15º

Venda de faixa de frequência para tecnologia 4G deverá arrecadar R$ 3,8 bilhões

A tecnologia 4G permite o acesso à internet em velocidades cerca de dez vezes maiores que as praticadas atualmente

27/04/12 às 11:09 - Atualizado às 11:11   |  Agência Brasil

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) espera arrecadar pelo menos R$ 3,85 bilhões com o leilão da faixa de frequência de 2,5 giga-hertz (GHz), destinada à telefonia de quarta geração (4G), marcado para o dia 12 de junho. Esse é o valor esperado se todos os lotes forem vendidos. No total, serão leiloados seis lotes, e o vencedor será aquele que oferecer o maior preço pela outorga de cada um deles. A tecnologia 4G permite o acesso à internet em velocidades cerca de dez vezes maiores que as praticadas atualmente.


O presidente da Anatel, João Rezende, destacou que a agência está se antecipando à tendência de crescimento da demanda por serviços de internet no país. Para o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, a forma como o edital foi elaborado vai levar a uma disputa “de tapas” entre as empresas. “É uma oportunidade excepcional para fazer o que as políticas públicas têm pregado desde o início que é ampliar o acesso das pessoas a serviços de voz e dados”, destacou o ministro.


Para a tecnologia de 450 mega-hertz (MHz), que servirá para ampliar a cobertura dos serviços de telefonia e internet na área rural e que também será leiloada, o preço máximo da cesta de serviços será R$ 63, sem impostos, para uma franquia de 100 minutos. Vai ganhar a licitação quem oferecer o menor preço para o consumidor.
A licitação dessas faixas tem a finalidade de atender à crescente demanda por serviços de telecomunicações e proporcionar a infraestrutura adequada para a realização de grandes eventos internacionais no país nos próximos anos, como a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016. O edital de licitação estará disponível para consulta na página da Anatel na internet a partir das 14h.
 

Publicidade
0 Comentário