15º

DNA empreendedor

24/04/12 às 00:00 - Atualizado às 17:01   |  Hamilton Ferreira Fonseca

DNA empreendedor
Existem livros e mais livros ensinando técnicas para desenvolver liderança, empreendedorismo, boa administração e por aí em diante. Os primeiros negociantes, no entanto, tinham o espírito empreendedor no DNA, tinham visão de longo prazo e intuição aguçada. Reuniam características que davam de dez a zero em muitos gestores dos dias de hoje. Muitos negócios vingaram com a sucessão dos filhos e netos, enquanto outros viraram pó e exemplos disso não faltam no Paraná, tais como a Móveis Cimo, Hermes Macedo, Disapel, entre outras.

Da desgraça, a oportunidade
No Paraná, um bom exemplo de empreendedorismo vem do Norte do Paraná, que atraiu de Minas Gerais, Hermínio Pennacchi, trazendo na bagagem muita perseverança e o filho Paulo, então com seis anos de idade. No ano seguinte ao pisar nas terras férteis do Paraná com a promessa do café em abundância, ele viu seu sonho ser queimado juntamente com os cafezais de seu sítio com a forte geada de 1955. Aconselhado por parentes, foi a São Paulo e trouxe duas malas cheias de miudezas da Rua 25 de Março e abriu um comércio de 15 metros quadrados em Arapongas.

Visão e intuição
Hermínio começou vendendo fumo de corda, hábito muito comum na época, e passou a vender os acessórios – palha, cachimbos, isqueiros, cigarrilhas e todo sortimento para fumantes. De olho no futuro, e talvez já imaginando que o cerco aos fumantes poderia extinguir seus negócios no século 21, partiu para venda dos famosos chicles Ping Pong e Adams, com saída bem maior do que os artigos de fumo.

Seguindo os passos do pai
O filho de Hermínio, Paulo Pennacchi, à frente dos negócios, foi indagado dia desses se o primeiro funcionário da empresa estaria vivo para testemunhar aqueles tempos. E foi ele mesmo quem ajudava o pai nas duras batalhas de outrora. A empresa, que comemora seus 50 anos em 2012, atua na área de distribuição especializada em food service e também possui uma indústria de balas e caramelos da marca Pennacchi. O empresário Paulo Pennacchi, que também é presidente do Sindicato do Comércio Atacadista Distribuidor do Paraná (Sinca-PR), tem orgulho do passado e está sempre um passo à frente para antecipar o futuro.

Curtas
* O Porto Itapoá (SC) promove nesta quinta-feira na Associação das Empresas da Cidade Industrial de Curitiba (Aecic) encontro com empresários, importadores, exportadores, despachantes, transportadoras, armadores, investidores e agentes do meio logístico.

* O Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças do Paraná (Ibef-PR) realiza nesta quinta-feira, em Curitiba, evento em parceria com a Fiep. O tema será “A sombra do imposto e o executivo de finanças”. Inscrições abertas e vagas limitadas.

* A Sofhar promove de 7 a 11 de maio curso sobre Windows Server, focado na manutenção e configuração do software Microsoft. Mais informações (41) 3350-1515 ou treinamento@sofhar.com.br.

* Até 7 de maio é possível participar do Concurso Fashion People do Shopping Mueller, que utiliza o facebook como ponto de contato com os candidatos, que devem fotografar uma produção street.

* O empresário Paulo Pennacchi, que também é presidente do Sindicato do Comércio Atacadista Distribuidor no Paraná (Sinca-PR), realiza evento em comemoração aos 50 anos do Grupo Pennacchi em Londrina. 

* O Procon-PR abriu inscrições para curso de direito do consumidor destinado a jovens. Os interessados têm até dia 27 de abril para se inscrever diretamente pelo link “Curso para Jovem Consumidor” pelo site www.procon.pr.gov.br.

Frase:
"Um empreendedor é alguém que se especializa em tomar decisões determinantes sobre a coordenação de recursos escassos”.
(Casson)

 

Publicidade
0 Comentário