sistema construtivo, a construtora paranaense Tecverde se destaca mais uma vez. Agora abre financiamento coletivo para um de seus empreendimentos imobiliários em parceria com a Urbe.me e a Formanova, também de Curitiba. Os investimentos podem iniciar em mil reais,  com rentabilidade projetada entre 13% a 15% ao ano e ainda é garantida ao investidor uma garantia de rentabilidade mínima de 120% do CDI sobre o dinheiro aplicado.

O empreendimento para captação é o Residencial Terra Brasilis, voltado para o Programa Minha Casa Minha Vida, e situado na cidade Marília/SP, uma das melhores cidades para se investir em imóveis segundo o ranking do Grupo Prospecta – P2i.

“A inovação está no DNA da Tecverde desde seu nascimento. Está no modelo de negócio, no pioneirismo do sistema construtivo wood frame, e agora no sistema de captação. Esta é a primeira vez que uma empresa do Paraná tem essa iniciativa para um empreendimento imobiliário e estamos muito animados. O projeto dá uma rentabilidade boa para o cliente do Urbe.me, que é a pessoa física; e, ao mesmo tempo, traz um recurso competitivo em relação aos outros modelos de financiamento com que trabalhamos, e tudo isso de forma ágil”, comenta Beto Justus, Diretor de Desenvolvimento Imobiliário da Tecverde.

A Tecverde é reconhecida no mercado pelo empreendedorismo de seus sócios e equipe, pela capacidade de inovação não apenas no mercado da construção civil e é referência em soluções eficientes e sustentáveis. Esses atributos despertaram o interesse do fundo norte-americano GEF (Global Environment Fund), especializado em investimentos em empresas de alto crescimento e que se destacam pela eficiência socioambiental e hoje é parte da Tecverde Engenharia S.A.

Informações:
www.urbe.me
www.tecverde.com.br
Site do empreendimento: http://formanova.com.br/terra-brasilis/
Fone: (41) 3209-2431

Primeiro Faz de Conta do Ano

8 janeiro, 2018 às 19:03  |  por Alexandre Correia dos Santos

Acabou a espera. A partir deste sábado (13/1) as famílias voltam a se divertir com os espetáculos infantis gratuitos do projeto Faz de Conta, no Shopping Estação. Quem abre a programação de 2018 é o artista Matias Donoso, que transforma o palco em um picadeiro com o seu show circense.

Foto: Priscilla Fiedler 

Números de improviso e participativos, aliados a malabarismos e equilibrismos encantam a plateia a partir das 16h no Espaço Faz de Conta (piso L1).

Serviço
Faz de Conta Show Circense
Quando? Sábado (13/1), às 16h
Quanto? Gratuito
Onde? Espaço Faz de Conta, piso L1

Shopping Estação
Av. Sete de Setembro, 2.775, Rebouças – Curitiba (PR)
(41) 3094-5300
www.shoppingestacao.com.br

@shoppingestacao |www.facebook.com/ShoppingEstacao

FELIZ NATAL 2017

25 dezembro, 2017 às 09:47  |  por Alexandre Correia dos Santos

Um maravilhoso Natal aos milhares de leitores da nossa Coluna. Obrigado de coração, pela cumplicidade e regularidade de acesso ao nosso Mercado Criativo. Feliz Natal 2017.

ANUNCIO NATAL

 

Big Data e Games

22 dezembro, 2017 às 14:05  |  por Alexandre Correia dos Santos

A indústria de Big Data é tida como uma das mais promissoras no mundo. No Brasil, segundo levantamento da IDC, o setor deve ultrapassar a cifra de US$ 1 bilhão em 2017. A estimativa no mundo é que a movimentação chegue aos US$ 11 bilhões. A capacidade de melhorar a experiência tanto do usuário quanto da empresa pode ter ramificações abrangentes. De acordo com a Gartner, essa deve ser a maior tendência do marketing analítico até 2018. Isso devido à usabilidade do Big Data, que pode otimizar a jornada do consumidor, além de utilizar as ferramentas de publicidade para aprimorar o índice de conversão. No mercado de jogos, os dados coletados permitem incrementar a experiência do jogador e aumentar a assertividade na oferta de títulos e, também, no desenvolvimento de games imersivos, capazes de manter a atenção por mais tempo.

