Sem a Serra do Mar a Capital não teria o que beber

15 setembro, 2017 às 08:02  |  por Mario Akira

Mais da metade da água consumida em Curitiba e Região vem da Área de Proteção Ambiental (APA) de Piraquara. No local, ficam os Mananciais da Serra, dentro do Parque Estadual Pico do Marumbi. Os Mananciais da Serra ficam a cerca de 40 quilômetros de Curitiba e estarão abertos neste sábado e domingo (16 e 17). O local é próprio para caminhadas e existem diversas trilhas no local, com duração média de uma hora, entre ida e volta.

A qualidade da água está associada a uma legislação que busca proteger a Mata Atlântica e inibe atividades potencialmente poluidoras. Criada em 1996, a APA possui 88 km2 pertencentes à bacia hidrográfica do Rio Piraquara. “As florestas são fundamentais no ciclo hidrológico, são verdadeiros reservatórios de água.

 

 

Nessa APA, as florestas também protegem rios importantes e os Mananciais da Serra. Curitiba e boa parte de sua Região Metropolitana ficam muito próximas das cabeceiras dos rios e não teriam condições de serem bem abastecidas como são hoje se a maior parte de todos desses rios não estivesse nessa condição de proteção e não houvesse também o auxílio dos reservatórios”, explica o engenheiro florestal Maurício Bergamini Scheer, que atua na Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar).

MANTER ECOSSISTEMA – Para o coordenador da área de Patrimônio Histórico da empresa, Junio Ferreira Lima, é importante que a população conheça a região, onde ficam os Mananciais da Serra e ajude a manter esse ecossistema preservado. “Todos os meses, abrimos parte dos Mananciais da Serra para que a população visite a região e compreenda sua importância e sua riqueza, especialmente para a produção de água”, diz.

Na APA Piraquara, além da Mata Atlântica, são encontrados diversos tipos florestais, como a araucária, campos nativos, florestas de galerias e várzeas. A fauna apresenta cerca de 70 espécies de mamíferos, 300 aves, 50 peixes e mais de 50 anfíbios e répteis. Refúgio de uma biodiversidade exuberante, no local também estão as primeiras obras de saneamento no Paraná. “Ali está o coração da história do saneamento, com os primeiros reservatórios de água do Estado e trilhas interessantes que levam às primeiras estruturas construídas para o abastecimento público de Curitiba”, diz Junio.

PASSEIO – O programa é ideal para passeios em família ou grupos, a pé ou de bicicleta. É proibida a entrada de animais, assim como deixar lixo no local, nadar, pescar, caçar, recolher animais ou plantas. Recomenda-se que o visitante use roupa e calçados confortáveis, repelente, proteção para sol ou chuva (os passeios realizam-se mesmo com chuva). É aconselhável levar máquina fotográfica e lanche. Há local para estacionamento de carros e é necessário fazer um cadastro na entrada.

O Programa de Visitas aos Mananciais da Serra é realizado pela Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Prefeitura Municipal de Piraquara, Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e Parque Estadual Pico do Marumbi.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>