14º

Retrospecto contra o Palmeiras anima o Coritiba

Time paranaense foi um dos únicos que triunfou na Arena Barueri e carrega bom histórico recente contra o adversário

27/06/12 às 23:30 - Atualizado às 23:38   |  Lycio Vellozo Ribas
Marcelo Oliveira: "O Coritiba está sendo respeitado no Brasil todo" (foto: Franklin de Freitas)

Se depender apenas dos números, o Coritiba tem boas razões para acreditar em êxito na final da Copa do Brasil diante do Palmeiras. O time coxa-branca consegue furar duas escritas da equipe paulista: a invencibilidade na Arena Barueri e o histórico contra equipes paranaenses na Copa do Brasil.

Para receber o primeiro jogo das finais, o Palmeiras poderia optar pelo Morumbi ou pelo Pacaembu, mais espaçosos – por consequência, dariam rendas maiores – e localizados em São Paulo. Mas a escolha recaiu sobre a Arena Barueri, estádio menor e que fica a 40 km da capital paulista. O motivo dessa escolha é o retrospecto no local.
Somente nesta Copa do Brasil, foram cinco vitórias e dois empates. Desde que o time paulista adotou o local, foram 10 vitórias, seis empates e só duas derrotas no estádio.

Porém, um dos times que bateu o Palmeiras na Arena Barueri foi exatamente o Coritiba. Em agosto de 2011, o time paranaense triunfou por 2 a 0, pelo returno do Brasileirão, gols de Davi e Leonardo (que deixaram o clube neste ano). A outra equipe que se deu bem lá foi o Fluminense.

Além disso, o Coritiba tem um bom histórico recente contra o Palmeiras. É dos coxas-brancas, por exemplo, o único triunfo paranaense diante da equipe paulista na história da Copa do Brasil. Nos outros 13 jogos, o Palmeiras soma 11 vitórias e dois empates. E, neste ano, eliminou Paraná Clube e Atlético antes de chegar à final. A vitória solitária paranaense foi inesquecível: Coritiba 6 x 0 Palmeiras, em maio de 2011.

Nas últimas quatro edições do Brasileirão, os duelos entre os rivais alviverdes teve três vitórias paranaenses, um empate e dois triunfos do Palmeiras. Transpostos para a Copa do Brasil, os duelos dariam a classificação ao Coritiba em todas as vezes (ver quadro abaixo).

Mas, dentro do Coritiba, o discurso é que a final não depende apenas dos números. Depende de trabalho, esforço e respeito ao adversário. Ao menos, os coxas-brancas veem recíproca. “O Coritiba está sendo respeitado no Brasil todo, tecnicamente falando. Isso nos satisfaz e nos gratifica muito”, falou o técnico Marcelo Oliveira.

Publicidade
2 Comentários
  • Neto 28/06/12 às 16:30
    Favorito ? Palmeiras joga com o time titular contra os reservas do Corinthians, que até então só estavam tomando "bucha" no brasileirão e perde de 2 a 0. Já o humilde Coritiba, enfrenta o poderoso Santos na Vila Belmiro, joga melhor, sofre com os erros da arbitragem e sai com um empate em 2 a 2. Agora vai a pergunta, sera mesmo que o Palmeiras tem mais elenco que o Coritiba ?
    Esse ano o Coritiba vai levar a Copa do Brasil sobrando, se duvidar, mata o jogo la em Barueri mesmo, e depois é só comemorar aqui no Couto, por que como vocês sabem, aqui a história é outra ! Só pra relembrar, aquele 6 a 0 em maio de 2011 !
  • Guilherme Motta 28/06/12 às 02:42
    Palmeiras é o favorito ao titulo , apesar do time do coxa ser muito rapido , o palmeiras tem o fator tecnica com dois meias de muita qualidade ( Valdivia e Daniel Carvalho ),sem com contar um centroavante que vem fazendo muitos gols ( Hernan Barcos ).
    O melhor ataque é do palmeiras com 20 gols.
    A melhor defesa é do coritiba apenas 1 gol sofrido.

    Bom gente é isso ai que vença o melhor .