Arquivos da categoria: Adrianópolis

Cide vai governar Adrianópolis

3 outubro, 2016 às 14:47  |  por Mario Akira

Município no extremo norte da Grande Curitiba, Adrianópolis terá prefeito novo em 2017. Cide do Banco (PSC) venceu a eleição realizada neste domingo (2), obtendo 2.900 votos. Seu oponente, Sandro Santos (PDT), recebeu 1.331 votos.

Adrianópolis recebe projeto de universidade para ações de infraestrutura

11 maio, 2016 às 13:43  |  por Mario Akira

O município paranaense de Adrianópolis recebeu, na última semana, projetos desenvolvidos por alunos dos cursos de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo e Análise e Desenvolvimento de Sistemas da Universidade Positivo (UP). As ações apontam para melhorias em áreas como saneamento, habitação, mobilidade e saúde.

A apresentação dos trabalhos, que contou com a presença do prefeito de Adrianópolis, João Manoel Pampanini e da comitiva da prefeitura, faz parte do projeto criado pelo Laboratório de Cidades da Escola de Comunicação e Negócios da Universidade Positivo, em 2014. A iniciativa tem a finalidade de estimular o desenvolvimento da cidade de Adrianópolis, que apresenta um dos menores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do estado.

Para o diretor da Escola de Comunicação e Negócios da UP, Rogério Mainardes, a entrega consolida o projeto desenvolvido na cidade. “Estamos tirando o conhecimento da sala de aula para aplicar nas necessidades de Adrianópolis”, afirma. Segundo Mainardes, o município vai identificar onde será possível colaborar e a UP irá ajudar a materializar todo o processo. “Queremos levar esse bom exemplo. O trabalho dos alunos que saem da sala de aula e vira algo concreto e efetivo cria um diferencial no mercado para nossos alunos”, garante.

A equipe do estudante analisou o funcionamento da área de saúde do município e reuniu as informações sobre as atividades do dia a dia do setor em um sistema de dados. Com base nesse sistema, a equipe de saúde de Adrianópolis poderá identificar com mais detalhamento as áreas, por exemplo, que necessitam de mais intervenção e de recursos que podem ser solicitados junto às instâncias governamentais do Estado e Federal.

Em dezembro de 2014, um Acordo de Cooperação para Ensino e Pesquisa que prevê a realização de inúmeras iniciativas com o propósito de melhorar a realidade de Adrianópolis foi assinado pelo reitor da Universidade Positivo, José Pio Martins; o diretor-geral da Escola de Comunicação e Negócios da UP, Rogério Mainardes; e o prefeito de Adrianópolis, João Manuel Pampanini. O projeto é uma extensão do Núcleo de Estudos e Laboratório de Cidades da Escola de Comunicação e Negócios da UP, que faz de Adrianópolis seu primeiro estudo de caso. Dessa forma, os alunos dos 54 cursos da instituição podem desenvolver projetos dentro de sua área de ensino para promover o desenvolvimento econômico, social e ambiental do município.

Governador destaca importância de indústria no Vale do Ribeira

18 dezembro, 2015 às 07:58  |  por Mario Akira

O governador Beto Richa participou na quinta-feira (17) da inauguração da fábrica de cimento da Secil Supremo, em Adrianópolis, no Vale do Ribeira, que tem pouco mais de sete mil habitantes e um dos mais baixos IDH do Estado. Com investimentos de cerca de R$ 900 milhões a unidade iniciou a operação recentemente, criando cerca de 600 empregos diretos e indiretos. Durante as obras, foram mais de 1,7 mil empregos.

O empreendimento conta com o apoio do Governo do Estado, por meio do programa Paraná Competitivo, que oferece incentivos fiscais e outros benefícios para investimentos produtivos que gerem empregos, especialmente nas regiões mais carentes do Estado. Richa disse que nova indústria muda o perfil socioeconômico da região do Vale do Ribeira, uma das mais deprimidas economicamente do Estado.

A fábrica já está em funcionamento e tem capacidade para produzir 1,7 milhão de toneladas de cimento por ano. “Uma grande indústria, mais moderna cimenteira do Brasil, que acredita no Paraná e confia no nosso governo. É muito importante investimentos como esse, principalmente nessa região, para garantir emprego e renda e movimentar a economia local”, afirmou o governador.

