Patrulha do Espaço anuncia o fim das atividades

12 setembro, 2017 às 16:36  |  por José Marcos Lopes

patrulha1
Patrulha: fica o legado (fotos: perfil da Patrulha do Espaço no Facebook)

 

A Patrulha do Espaço, uma das bandas pioneiras do hard rock no Brasil, anunciou nesta terça-feira (12) que vai encerrar suas atividades. O comunicado foi feito no perfil oficial do grupo no Facebook. O último show será em São Paulo, no próximo dia 17 (segunda-feira). A Patrulha foi formada em 1977, pelo baterista Rolando Castello Júnior (Made in Brazil), Arnaldo Baptista (Mutantes), o baixista Oswaldo Gennari e o guitarrista John Flavin (Secos & Molhados). O nome foi tirado de uma música do disco “Loki”, de Arnaldo Baptista, de 1974: “Honky Tonky (Patrulha do Espaço)”.

Foi uma das primeiras bandas a explorar o som pesado no Brasil, quando a maioria dos produtores brasileiros não sabia trabalhar com esse tipo de sonoridade, e se firmou como o principal grupo do estilo do país na primeira década de 1980, apesar do pouco (ou nenhum) interesse das grandes gravadoras, das rádios e das redes de TV (sim, a internet não existia). Abriu para o Van Halen em 1983, em uma das primeiras apresentações de uma grande banda de hard rock internacional no país.

patrulha2
Com o guitarrista argentino Pacco (à esquerda)

A Patrulha influenciou várias bandas e a primeira geração do heavy metal no país. Teve várias formações e entre seus integrantes estiveram o vocalista Percy Weiss (Made in Brazil), o guitarrista argentino Pappo, o baixista Luiz Domingues (A Chave do Sol) e os guitarristas Rodrigo Hid e Marcello Schevano.

Discografia:
Patrulha do Espaço (1980)
Patrulha do Espaço (1981)
Patrulha (1982)
Patrulha do Espaço 4 (1983)
Primus Inter Pares (1994)
Chronophagia (2000)
Missão na Área 13 (2004)
Dormindo em Cama de Pregos (2012)

Leia a íntegra do comunicado publicado nesta terça-feira no perfil da Patrulha do Espaço no Facebook:

Amigas e amigos, depois de muita reflexão, de muito pensar e de conversar com meus companheiros de banda e neste ano, em que Patrulha do Espaço completa 40 anos de estrada, tomei a decisão de pararmos com as atividades da banda, quando finalizarmos este ano de comemorações, que será na segunda-feira dia 17 de setembro de 2018, faremos nosso último show onde tudo começou, na cidade de São Paulo.

Neste meio tempo, seguiremos cumprindo nossos compromissos já agendados, como já estamos fazendo há algum tempo, no esquema de baixo perfil, com poucos shows em algumas cidades, como o fizemos no último domingo em Belo Horizonte e o faremos no próximo sábado em Florianópolis.

Desfiar o rosário de razões para essa decisão seria longo e chato, um dia o farei, mas as razões básicas, são o cansaço e a extrema dificuldade em se fazer algo digno num Brasil onde as dificuldades são cada vez maiores que as facilidades.
Reproduzo aqui algo que li em algum lugar por estes dias, que realmente foi a gota d’água para tomar essa decisão, pois concordo 110% com o que li, que foi o seguinte:

“Se não fosse pelo imoral monopólio dos meios de comunicação a Patrulha do Espaço lotaria estádio de futebol com 50 mil pessoas!”

Creio que cumprimos com dignidade nossa jornada até aqui, mas chegou a hora de dar um tempo, de meu lado não significa que pararei de tocar, seguirei com meus outros projetos artísticos musicais aqui e na Argentina, mas a Patrulha merece um descanso e eu mereço um descanso da Patrulha, ainda nos veremos em alguns shows no decorrer deste ano comemorativo e não vejo isso como algo triste, pelo contrário, melhor parar, do que seguir submetidos a sermos obrigados a tocar num circuito de merda e lidar com promotores e produtores idem.

Muito obrigado a todos e nos seguimos vendo até o último show, saúde, paz, amor e rock para todos.

patrulha3
O baterista Rolando Castello Júnior

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>