Arquivos da categoria: vinho

Restô Bar Mezanino das Artes

1 dezembro, 2017 às 15:43  |  por Bárbara Magalhães

 O Restaurante Mezanino das Artes,  querido pelos  curitibanos, mudou,  e o que já era bom , ficou ainda  melhor ! 

Agora, oferece  um   happy hour com culinária contemporânea, carta de drinks especiais  e  apresentações artísticas, numa nova  versão de Restô Bar. O  restaurante se torna ainda  mais animado no happy hour , tendo também a   qualidade de um ótimo jantar e mantendo seus deliciosos almoços♥

 “Já temos um público fiel à noite no Mezanino das Artes, mas sentimos a necessidade de trazer algo novo. Adicionamos ao menu novas porções e entradas sem deixar de lado os pratos já tradicionais da casa, em um menu produzido pelo nosso Chef Adilson Lázaro. Além da carta de vinhos, trouxemos uma carta de drinques elaborada pelo renomado mixologista Willian Machado. Com o Restô Bar queremos que nossos clientes encontrem no Mezanino mais que um lugar para jantar, mas um espaço para confraternizar e apreciar arte e música”, comenta Giuliano Coletta, novo proprietário do restaurante.

 O Restô Bar abre de segunda a sábado, para almoço, happy hour e jantar. A programação artística para a noite, coemça a partir de quarta. No menu musical , nas quartas-feiras, jazz e blues as quintas e sextas, e no sábado MPB.

Apresentações dança, saraus literários, exposições e esquetes teatrais também estão na  programação do Mezanino das Artes, que já tem duas apresentações de Tablado Espanhol com Cláudia Ortiz e Cia agendadas para 08 e 16 de dezembro.

 

mezanino Salada -Marcelo Cozzo

 

Além de manter as opções já famosas da casa para o jantar, como o salmão grelhado ao molho de amêndoas com risoto de uva verde, o congrio negro com crosta de castanha e o Noix a poivre vert, o Chef Adilson criou uma parte totalmente nova com porções e entradas.

 

 mezanino Napoleão de Siri. Foto Marcelo Cozzo

 

Seguindo a linha contemporânea e elaborada do Mezanino, entre as novidades destacam-se no cardápio o Napoleão de Siri, uma entrada fria de carne de siri desfiada com rodelas de maçã verde;

 

 

Mezanino  Salmão Gravlax_menor. Foto Marcelo Cozzo

 

o Salmão Gravlax, com lâminas de salmão condimentadas, mostarda D’jon e especiarias;

 

mezanino Porção de Mignon  Marcelo Cozzo

e a porção de Mignon com Gorgonzola e Damasco.

 Novos pratos também foram adicionados ao menu da noite, como Mignon Sourton,

 

mezanino Bacalhau -Marcelo Cozzo

 

o Bacalhau do Chef e as Vieiras grelhadas com papardelle. Todas as criações foram inspiradas na história do Chef Adilson, que possui quase 20 anos de carreira não apenas em restaurantes renomados de Curitiba, mas também na Espanha, Argentina e Chile.

 

mezanino Moscow Mul Foto Marcelo Cozzo

 

Para acompanhar as opções do menu, uma carta de drinques elaborada pelo mixologista Willian Machado completam os sabores do happy hour do Mezanino. Destaque para o Moscow Mule, Imperial Mirtilo e Mezanino Sour.

 A noite do Restô Bar Mezanino das Artes acontece de segunda a sábado, das 18h até o último cliente ir embora. A cozinha fecha à meia-noite.

 

mezanino  Foto Marcelo Cozzo_menor

 

 Uma viagem gastronômicapara diversos países e regiões do mundo : é assim o  almoço do Mezanino das artes.

Cada dia da semana entra no cardápio opções internacionais e regionais.

Na segunda-feira é dia das Américas, com pratos que variam dos nachos ao ceviche.

Terça-feira é almoço Árabe; a quarta é Brasileira com feijoada e moqueca baiana;

quinta-feira é a vez da comida regional que foca na culinária de diferentes estados brasileiros.

A sexta fica por conta da culinária italiana, com massas artesanais feitas na casa.