Durante o processo de construção de um game, os profissionais envolvidos utilizam informações coletadas previamente referente ao perfil dos jogadores, de modo a aumentar a precisão nos desafios, visual e dinâmica. “O uso de Big Data é muito promissor, pois é possível se aproximar mais do público-alvo, saindo do ambiente conceitual e analisando suas preferências de maneira clara. Ao utilizá-lo já no desenvolvimento, aumentam os acertos, mitigam possíveis riscos e aproximam o game de seus jogadores”, analisa Alan Carvalho.

O mercado de jogos também pode se beneficiar de informações coletadas para aumentar sua segmentação, alcance e aceitação. “Nos jogos on-line e off-line é possível que as desenvolvedoras acertem na oferta de títulos. Ao perceber que jogadores preferem games de esporte, as lojas podem oferecer opções similares. Além disso, saber quais são os fatores que fazem com que uma pessoa permaneça jogando permite que as companhias trabalhem em atualizações e pacotes adicionais que fazem com que os participantes fiquem mais tempo dentro de um game específico”, afirma Leonardo Santos, CEO da Semantix, empresa referência no mercado de Big Data, Inteligência Artificial, Internet das Coisas e Análise de dados.

Los Quadros

19 dezembro, 2017 às 16:18  |  por Alexandre Correia dos Santos

Três irmãos e a vontade de empreender. Assim nasceu a empresa paranaense Los Quadros em outubro de 2015, que tornou a decoração por meio de quadros acessível a todos. Hoje, menos de dois anos de sua fundação, já possui seis lojas próprias, virou franquia já com oito lojas, loja online e registrou crescimento 400% no último ano. Presente em estados do sul e sudeste do país, os irmãos Borges preveem mais 18 lojas para 2018 e lançam serviço exclusivo em seus quiosques: o de personalização de quadros.

Com produção caseira em uma garagem alugada no bairro Portão em Curitiba e entregas feitas de ônibus e a pé, surgiu a Los Quadros, em outubro de 2015. A ideia do irmão do meio, Gabriel Borges, de vender quadros decorativos a um preço acessível, deu tão certo que desde o começo a demanda foi grande, chegando a 400 quadros por mês. Neste ponto o irmão mais novo, Murilo, já havia embarcado no negócio, sendo responsável por lidar com os clientes que os contatavam via grupos de divulgação de redes sociais. Quando o irmão mais velho, Douglas, chegou à cidade e viu o potencial do negócio iniciou a negociação com um shopping.

Ambiente 4

“Gabriel já desde adolescente comercializava produtos no Mercado Livre. Ali aprendeu bem sobre o negócio e em uma visita ao site percebeu a alta demanda por placas de MDF ou PVC, em que se cola um adesivo decorativo. Foi aí que teve a ideia fazer um quadro com impressão, moldura e vidro para vender, um produto com maior valor agregado. Inicialmente vendeu no Mercado Livre, mas a demanda foi muito grande para a capacidade de produção naquele momento. Foi necessário cancelar a conta no site. Foi aí que ele e Murilo iniciaram a divulgação em grupos de compra e venda no Facebook. Deu tão certo que chegamos onde estamos”, conta Douglas Borges, o irmão mais velho e também investidor do negócio.

O criativo X-Pandeiro

14 dezembro, 2017 às 17:29  |  por Alexandre Correia dos Santos

O que antes era um plano, agora vai sair do papel. O pandeirista Gustavo Carvalho, conhecido como Iê dos Santos, acaba de arrecadar mais de R$ 17 mil em campanha de financiamento coletivo para viabilizar sua invenção, o X Pandeiro. Esse é um mecanismo que silencia as platinelas e confere ao pandeiro uma nova gama de sons. A ideia de Carvalho surgiu no próprio dia a dia da profissão, quando sentiu falta de um acessório que desse mais possibilidades ao pandeiro, assim como acontece com a bateria, por exemplo.

“O X Pandeiro é um mecanismo que pode ser instalado em um pandeiro comum e acrescenta ao instrumento o recurso de silenciar o som das platinelas durante o ato de tocar. Com esse recurso um simples pandeiro pode soar como um Tambor, um Atabaque, um Talking drum, um Frame drum e por aí vai”, explica Carvalho, que patenteou o produto em 2005 e agora vai colocá-lo ao alcance de todos.

versoQuarenta e uma pessoas aderiram à campanha do X Pandeiro, que teve duração de aproximadamente dois meses. Muitos deles devem ser os donos dos primeiros X Pandeiros fabricados através de impressora 3D, uma recompensa pela contribuição. Além do X Pandeiro, alguns contribuintes ainda recebem aulas via Skype com Gustavo e um livro com o método para aprender a tocar. As recompensas variam conforme o valor da contribuição e começam a ser entregues na segunda quinzena de fevereiro de 2018.

