23º

Projeto inaugura pista de patinação e alegra inverno “quente”

Estrutura fica no Parque Barigui até o dia 9 de setembro e espera receber mais de 36 mil visitantes até lá

10/08/12 às 00:00 - Atualizado às 09:21
Para patinar o visitante só precisa doar uma lata de leite em pó: projeto também é social (foto: Valquir Aureliano)

Para compensar a falta de frio nesta metade do inverno em Curitiba, ontem a Capital pelo menos ganhou uma pista de patinação no gelo pública. Como parte do Projeto Curitiba Capital do Inverno, foi inaugurada ontem a pista de patinação no gelo no Parque Barigui. A pista foi estreada por alunos do Programa de Atendimento Sócio Esportivo (PASE) e de escolas municipais. A pista possui 220 m² de extensão e ficará aberta até o dia 9 de setembro, com funcionamento diário das 13 às 19 horas.


“Acho que foi uma iniciativa muito boa e que traz uma ótima opção de lazer para a cidade”, disse Rene Miguel da Silva, de 15 anos e aluno de vôlei do Centro de Esporte e Lazer Rua da Cidadania Fazendinha, que se arriscou pela primeira vez na patinação. “No início demora um pouco para se acostumar, mas isso torna tudo mais divertido, especialmente quando estamos ao lado de amigos que também vão escorregar algumas vezes”.
Para poder se divertir na pista é necessário realizar a doação de uma lata de leite em pó. Toda a arrecadação será repassada ao Instituto Pró-Cidadania de Curitiba (IPCC) para o desenvolvimento de ações sociais no município. Após a realização da doação, cada participante poderá permanecer durante quinze minutos na pista.


“Um dos principais objetivos da pista de patinação era estimular a solidariedade por meio da diversão. Esta é uma atividade diferenciada, construída de maneira ecologicamente correta que irá beneficiar muitas pessoas tanto pela prática de atividade física quanto pela arrecadação das latas de leite em pó”, disse o diretor de Lazer e Atividade Física da Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude, Adilson Bassan.
Pista — Um dos grandes diferenciais da pista de patinação no gelo do projeto Curitiba Capital do Inverno é que ela é ecologicamente correta, utilizando um gelo sintético que não necessita de água e nem precisa de sistema de refrigeração e de altos gastos de consumo elétrico.
O gelo sintético é formado por um painel deslizante que possui maior facilidade e versatilidade para montagem e que permite a utilização dos mesmos patins utilizados no gelo.
A expectativa é que aproximadamente 36 mil pessoas participem da ação. Todas as terças e quintas-feiras, até as 15h30, será realizado atendimento preferencial para alunos das escolas municipais de Curitiba e dos projetos e programas da Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude.

Publicidade
0 Comentário