O almoço é servido das 11h30 às 14h30 a R$ 51,90 o quilo ou R$ 29,90 livre.

 

Mezanino das Artes:

Endereço: Alameda Dr. Carlos de Carvalho, 805 – Centro.

Telefone: (41) 3222-3439

Horário de atendimento: De segunda a sábado. Almoço das 11h30 às 14h30 e Restô Bar das 18h a 00h.

Serviço de Valet: R$ 15,00

 www.mezaninodasartes.com.br
Facebook.com/restobarmezaninodasartes

Instagram.com/restobarmezaninodasartes

fotos Marcelo Cozzo com assessoria 

Vinícola Franco Italiano lança três novos rótulos de vinhos com edição limitada

30 novembro, 2017 às 19:05  |  por Bárbara Magalhães

Foto: Priscilla Fiedler

 

A Vinícola Franco Italiano, lança  três novos rótulos de vinhos em edições limitadas: o Paradigma Corte Bordalês, o Paradigma Rotto Tannat e Paradigma Cabernet Franc.

 Fernando Rausis, responsável pela produção da Franco Italiano, conta que o Paradigma Corte Bordalês é resultado da técnica do corte de diferentes uvas, reunindo o Cabernet Franc 2012 e o Merlot 2013. Já o Paradigma Rotto Tannat, safra 2012, ficou 30 meses em barril, conquistando novos patamares de qualidade.

 “Por fim, lançamos o Paradigma Cabernet Franc, que representa um resgate histórico e uma viagem enológica ao princípio da produção dos vinhos finos no Brasil, já que a Cabernet Franc foi uma das primeiras uvas viníferas plantadas em grande escala no país. Encerrar o ano com esses três lançamentos nos enche de orgulho”, afirma ele.

 O Paradigma Corte Bordalês (R$ 80) vem com edição limitada a 1.787 garrafas, o Paradigma Tannat (R$ 120) com 1.326 e o Cabernet Franc (R$ 65) com 1.144 unidades à disposição. Todos estão à venda na loja da Franco Italiano, que também realiza entregas.

 A Vinícola Franco Italiano fabrica vinhos e espumantes desde 1878 e é pioneira no Paraná na fabricação pelo método francês champenoise, criado por monges franceses no século XVII. Seus vinhos e espumantes já conquistaram títulos importantes do segmento, com várias medalhas de ouro e prata no Mondial de Bruxelles e no Concurso Internacional de Vinhos do Brasil.

 

Vinícola Franco Italiano

Rua Rodolfo Camargo, 26 – Colombo

Horários da loja: de segunda a sexta, das 9h às 17h (com intervalo entre 12h e 13h15), e aos finais de semana, das 9h às 17h.

Telefone para mais informações: 41 3621-1211.

foto P.Fiedler com assessoria

Sorvetes e doces franceses Dagniaux.

16 novembro, 2017 às 14:28  |  por Bárbara Magalhães

Dagniaux - fachada minha 

 

Um delicioso pedacinho da França  abriu na Rua Vicente Machado 1997, a Dagniaux -   Fundada em 1923 na França , ela  acaba de inaugurar sua  loja física em Curitiba,  que lembra muito  as sorveterias francesas. Com todo o charme de suas  paredes rosa choque,  com estrutura que parece uma praça, a marca tem opções de  sobremesas artesanais,  que respeitam a tradição e o “savoir faire” de seus criadores.

 

dagniaux

 

 A Dagniaux  chegou no Paraná , pelas mãos de Vincent Alexandre Van de Velde  , bisneto do criador da Glaces Ruiz, proprietária da marca Dagniaux, e que traz diretamente da França os sorvetes, sorbets, entremets, bolos, confeitos, salgados e cafés .

Até pouco tempo  a marca era vendida  em supermercados e restaurantes, além de food trucks espalhados por feiras gastronômicas e eventos. No entanto, desde o primeiro semestre, Vincent concentrou as sobremesas apenas na loja, buscando qualidade e um cuidado maior no manejo dos sorvetes.

Todos os produtos seguem a receita original da família, utilizando somente o leite das vacas Holstein, que são alimentadas apenas com linhaça, permitindo assim um teor maior em gordura e mais cremosidade aos sorvetes. “Nossos produtos mantém uma qualidade constante, com as mesmas características dos sorvetes fabricados há 90 anos”, afirma Vincent.

