19º

Buraco em Almirante Tamandaré aumenta e ameaça igreja

Cratera, causada pela chuva de quinta-feira, cresce e assusta moradores da região

27/04/12 às 19:46 - Atualizado às 20:44   |  Redação Bem Paraná
Cratera em Almirante Tamandaré: ao fundo, a igreja ameaçada de interdição (foto: Franklin de Freitas)

O buraco que interdita a rua Rio Grande do Norte, em Almirante Tamandaré (região metropolitana de Curitiba), aumentou de tamanho nesta sexta-feira (27), segundo moradores da região. Perto do buraco há uma igreja que vai desabar se a cratera aumentar, segundo afirmou um geólogo. E algumas casas também estão ameaçadas. As informações são da rádio Banda B.

A cratera se abriu depois das chuvas que castigaram Almirante Tamandaré, na quinta-feira (26). “Só está aumentando desde o primeiro dia. Nossa preocupação é que as rachaduras tomem contam e destruam as moradias”, declarou Januir de Oliveira, que tem uma casa na beira do buraco, à rádio Banda B.

O trânsito na região está impedido e algumas famílias deixaram as casas. A prefeitura da cidade acionou a Mineropar para detectar as causas do surgimento do buraco. Segundo o geólogo Rogério Felipe, da Mineropar, o solo de Almirante Tamandaré é frágil – o município fica em cima do aqüífero Karst – e a cratera foi aberta de forma natural.

Felipe admitiu que o aumento de tamanho do buraco é algo que deve acontecer. “Ele vai chegar a um limite e parar. Existe uma casa e principalmente uma igreja com pequeno risco de desabar. A segunda inclusive pode ser interditada”, apontou. Segundo ele, a solução para o caso é esperar. Quando o buraco parar de crescer, ele deverá ser tampado com pedras.

"Em Tranqueira, a Rua Rio Grande do Norte foi interditada devido a uma dolina ocasionada com as fortes chuvas dos últimos dias. A via foi sinalizada pela Prefeitura que já acionou a Mineropar para fazer uma vistoria no local, uma vez que se trata de uma área sob o Aquífero Karst", disse nesta sexta-feira a Prefeitura de Almirante Tamandaré, em nota oficial.

 

Publicidade
0 Comentário