PM registra 3ª confusão envolvendo Atletiba de domingo

Um grupo de torcedores do Atlético agrediu seguranças na Arena da Baixada nesta sexta-feira

22/04/11 às 18:45 - Atualizado às 09:18 Redação Bem Paraná, com Rádio Banda B

Nesta sexta-feira (22) foi registrada a terceira confusão envolvendo torcidas organizadas do Atlético-PR e do Coritiba, devido à compra de ingressos para o Atletiba deste domingo (24). Um grupo de cerca de vinte integrantes da torcida do Atlético agrediu seguranças do estádio Arena da Baixada.

Segundo a Polícia Militar, seis seguranças foram agredidos e um deles foi encaminhado ao Hospital Evangélico para observação com ferimentos na cabeça e em um dos olhos. A confusão teria começado antes da abertura das bilheterias, marcada para as 10 horas desta sexta. Pedras e pedaços de madeira foram usados para agredir os seguranças.

“Um dos seguranças agredido foi levado ao Hospital Evangélico e está na UTI em estado grave, ele perdeu dois dentes, teve um nariz quebrado, em um ato covarde, já que eram pelo menos 20 torcedores contra seis seguranças. Estes rapazes do Comando Sul se alteraram e o agrediram, com a chegada da polícia eles fugiram, no entanto, nos deslocamos até uma sede da torcida no Fazendinha e encontramos três destes ‘torcedores’ que foram reconhecidos e presos”, descreveu à Banda B, um policial.

Os outros dois tumultos envolvendo a torcida dos times aconteceram na quarta-feira, dia 20, e na quinta, dia 21. No primeiro episódio torcedores atleticanos apedrejaram um ônibus biarticulado, no bairro Batel, em que estavam torcedores do Coritiba e do Bahia. No outro, integrantes da torcida organizada Império Alviverde tentaram invadir a bilheteria do Estádio Couto Pereira.

Três dos acusados de agressão na Arena foram detidos por tentativa de lesão corporal na sede dos Fanáticos, no bairro da Fazendinha. Eles foram encaminhados ao 8.° Distrito Policial, no Portão.

A Polícia Militar promete usar grande parte de seu efetivo, para trazer segurança as pessoas que forem ao clássico, no domingo, na Arena da Baixada. “Qualquer manifestação violenta será coibida na hora”,disse à Banda B o coronel Ademar Cunha.

0 Comentário
Blogs
Ver na versão Desktop