Junto ao leite, a empresa utiliza matérias primas nobres, como frutas processadas no seu mais alto teor em açúcar – o que diminui a colocação adicional -, frutas in natura e polpas. Nas receitas da Dagniaux são privilegiados alguns ingredientes,  como a framboesa  da Córsega, o morango da Bourgogne, a manga da Índia, o pistache de Bronte, na Sicília, o chocolate belga, o cacau do Equador e a baunilha de Madagascar.

 São nove sabores de sorvetes e seis de sorbets sem lactose, vendidos a R$ 7 a bola no copo ou casquinha. Há opções como Violeta de Toulouse (com pétalas de violeta), chocolate belga, Speculoos (bolacha típica belga), baunilha de Madagascar, caramelo com flor de sal, Abricot (damasco), entre outros.

 

 dagniaux. sorvetes

 

Os sorvetes artesanais também podem ser vendidos em taças confeitadas, montadas pelo cliente ou em sete preparos sugeridos pela casa a R$ 17,90 cada. O “Pour Belle Hélèlene”, por exemplo leva sorvete de baunilha com sorbet de pêra, calda de chocolate e chantilly. Há, ainda, “Coupe Exotique”, com sorvete de manga, maracujá e limão acompanhados de chantilly e frutas tropicais.

 

 Dagniaux - milkshake

 

Como toda casa de sobremesas que se preze, a Dagniaux também serve milk-shakes com seus sorvetes artesanais, com oito opções a R$ 18,90. São servidos em curiosas canecas que mais parecem potes de vidro de conserva, com chantilly e caldas variadas por cima. O de Ovomaltine, disputado por muitas redes, tem sua versão na confeitaria francesa, com baunilha e leite. Ou ainda o Nuteloso, com sorvete de Nutella, o próprio creme de avelãs e leite; o Limoncello (sorvete de limão verde com licor de limoncello- foto) e o Café com Jack Daniel’s (sorvete de baunilha com café solúvel, Jack Daniel’s e crocante de cacau).

 

 Dagniaux - doces2

 

O carro-chefe da Dagniaux é seus ‘entremets’, que são pequenas sobremesas com sorvetes, mousses, frutas e caldas e diferentes formatos. São 11 opções a R$ 16,90 cada, como o Macaron com recheio de framboesa, chocolate, caramelo ou pistache; o Bolchoi, com sorvete de Grand Marnier (uma espécie de licor de laranja) e de tangerina; a Nougat, com sorvete de avelã e amêndoas com coulis de framboesa; e o Merveilleux Speculoos, com uma bolacha belga no formato de tortinha.

 

 Dagniaux - trouxinha2

 

O cardápio da Dagniaux vai além dos sorvetes, e um sucesso do inverno continua sendo servido: o fondue de sorvetes. São 12 mini bolas de sabores variados, frutas da estação, brownie e cookies da casa com caldas de chocolate de gianduia, trufas ao leite e chocolate branco em uma porção a R$ 79 que serve até quatro pessoas.

 

 Dagniaux - trouxinha1

 

A confeitaria da Dagniaux se completa com brownies, petit-gâteaux e tartelettes a partir de R$ 18, e os crepes e trouxinhas com sorvete a R$ 18,90. Também os bolos de sorvete a partir de R$ 16,90 a fatia, como o Foret Noire (chocolate e cereja), Fraisier (morango), Vacherin (avelã) Pavês (baunilha com pistache, morango ou chocolate), Perigourdine (café), entre outros, e os personalizados, em que o cliente indica o número de pessoas que irão degustá-lo, os sabores (em até 7 camadas) e a decoração desejados. A Dagniaux se encarrega de todo o preparo.

 

Dagniaux - salgados 

 

Neste segundo semestre, a loja lançou a linha de salgados franceses com os petiscos mais tradicionais do país. O Croque Monsieur (R$ 15,90) é preparado com pão de forma (normal ou integral), presunto royale, queijo prato e queijo gorgonzola gratinado acompanhado de uma pequena salada. Ou o Croque Madame (R$ 18,90), que leva os mesmos ingredientes do Monsieur e mais molho bechamelle e ovo.

