Prefeitura de Campo Largo contesta nota do Ministério Público

5 outubro, 2017 às 08:09  |  por Mario Akira

Em razão da Recomendação Administrativa formulada pelo representante do Ministério Público do Paraná, sobre cargos comissionados na Prefeitura Municipal, o prefeito de Campo Largo, Marcelo Puppi, publicou nota sobre o assunto. A nota esclarece que “a Prefeitura Municipal de Campo Largo, antes mesmo de qualquer recomendação, realizou a Reforma Administrativa, onde foram extintas 5 secretarias e 114 cargos comissionados. A própria Reforma exige a qualificação para o exercício dos cargos remanescentes. Ressalta-se que inexiste no município de Campo Largo qualquer nomeação que descumpra preceito de Lei. Além disso, é constitucionalmente assegurado ao chefe do Executivo a livre nomeação e/ou exoneração dentro da previsão legal. De forma que, aqueles que perdem a confiança ou deixam a desejar no quesito competência, são exonerados de pronto pelo chefe do Poder Executivo”.

O prefeito disse ainda que estranha a nota do Ministério Público, e lembrou que 25% dos cargos comissionados são preenchidos com funcionários estatutários do próprio Município.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>