Governador participa da inauguração de fábrica em Adrianópolis

17 dezembro, 2015 às 08:10  |  por Mario Akira

O governador Beto Richa participa nesta quinta-feira (17), às 12 horas, da inauguração da nova fábrica Secil – Supremo Cimento, em Adrianópolis, no Vale da Ribeira. O empreendimento conta com o apoio do Governo do Paraná, por meio do programa Paraná Competitivo, que oferece incentivos fiscais e outros benefícios para empreendimentos que gerem empregos, especialmente nas regiões mais carentes do Estado.

A empresa já investiu R$ 900 milhões e chegou a empregar 1,7 mil pessoas no ápice da construção. Com a conclusão, gera cerca de 600 empregos diretos e indiretos. A fábrica já está em funcionamento e tem capacidade para produzir 1,7 milhão de toneladas de cimento por ano.

Fomento Paraná inicia parceria com a Universidade Positivo em Adrianópolis

3 dezembro, 2015 às 14:17  |  por Mario Akira

A Fomento Paraná vai participar de uma iniciativa pioneira liderada pela Escola de Comunicação e Negócios da Universidade Positivo. É o Projeto Adrianópolis, que pretende transformar a realidade daquele município da região do Vale do Rio Ribeira, na divisa com São Paulo. O município possui pouco mais de 6 mil habitantes e apresenta um dos mais baixos Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do Paraná.

O assunto foi tema de uma reunião na Fomento Paraná, na quarta-feira (2), com a participação do prefeito de Adrianópolis, João Manoel Pampanini, e do assessor jurídico do município, Clóvis Patriota; do diretor da Escola de Comunicação e Negócios da Universidade Positivo, Rogério Mainardes, e da professora Elisabete Tieme Arazaki, coordenadora do Núcleo de Estudo e Laboratório de Cidades da UP.

O Projeto Adrianópolis foi iniciado em setembro de 2014 e prevê uma série de iniciativas com a participação dos acadêmicos dos 54 cursos da instituição na elaboração e execução de projetos, dentro das respectivas áreas de ensino, para promover o desenvolvimento econômico, social e ambiental do município.

A Fomento Paraná foi convidada a se inserir no projeto, de forma a trabalhar em colaboração para contribuir na formação dos acadêmicos, seja na oferta de crédito para novos empreendimentos e para o desenvolvimento do empreendedorismo, seja no financiamento de projetos de infraestrutura, por meio do Sistema de Financiamento aos Municípios.

Com apoio do Estado, cimenteira gera 600 empregos em Adrianópolis

21 outubro, 2015 às 12:55  |  por Mario Akira

A governadora em exercício, Cida Borghetti, visitou na terça-feira (20) as instalações da fábrica de cimento da Supremo Cimento, em Adrianópolis. Com investimentos de cerca de R$ 900 milhões a unidade iniciou a operação recentemente, criando cerca de 600 empregos diretos e indiretos.

O empreendimento conta com o apoio do Governo do Paraná, por meio do programa Paraná Competitivo, que oferece incentivos fiscais e outros benefícios para empreendimentos que gerem empregos, especialmente nas regiões mais carentes do Estado.

A governadora em exercício lembrou que há mais três cimenteiras em negociação com o governo estadual e que devem confirmar os empreendimentos em breve. “São investimentos que trarão mais oportunidades, com empregos e renda em uma das regiões mais carentes do Estado”.

Domingo no Câmpus celebra atuação de universidade em Adrianópolis

28 setembro, 2015 às 07:50  |  por Mario Akira

No domingo (27), o Coral da Universidade Positivo, que tem como regente Martinho Lutero Klemann, fez uma apresentação musical gratuita, a partir das 14h30, na Quadra de Esportes Anibal Cury, em Adrianópolis.

O evento comemora um ano de projeto da Universidade Positivo (UP) realizado junto com o município de Adrianópolis, que tem como objetivo transformar pela educação. As ações iniciaram de modo tímido, e ao longo do processo foi ganhando espaço entre a comunidade local e alunos da Universidade. Muitas ações já foram realizadas, outras estão em andamento.