 Já as quiches estão disponíveis nos sabores Lorraine (R$ 15,90), com bacon em cubos e queijo, e o de Alho Poró (R$ 15,90).

 

Dagniaux - cafe

 

Para acompanhar as sobremesas e os salgados, a Dagniaux oferece uma linha com diferentes preparos de café, com os simples espresso e ristretto (R$ 5), o cappuccino grande (R$ 9), o Afogatto (R$ 12,50) e o combo de café gourmet com um macaron e um petit brownie (R$ 14,90). As versões alcoólicas podem ser com Cointreau, Cognac ou Irish (R$ 15). E os chás estão disponíveis nos sabores hibisco, verde e branco a R$ 12 cada.

 

 Dagniaux - coxinha de sorvete

 

Nesta temporada de primavera-verão, a Dagniaux também está lançando duas sobremesas com a cara do Brasil: a coxinha e o pastel com recheio de sorvete (R$ 16,90 cada). A primeira é preparada com massa de churros recheada com sorvete de creme e calda de chocolate por cima. Já o segundo é um pastel com recheio de sorvete de pistache. As duas novidades começam a ser vendidas neste mês de novembro.

 Há, ainda, os frapês com café, chá mate ou de hibisco a R$ 15, como o Pondichérie (sorvete speculoos ou caramelo, uma dose de café duplo, chantilly e gengibre), o Madagascar (sorvete de baunilha, café duplo e xarope de amêndoa), o Fruits des Bois (chá de hibisco e de framboesa) e de limão e de damasco.

 E, para quem quer comemorar algo especial, a Dagniaux tem até uma carta de vinhos e espumantes com taças a R$ 15. Também as garrafas de cabernet sauvignon (R$ 50), pinot noir e tempranillo (R$ 80), moscatel (R$ 80) e espumante (R$ 90). E as cervejas Stella Artois, Heineken e Budweiser (R$ 8).

 

Dagniaux - donos 

Os proprietários Vincent o e Vinicius. 

 

Dagniaux Sorvetes Franceses Artesanais

Av. Vicente Machado, 1997, Batel

Horário de atendimento: diariamente, das 12h às 19h30.

41 99946-9976

fotos minhas do celular e  de G.G com assessoria 

Garage Vinhos promove “A Garage é Delas”,

26 outubro, 2017 às 21:07  |  por Bárbara Magalhães

garage vinhos

 

 

 Amanhã,  sexta-feira, dia 27 de outubro, a Garage Vinhos, vai promover a primeira edição do evento “A Garage é Delas”, numa noite exclusiva para mulheres, com apresentação e degustação orientada de vinhos da vinícola argentina Vinã Las Perdices.

 Durante o encontro, serão apresentados quatro rótulos da tradicional produtora argentina: Las Perdices Sauvignon Blanc, Las Perdices Rosé Malbec, Las Perdices Syrah/Viognier e Las Pedices Reserva Pinot Noir. Além disso, serão servidos pães da Marbô Bakery, empanadas argentinas preparadas pelo argentino Hugo Volskis, do restaurante Don Hugo, queijos e frios.

As inscrições para o evento “A Garage é Delas” custam R$ 99 por pessoa, com 50% do valor revertido em compras na loja.

 

 Garage Vinhos 

Rua Teixeira Coelho nº 182, Batel.

das 19h30 às 23h.

Mais informações no sitewww.garagevinhos.com.br 

telefone (41) 3528-1844.

foto P.F  com assesosria 

VIN Bistro está com saborosas novidades no cardápio.

10 outubro, 2017 às 12:48  |  por Bárbara Magalhães

 

Vin Bistrô (Foto- Guilherme Pupo)005

 

A chef Cláudia Krauspenhar, depois de alguns meses  no comando  do charmoso  VIN  Bistro, acaba de  lançar o novo cardápio da casa, que está incrível. “Neste tempo, eu pude traçar o perfil dos clientes do restaurante. Então, para compor o menu, consegui aliar clássicos da gastronomia francesa e italiana, além de pratos descomplicados para agradar aos diversos paladares”, conta Cláudia Krauspenhar, que está à frente da cozinha e na  direção do VIN .