 

Ponto Frio e Influencers

14 dezembro, 2017 às 17:16  |  por Alexandre Correia dos Santos

Como forma inovadora de mostrar toda variedade de produtos e conveniência do Retira Rápido e reforçar a proposta de valor da marca trabalhada ao longo do ano com o tema “Descomplica”, o Pontofrio promoverá um amigo secreto entre influenciadores das redes sociais de diversos segmentos.

A ação, criada pelas agências Y&R e Wunderman, teve início com as nove personalidades recebendo o convite do Pinguim para participarem da brincadeira e, também, quando conheceram seus Amigos Secretos. Por meio de um hotsite:  www.pontofrio.com.br/amigo-secreto/dicas-dos-youtubers.aspx  desenvolvido para a ação, os fãs dos influenciadores poderão conhecer a lista de desejos de presentes que cada um gostaria de ganhar. Em suas páginas no Instagram e Facebook, os influenciadores postarão dicas do seu amigo secreto e pedirão ajuda para seus seguidores sobre presentes, dentro do portfólio de itens disponíveis no site do Pontofrio. Os participantes comprarão os presentes pelo site do Pontofrio, optando pela modalidade Retira Rápido, e farão a revelação e troca dos presentes no dia 14 de dezembro, em uma loja Pontofrio, mesmo local da retirada dos produtos. Para acompanhar o evento, fechado para convidados, cada personalidade poderá levar 35 seguidores.

O Retira Rápido é uma modalidade de entrega em que o cliente compra pelos sites e pode retirar em mais de 1.000 locais, entre lojas Pontofrio, Casas Bahia e Extra.

ponto frio

Além dessa iniciativa, o Pontofrio contará também com uma campanha de final de ano que contempla um filme institucional trazendo os principais momentos da marca em 2017, mostrando como a rede “Descomplicou” a vida dos seus clientes ao longo do ano. O filme será veiculado nas redes sociais do Pinguim. Já para TV, radio e internet, a rede conta com a campanha “Descomplica no Natal do Pontofrio”, que tem como personagens Papai Noel e um Duende divertido mostrando como “descomplicar” nos presentes.  A criação é de LP Andrade, André Petrini, Christian Matsumoto, Mariella Abreu e Natália Pires, com direção de criação de Marcel Magalhães, Tiago Barreto e Ricardo Papp.

O Futuro e a Realidade

14 dezembro, 2017 às 10:20  |  por Alexandre Correia dos Santos

O empresário brasileiro precisa aceitar, compreender e se adaptar às inovações tecnológicas e digitais que estão transformando cada vez mais rápido o mercado, o mundo dos negócios e as relações de consumo. A realidade futurista não está distante; ela acontece agora, no presente. Adequar serviços, projetos e ações a tecnologias como Inteligência Artificial, Internet das Coisas, Realidade Aumentada, Revolução 4.0, Big Data requer soluções robustas.

Ricardo Montanher, diretor de vendas da Horizons, especializada em telecomunicações e tecnologia da informação, sugere às empresas que mudem a mentalidade e passem a praticar três conceitos para atuar na realidade futurista: prever, proteger e responder. Para cada uma delas, a Horizons tem a solução e a ferramenta adequadas.  “O resultado da aplicação dessas ferramentas também é uma conversão muito maior de negócios, por isso é imprescindível a capacidade de se adequar rapidamente aos novos modelos e movimentos do mercado”, observa Montanher.

Conduzir o processo de transformação digital é um caminho inexorável para as grandes corporações. Um exemplo, são os processos de produção que tendem a se tornar mais eficientes, autônomos e customizáveis e a requerer plataformas capazes de suportar a integração de uma quantidade de dados. O compartilhamento de informações exige velocidade e segurança. “É uma questão de sobrevivência”, admite Montanher.  É bom ter consciência de que não existe inovação sem futurismo e a convergência das tecnologias, um caminho sem volta. O portfólio de produtos e serviços da Horizons está em sintonia com essa realidade ao oferecer uma gama de plataformas e soluções inovadoras e capazes de colocar as empresas rumo a um ambiente futurista.

Montanher afirma que a Horizons desenvolve uma série de soluções corporativas em internet, telecomunicações e tecnologia da informação, capazes de garantir segurança, conexão exclusiva, velocidade, segurança e fluidez na transmissão de informações, garante Montanher.