Mananciais da Serra podem ser visitados no fim de semana

16 agosto, 2017 às 16:40  |  por Mario Akira

Além de sua riqueza natural, o Parque Estadual Pico do Marumbi, em Piraquara, também é um dos espaços mais importantes do Paraná para a preservação da história do saneamento. Ali estão os primeiros reservatórios de água do Estado e trilhas que levam às estruturas construídas para o abastecimento público da Capital no início do século passado. Uma delas é a Trilha do Carvalhinho que estará aberta para visitação pública e gratuita neste fim de semana, 19 e 20 de agosto.

“A Trilha do Carvalhinho fica nos Mananciais da Serra, em Piraquara, e leva a um reservatório abastecido pelo Rio Carvalho. São 16 reservatórios de água in natura, vinda da Serra do Mar, e que foram utilizados no abastecimento de Curitiba entre 1908 e 2004”, explics o coordenador de Patrimônio Histórico da Sanepar, Junio Ferreira.

 

 

A Trilha do Carvalhinho tem percurso de cerca de 500 metros a partir do Reservatório do Carvalho. Nos Mananciais também estarão abertas para a visitação pública as trilhas do Santuário São Francisco (500 metros), do Salto (percurso de 1 quilômetro), da Chaminé (1,5 quilômetro de extensão) e a Estrada do Carvalho (2,5 quilômetros).

PASSEIO – Os Mananciais da Serra ficam a cerca de 40 quilômetros de Curitiba. As caminhadas nas trilhas têm duração de cerca de uma hora, entre ida e volta. O programa é ideal para passeios em família ou grupos, a pé ou de bicicleta. É proibida a entrada de animais, assim como deixar lixo no local, nadar, pescar, caçar, recolher animais ou plantas.
Recomenda-se que o visitante use roupa e calçados confortáveis, repelente, proteção para sol ou chuva (os passeios acontecem mesmo se chover). É aconselhável levar máquina fotográfica e lanche. Há local para estacionamento de carros e é necessário fazer um cadastro na entrada.

O Programa de Visitas aos Mananciais da Serra é realizado pela Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Prefeitura Municipal de Piraquara, Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e Parque Estadual Pico do Marumbi. O coordenador de Patrimônio explica que o objetivo do p0rograma é estimular a conscientização e a preservação ambiental.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>