 

 VIN ostras novas

 

Nas delícias do  novo  menu de entradas, estão as quedinhas da chef: as Ostras. Elas chegam diariamente de Santa Catarina e são servidas ao natural (R$53 a dúzia ou R$31 meia dúzia) ou gratinadas ao creme de raiz forte ou manteiga de escargot (R$65 a dúzia ou R$35 meia dúzia). 

 

vinho thera

 

Semana passada estive lá,  provando essas maravilhas , sempre uma alegria  e satisfação experimetar a culinária da chef Cláudia . Os pratos foram todos  harmonizados com vinhos da vinícola catarinense Thera, meu eleito da noite , foi esse rosé da foto, excelente ♥ 

 

 

VIN moules_fries

 

Ainda para petiscar, outra paixão de Claudinha, como é carinhosamente chamada pelos clientes e amigos: Moules et Fries (R$53). “Faço elas no bafo, com alho, cebola, vinho branco e temperos, e sirvo com batatas fritas fininhas, assim como é feito na França”, diz.

 

 VIN fagolin

 

Para os pratos principais, as novidades são: o fagotelli carbonara com crisp de guanciale (R$53); saghetti alle vôngole (R$67); cavatelli com polvo, pancetta e peperoncino (R$67);

 

VIN magretdecanard

 

 

magret de Canard ao poivre com purê cremoso de batata doce, praliné de avelã e cogumelo Paris (R$85);

 

VIN chorizo tutano

 

bife de chorizo com tutano e purê de batata trufado (R$89),

 

VIN cordeiro c pistache

 

e lombo de cordeiro em crosta de pistache, molho de vinho do Porto e risoto de cebola caramelizada (R$95). As sobremesas também são atração à parte: no novo cardápio, entra

 

VIN flotan

 

Parfait de banana com praliné de avelã e calda de caramelo (R$27), Île flotante em calda de baunilha (R$26) e a maior referência de comida de rua francesa de todos os tempos:

 

VIN crepe

 

crepes de Nutella com sorvete de creme (R$29) – “quis trazer o cheiro dos food trucks de Paris para dentro do VIN”, conta Cláudia.

 Os pratos estão disponíveis tanto no almoço quanto no jantar, de segunda a sábado.

 

VIN chef claudia

A talentosa chef  Cláudia Krauspenhar do VIN Bistro

 

VIN BISTRO

Rua: Fernando Simas, 260 – Batel

Telefone: (41)3225-3444

Horário de funcionamento: de segunda a sábado, das 12h às 15h (almoço) e das 19h às 23h (jantar).

www.vinbistro.com.br

fotos boas  Guilherme Puppo e as não tão boas assim  do meu celular : )

Degustação de vinhos do Douro e Alentejo na Vino! Batel

6 outubro, 2017 às 14:51  |  por Bárbara Magalhães

Vino! Batel Hauer Shopping (2) Foto Valterci Santos

 

As duas regiões produtoras de vinhos mais importantes de Portugal, Douro e Alentejo, são tema de uma degustação acompanhada por um bate-papo com o especialista Raphael Zanette, na Vino! Batel, na próxima terça-feira (10 de outubro), às 20h. O roteiro da noite contará com quatro vinhos, dois brancos e dois tintos, e jantar com um dos pratos de maior sucesso da casa, a Polentinha cremosa com ragu de costela. O preço é de R$ 90 por pessoa (incluindo os vinhos do roteiro e prato), mais 10%. A casa recomenda reserva prévia com pagamento antecipado, por conta do rápido esgotamento das reservas em edições anteriores. Informações no telefone (41) 3359-1077.

 

Os vinhos selecionados para o evento representam bem o ótimo momento da produção portuguesa. São eles: Alento Branco 2016, Alento Tinto 2015, Quinta Nova Pomares Tinto Douro 2015 e Quinta Nova Pomares Branco 2015. Os dois rótulos da Alento são produzidos pela Adega do Monte Branco, na localidade de Estremoz, e levam assinatura do produtor Luís Louro, que buscou exprimir todo o potencial das castas portuguesas da região do Alentejo, no centro-sul português.