Universidade Positivo apresenta Projeto Adrianópolis ao Governo do Paraná

27 agosto, 2015 às 14:38  |  por Mario Akira

Em setembro de 2014, começavam as primeiras expedições partindo da Universidade Positivo (UP) para a cidade de Adrianópolis, um dos municípios com o menor IDH do Paraná, localizado num bolsão de pobreza, a região do Vale do Ribeira, na divisa com o Estado de São Paulo. Quase um ano depois, muito já foi realizado pelos alunos e professores da instituição e os resultados desse projeto foram reconhecidos e celebrados pelo Governo do Estado do Paraná.

O governador do Paraná, Beto Richa, convidou a UP para apresentar, na última quarta-feira, 26 de agosto, o Projeto Adrianópolis durante a reunião do secretariado e dirigentes de empresas estatais no Palácio Iguaçu. Representantes da Universidade e do Projeto mostraram o que tem sido feito pelos alunos de diversos cursos da instituição e os avanços recebidos pela população da cidade adotada.

A reunião foi importante também para identificar pontos de contato e possíveis parcerias entre o Estado e a Universidade Positivo em diversas áreas. Além de projetos estaduais que podem contribuir para a iniciativa, a troca de experiências também incentivará o desenvolvimento sustentável da região.

Sobre o Projeto Adrianópolis – em dezembro de 2014, um Acordo de Cooperação para Ensino e Pesquisa que prevê a realização de inúmeras iniciativas com o propósito de melhorar a realidade de Adrianópolis foi assinado pelo reitor da Universidade Positivo, José Pio Martins; o diretor-geral da Escola de Comunicação e Negócios da UP, Rogério Mainardes; e o prefeito de Adrianópolis, João Manuel Pampanini, O projeto é uma extensão do Núcleo de Estudos e Laboratório de Cidades da Escola de Comunicação e Negócios da UP, que faz de Adrianópolis seu primeiro estudo de caso. Dessa forma, os alunos dos 54 cursos da instituição podem desenvolver projetos dentro de sua área de ensino para promover o desenvolvimento econômico, social e ambiental do município.

Desligamento de energia elétrica afeta abastecimento em Adrianópolis

20 maio, 2015 às 16:06  |  por Mario Akira

A Sanepar informa que, no domingo (24), um desligamento programado da Copel pode afetar o fornecimento de água em Adrianópolis. O serviço começa às 7h45. A normalização do abastecimento está prevista para o início da noite.

Serviço:
Abastecimento será afetado em Adrianópolis
Data e horário: Domingo – 24 de maio – a partir das 7h45
Volta à normalidade: Domingo – 24 de maio – início da noite

Grupo Positivo oficializa “adoção” de Adrianópolis

17 dezembro, 2014 às 15:12  |  por Mario Akira

O reitor da Universidade Positivo (UP), José Pio Martins, o diretor-geral da Escola de Comunicação e Negócios da UP, Rogério Mainardes, e o Prefeito de Adrianópolis, João Manuel Pampanini, assinaram, na última segunda-feira (15), um Acordo de Cooperação para Ensino e Pesquisa, que prevê a realização de inúmeras iniciativas com o propósito de melhorar a realidade do município. Distante 130 quilômetros da capital paranaense e integrante da Região Metropolitana de Curitiba, Adrianópolis fica no Vale do Ribeira – região com um dos mais baixos Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do Estado (que avalia critérios como educação, longevidade e renda).

Há três décadas, a cidade sofreu contaminação por chumbo, o que afastou boa parte da população e afetou diretamente as opções de saúde, emprego e educação. A intenção, segundo Rogério Mainardes, é que a cidade torne-se uma extensão do Núcleo de Estudos e Laboratório de Cidades da Escola de Comunicação e Negócios da UP. Com a iniciativa, professores e estudantes dos 54 cursos da instituição vão desenvolver diferentes projetos – dentro de suas áreas de ensino – em prol do desenvolvimento econômico, social e ambiental do município, que passa a ser o primeiro estudo de caso do Laboratório de Cidades.

De setembro a novembro, foram realizadas expedições para diagnosticar as demandas e estabelecer ações de prazo imediato, curto prazo e médio prazo, para atender as necessidades básicas da população. “Além de cooperar na transformação do município, o projeto multidisciplinar vai agregar conhecimento, experiências e vivência na formação dos futuros profissionais, aliando a integração dos alunos a diferentes áreas do saber, que passam a vivenciar a essência e o desafio de cada curso”, ressalta a coordenadora do Núcleo de Estudos e Laboratório de Cidades da Escola de Comunicação e Negócios da UP, Elisabete Arazaki.