10º

Evite queixas de dor na coluna ao retornar de sua viagem de férias

Confira dicas para não sofrer com este mal.

10/07/12 às 17:58   |  Redação Bem Paraná

O período tradicional para férias em todo o Brasil, é o mês de julho. E junto com o lazer vem a dor nas costas, causada por problemas principalmente relacionados às malas e não pela má postura no carro, no ônibus ou no avião. 

Dores que surgem na hora do preparo ou até mesmo no transporte das malas, sobrecarregando a coluna e ocasionando as terríveis dores nas costas.  De acordo com o fisioterapeuta Dr Leonardo Eicke, membro da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna (ABRC), é importante seguir algumas regras para evitar queixas de dor na coluna ao retornar das férias.

“O ideal é preferi malas com rodas, pois diminui o esforço ao transportá-la; optar por viajar com duas malas pequenas ou médias ao invés de uma mala grande e pesada; se a pessoa já possui dores nas costas, vale a pena contratar um ajudante nos aeroportos ou rodoviárias”, explica o Eicke. 

Outra sugestão do fisioterapeuta é ter total atenção na hora de organizar as malas. “Procure separar e dobrar as roupas em um local que você não precise se curvar. Por isso, evite a cama e faça a organização em uma mesa, por exemplo”, sugere.

Dr Leonardo também lembra que ao carregar ou descarregar o bagageiro o ideal é evitar curvar o tronco para frente, pois essa posição sobrecarrega a coluna. “Faça uma base larga entre os pés, posicionando um na frente do outro. As pernas devem estar um pouco dobradas e a coluna ereta. Retire ou coloque a mala no bagageiro pela alça, fazendo força com as pernas, jamais com a coluna”, ensina.

No aeroporto, a sugestão é procurar ficar de lado para a esteira e fazer a mesma postura do bagageiro. “É muito importante suspender a mala por sua alça, pois ela já estará na posição correta para ser colocada no carro”, explica Dr Leonardo, lembrando que essas dicas valiosas fazem parte do Guia de Postura Dr Coluna, elaborado pela ITC VERTEBRAL, e que está disponível gratuitamente no site: http://www.herniadedisco.com.br 

Publicidade
0 Comentário