 

Já os vinhos Pomares são intensos, envolventes e sedutores, como o caráter da paisagem que os vê nascer, a região do vale do Rio Douro. Localizada no nordeste de Portugal, a acidentada paisagem está entre as mais belas do país. Ali que a vinícola Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo cria seus vinhos que expressam toda a força de seu terroir.

 

Raphael Zanette - Vino! Batel (1) 

 

Especialista em vinhos e com 15 anos de experiência e dezenas de viagens a Portugal no currículo, o restaurateur Raphael Zanette vai contar detalhes sobre as regiões, produtores e seus grandes vinhos, numa conversa informal, bem ao estilo da rede de lojas Vino!, fundada por ele.

 

Degustação na Vino! Batel

 Data: terça-feira (10/10)

Horário: a partir das 20h.

Endereço: Shopping Hauer – R. Comendador Araújo, 891 – loja 5 – Batel, Curitiba – PR

Informações: (41) 3359-1077

fotos V.S com assessoria 

Amanhã na Vino! Mercadoteca , aula sobre degustação de vinhos

18 setembro, 2017 às 18:34  |  por Bárbara Magalhães

Vino! Mercadoteca (2) Foto Valterci Santos

 

Um workshop especial com degustação de vinhos toma conta da Vino! Mercadoteca amanhã, terça-feira (19/9). O espaço recebe o sommelier inglês Paul Tudgay para uma aula com o tema “O Batismo do Vinho”. O evento começa às 19h30 e vai ensinar como estudar os vinhos com a visão, olfato e paladar, além da harmonização de comidas, entre outros conteúdos. A inscrição pode por telefone (41 – 3205-3901) ou pelo e-mail (eventos@mercadoteca.com.br).

 Paul Tudgay é sommelier certificado pela Court of Master Sommeliers e educador do Wine and Spirits Educational Trust (WSET), ambas instituições inglesas. A aula conta com degustação de vinhos e harmonização com tábuas de queijos e frios, além de água e material de apoio. O valor do workshop é R$ 90 por pessoa, com pagamento antecipado.

Workshop “O Batismo do Vinho” com Paul Tudgay na Vino! Mercadoteca

Data: terça-feira, 19 de setembro

Horário: a partir das 19h30

Investimento: R$ 90 – inscrições através do telefone (41) 3205-3901 ou pelo e-mail eventos@mercadoteca.com.br

Endereço: R. Paulo Gorski, 1309 – Mossunguê, Curitiba

Informações: (41) 3387-6120

fotos N.J com assessoria

Dia Mundial do Vinho do Porto

10 setembro, 2017 às 22:54  |  por Bárbara Magalhães

Porto Messias 10 Anos (2)

 

Dia  10 de setembro comemora-se o Dia Mundial do Vinho do Porto ou Porto Wine Day. A data refere-se ao dia que a região portuguesa foi demarcada e regulamentada por Marquês de Pombal, no distante ano de 1756. Na semana que antecede a celebração, o Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto (IDVP), desde 2014, promove uma série de eventos que reúne os melhores produtores e jornalistas do mundo todo para a “descoberta” de uma das regiões mais belas e prolíficas de Portugal. Mas você não precisa estar na Europa para brindar o Dia Mundial do Vinho do Porto. As importadoras Porto a Porto e Casa Flora trazem ao Brasil produtores espetaculares, Caves Messias e Duorum, que aliam a tradição à tecnologia na produção de exemplares inesquecíveis.

 O Douro, região portuguesa onde se origina o vinho do Porto, é uma das mais belas paisagens vinícolas do mundo, com montanhas recortadas pelo rio que dá nome as terras e marcadas pelo esforço do homem para que das encostas xistosas pudessem prosperar as vinhas. Não à toa é Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. As uvas, colhidas à mão, amadurecem perfeitamente em verões escaldantes e mantém altos teores de açúcares – o que garante a doçura do fortificado.

 A Touriga Nacional reina ao lado de Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinto Cão e Tinta Barroca, entre outras castas nativas. Um charme a mais nesta história são os barcos rabelos, embarcação típica do Douro que tradicionalmente enfrentava as diversidades fluviais para transportar os toneis e possibilitar a comercialização da bebida. Apesar de ser produzido com as uvas do Douro e envelhecido nas caves de Vila Nova de Gaia, o vinho do Porto leva este nome por causa da cidade de onde é exportado.

