Sorteados os rivais do basquete do Brasil nas Olimpíadas de Londres

O torneio começa no dia 28 de julho.

30/04/12 às 14:09 Da Redação, com G1

Foi realizado nesta segunda-feira (30), no Rio de Janeiro, o sorteio para definir os jogos de basquete das Olimpíadas de Londres. No torneio, que começa no dia 28 de julho, as meninas caíram num grupo forte, formado por Rússia, Grã-Bretanha, a cabeça de chave Austrália e duas seleções que virão do Pré-Olímpico mundial. Os homens, que voltam aos Jogos após um jejum de 16 anos, abrem os trabalhos contra a Austrália e ainda pegam na fase de classificação a vice-campeã olímpica Espanha, a China, a Grã-Bretanha e um país da repescagem.
 
As duas maiores jogadoras do basquete feminino brasileiro participaram do sorteio que definiu os grupos para as mulheres. Ao lado de Magic Paula, Hortência brincou ao fazer o sinal da cruz na hora de sortear a chave onde cairia a Rússia, mas deu azar. O grupo brasileiro, que já tinha a Austrália como cabeça de chave e as donas da casa, ganhou a companhia das russas e de outros dois países que ainda vão se classificar no Pré-Olímpico mundial, no fim de junho. Janeth e Erika entraram depois para definir a ordem dos jogos, e o Brasil vai estrear no dia 28, contra o quinto classificado do Pré (a ordem dos cinco será definida em outro sorteio).

O cestinha Oscar Schmidt e o bicampeão mundial Wlamir Marques comandaram o sorteio do masculino. O Mão Santa tirou a Argentina para o grupo A, que já tinha EUA e França – o Brasil sobrou para o B, que tinha Espanha e Austrália e depois ganhou a companhia de China, Grã-Bretanha e um país que virá da respecagem, no início de julho. A estreia será contra os australianos, que no histórico recente fazem jogos complicados contra o Brasil - como no Mundial de 2006, no Japão, quando a equipe nacional perdeu por 83 a 77.
 
Os torneios masculino e feminino em Londres têm 12 equipes cada, divididas em dois grupos. Na primeira fase, os países se enfrentam dentro das chaves. Os quatro melhores de cada grupo avançam para as quartas de final, enquanto o quinto e o sexto disputam as colocações de nono a 12º - os critérios de desempate na primeira fase são confronto direto e saldo nos confrontos entre as seleções empatadas. Os vencedores das quartas passam às semis, e os perdedores são ranqueados de quinto a oitavo.
 
A competição masculina já tem nove países classificados: Argentina, Austrália, Brasil, China, França, Grã-Bretanha, Espanha, Tunísia e EUA. As três vagas restantes serão definidas no Pré-Olímpico mundial, em Caracas, na Venezuela, de 2 a 8 de julho. As partidas da primeira fase em Londres serão disputadas na Arena Olímpica, e a partir das quartas de final os jogos passam a ser na arena North Greenwich.
 
No feminino, já são sete equipes garantidas em Londres: Angola, Austrália, Brasil, China, Grã-Bretanha, Rússia e EUA. As outras cinco saem na repescagem mundial em Ancara, na Turquia, de 25 de junho a 1º de julho. A diferença para o masculino é que as meninas também disputam as quartas de final na Arena Olímpica e só passam para a North Greenwich a partir das semis.

0 Comentário
Blogs
Ver na versão Desktop