 A região se orgulha de seus excelentes produtores. Um dos mais destacados é a Caves Messias. Fundada em 1926 mantém a produção em Ferradosa, local onde as videiras foram plantadas pela primeira vez em 1845 pelo Barão do Seixo, sendo mais tarde adquiridas pela família Afonso Cabral, que por sua vez a vendeu aos Messias, em 1956.

 Outra vinícola de destaque é a Duorum, projeto dos enólogos João Portugal Ramos e José Maria Soares Franco, dois nomes entre os maiores da viticultura portuguesa contemporânea. Em um terroir excepcional, a dupla assina vinhos com dimensão internacional, inclusive premiados pelo famoso crítico Robert Parker.

 

Porto Messias 10 anos

Vinho complexo, agradável, com excelente acidez, equilibrado e persistente. O lote é envelhecido por cerca de 10 anos até ser engarrafado. Ideal para acompanhar frutas secas, passas e queijos. A graduação alcoólica é de 20%.

 

Duorum Porto Vintage DOC

Vinho de aroma elegante e intenso, dominado pelos frutos maduros como amora, ameixas e cassis. Muito encorpado e com grande estrutura. Apresenta acidez equilibrada, taninos finos e maduros, tudo bem envolvido em seu corpo. A graduação alcoólica é de 20%.

 

Sugestão de preço, em Curitiba:

Porto Messias 10 anos: R$140,90

Duorum Porto Vintage DOC: R$ 309,90

 

Em Curitiba, onde encontrar:

Adega Brasil, Armazém Seu Luiz, Festval, Armazém Seu Luiz e TintoWine 

(www.tintowine.com.br)

 

Importadora Porto a Porto

portoaporto.com.br

facebook.com/portoaporto

instagram.com/portoaporto

@portoaporto

fotos M.C com assessoria

 

Feriado no Vino! Batel e Mercadoteca .

4 setembro, 2017 às 21:37  |  por Bárbara Magalhães

Vino! Batel Hauer Shopping (2) Foto Valterci Santos

 

As duas lojas Vino! de Curitiba vão abrir durante o feriado de Independência, no 7 de setembro, em horário normal, garantindo uma boa opção para quem quer harmonizar vinhos, gastronomia e agito. A unidade da Mercadoteca (R. Paulo Gorski, 1309) funciona de terça-feira a sábado, das 10h às 22h, e domingos das 11h às 20h. A Vino! Batel, no Hauer Shopping (R. Comendador Araújo, 891 – loja 5), abre as portas de terça-feira a sexta, das 17h à 1h e sábado das 12h à 1h.

 

Ambas as lojas contam com uma seleção de mais de 200 opções de vinhos de dez países diferentes. Há rótulos de Portugal, Espanha, França, Itália, Nova Zelândia, Estados Unidos, Alemanha, Chile, Argentina e Austrália. É possível comprar vinhos tem taças ou garrafas para beber no local. Tanto o Hauer Shopping como a Mercadoteca são muito badalados nos finais de semana e feriados, garantindo a diversão de quem ficar na cidade.

 

Na Vino! Batel a gastronomia também é atração. Há um menu com pratos que vão dos sanduíches e aperitivos a peixes e cortes de carne. A Bisteca de cordeiro (R$ 43) é apresentada com polenta cremosa e pesto de hortelã, enquanto Salmão grelhado vem com palmito pupunha e cogumelos ao molho de limão siciliano (R$ 59). Para compartilhar, há criações como Ravióli de mozarela frito ao pomodori (R$ 22) e o Arancini (R$ 16) de bolinhos de risoto de queijo grana padano e chutney de manga. A casa conta com sofás, mesas e um deck coberto.

 Vino! Mercadoteca (2) Foto Valterci Santos

A semana do feriado tem ainda programação especial. Na terça-feira (5/9), o músico Handerson Banks agita a noite com pop, rock e folk acústico. E na quarta, o projeto Clássico Jazz com interpretações de sucessos do jazz.

 

Já a Vino! Mercadoteca não conta com cozinha, mas o cliente pode harmonizar os vinhos com os pratos dos restaurantes localizados no centro gastronômico, aproveitando a área comum coberta.

 

 

Feriado nas lojas Vino! de Curitiba:

 

Vino! Batel

FUNCIONAMENTO: aberto de terça-feira a sexta, das 17h à 1h, sábado das 12h à 1h.

ENDEREÇO: Hauer Shopping – Rua Comendador Araújo, 891 – loja 5 – Batel, Curitiba – PR

INFORMAÇÕES: (41) 3359-1077

 

 

Vino! Mercadoteca

FUNCIONAMENTO: aberto de terça-feira a sábado das 10h às 22h e domingo das 11h às 20h.

ENDEREÇO: Rua Paulo Gorski, 1309 – Mossunguê, Curitiba – PR

INFORMAÇÕES: (41) 3387-6120

fotos Valterci Santos com assessoria 

L’Epicerie e seus pratos deliciosos na Curitiba Restaurant Week

4 setembro, 2017 às 20:09  |  por Bárbara Magalhães

lepicerie fachada

 

 O bistrô francês L’Épicerie está participando pela primeira vez  da Curitiba  Restaurant Week, que  vai até o dia 17 de setembro . Eu não poderia  deixar de provar os pratos exclusivos  preparados pelo talentoso Chef Gustavo Alves. Uma ida ao L’Epicerie  é sempre uma  alegria,  com adoráveis surpresas, tudo delicioso. 

 

 lepicerie ambiente c cortinas

 

 Os almoços  são servidos nas sextas-feiras, sábados e domingos, das 12h às 15h, por R$ 43.90 + R$ 1.00 de doação para o Hospital Pequeno Príncipe.

Para as entradas as sugestões são: Salada de folhas verdes, tomate e vinagrete de Dijon OU Creme de abóbora Cabotiá.

Já os  pratos principais,  podemos escolher entre o clássico Strogonoff de carne, servido com arroz e batata palha OU o Peito de Frango grelhado ao molho mostarda de Dijon e gratin de batatas, este prato é uma das novidades criadas para o festival.

 As sobremesas são  Crème caramel de baunilha OU

 

lepicerir creme caramelo

Crème brulée de flor de laranjeira e canela que foi minha  escolha : )  com um delicado sabor de laranja , deixando o crème ainda mais especial 

No  jantar, o restaurante abre  de terça à sábado, a partir das 19h, e a entrada + prato principal e sobremesa , por  R$ 54.90 + R$ 1.00 de doação para o Hospital Pequeno Príncipe.

 

lepicerie salada

 

Você pode escolher entre a  Salada Bel Air, com folhas, nozes e emmental ralado,  uma das ótimas  opções, eu amo ♥ ou o Creme de abóbora Cabotiá .  

Mignon ao molho de pimenta, com confit de cebola e gratin de batatas é um dos   pratos principais do jantar.

 

 lepicerie tajine rw

 

 Minha escolha foi,  Tajine marroquina de frango com couscous e legumes, que  faz uma homenagem , em grande estilo ,  ao norte da África e  suas referências francesas . Sabores  equilibrados e marcantes das especiarias,  deixam o prato com um sabor e aroma incrível  e o frango …  não foi preciso  nem usar a faca, ele estava  desmanchando de tão macio ♥ 

 Para finalizar a  noite, as escolhas podem ser entre o Moelleux ao chocolate OU Crème brulée de baunilha.

 Durante o festival  o cliente pode  levar seu próprio vinho, mas será cobrada a rolha no valor de R$30 a garrafa . Mas a grande pedida é  a sugestão do vinho, numa parceria  super bacana com a importadora Porto a Porto,   estão a disposição  o vinho  argentino Benjamin Malbec, da Nieto Senetiner, por R$ 44,90, durante  toda a  Restaurant Week.

 

lepicerie ambiente

L’Épicerie

 Rua Fernando Simas, 340, no Bigorrilho.

Reservas podem ser realizadas pelo telefone 41 3079 1889, após as 16h.

 Valet no local a um custo de R$20.

 fotos do do meu celular 

lepicerie cafezinho

Quem resiste a esse  cafezinho ? Tudo perfeito ♥