Política de alianças

16/10/12 às 00:00 - Atualizado às 22:52 por Fernando Tupan

A cortina está se fechando para o 2º turno das eleições municipais de Curitiba. A maioria dos partidos já se decidiu se vai de Ratinho Junior ou Gustavo Fruet. Até amanhã o ciclo de conversa estará finalizado e os eleitores curitibanos testemunharão nas ruas a queda de braço entre diferentes grupos distintos, buscando espaço e cada qual tentando chamar para si a responsabilidade pelo desempenho de determinado candidato.
Ontem foi um dia de decisão. Pela manhã Rafael Greca se posicionou. No início da tarde o DEM municipal seguiu o caminho. O PPS anunciou o caminho por volta das 21h. Hoje será a vez do PPL. Até o momento apenas o PSB ainda não se posicionou, mas deverá liberar os filiados e vereadores a buscarem os próprios caminhos, assim como o PSDB o fez.
Ratinho vem mostrando rapidez e ousadia nas abordagens com todos os grupos políticos. Bem mais que Fruet. Ontem na Câmara de Curitiba, vereadores reclamavam que foram procurados apenas pelo candidato da Curitiba Criativa. Eles viam a posição de isolamento de Fruet como uma esnobação para cima de alguns parlamentares – que prometem pagar na mesma moeda se ele for eleito em 28 de outubro.

Seletivo
Gustavo Fruet (Curitiba Quer Mais) está seletivo no processo de busca de apoio. Alguns vereadores que foram eleitos no dia 7 de outubro ainda não receberam ligações da coordenação de campanha e nem mesmo de Fruet para felicitá-los pela eleição. Sem convite formal da coligação ou do candidato, muitos deles, que tem simpatia com a candidatura do pedetista, estão propensos a seguir ao lado de Ratinho Junior (Curitiba Criativa) neste segundo turno – pela completa falta de diálogo.

Dizimado
O PMDB no Paraná foi dizimado na eleição de 7 de outubro. O partido do senador Roberto Requião encolheu de 135 para 56 prefeituras. Desempenho pior do que o do cacique peemedebista paranaense no Brasil, apenas o do baiano Geddel Vieira Lima. O partido na Bahia de 144 mingou para 44 prefeitos.

Ninho de candidatos
Além de Felipe Braga Cortes e Serginho do Posto,l o ninho tucano tem um 3º candidato a presidência da Câmara Municipal de Curitiba. Na manhã de ontem, Professor Galdino, embalado pelos 14 mil votos conquistados nas urnas, colocou o nome dele para os companheiros como opção para o biênio 2013/2014. Mas de início uma proposta dele foi questionada entre os companheiros: a suspensão da compra de água mineral na casa legislativa.

Tempo curto
Gustavo Fruet vai ter uma agenda apertada na terça-feira. Contato com a população apenas durante uma caminhada na Vila Verde, programada para rolar às 14h30. O resto do tempo ele vai gastar debatendo na rádio B2, gravando o programa eleitoral e dando entrevistas para os programas Brasil Urgente, da Band, e no jornal RPCTV 2ª Edição. A noite do candidato será fechada com mais uma das infinitas reuniões marcadas com a militância petista, no Sítio Cercado.

Linha de frente
Mesmo sem o referendo de dois caciques do DEM, o presidente da executiva municipal do partido, Osmar Bertoldi, reuniu-se com integrantes do diretório e candidatos na última eleição em um restaurante da Avenida Iguaçu, em Curitiba. Depois de uma hora e meia de discussões, a legenda, por maioria absoluta, optou em apoiar o candidato da coligação Curitiba Quer Mais, Gustavo Fruet.

Modinha
O candidato Ratinho Junior propôs a Gustavo Fruet um pacto de não agressão. Mas no programa de hoje ele não respeitou. Colocou um eleitor para alfinetar Fruet. A vinheta falava da passagem da irmã de Fruet pela secretaria municipal da Educação e que ela teve a oportunidade de fazer algo e não fez. EleonaraFruet é a favorita para assumir a pasta da Educação caso o irmão vença o 2º turno.

Mudança radical
Quando tudo parecia caminhar para uma composição entre o PPS e o candidato Ratinho Junior (Curitiba Criativa), a executiva municipal do partido, em comunhão com filiados, tomou a decisão na noite de ontem em apoiar Gustavo Fruet no 2º turno das eleições municipais. Rubens Bueno telefonou logo após a reunião para comunicar o posicionamento do PPS aos candidatos. No encontro não faltou polêmica. Um filiado afirmou que pediria a desfiliação se a legenda fechasse com a coligação Curitiba Quer Mais.


Lousa interativa
Artistas e técnicos paranaenses das áreas de música, artes plásticas, literatura, cinema e teatro anunciaram apoio ao candidato Gustavo Fruet (Curitiba Quer Mais). Nomes como Rodrigo Barros, Enéas Lour e Fátima Ortiz, entre outros, manifestaram a adesão distribuindo cartazes dos apoiadores na rede social Facebook. **** Os candidatos Ratinho Junior (PSC) e Gustavo Fruet (PDT) utilizaram o programa eleitoral para apresentar as propostas deles na área na Educação. Afinal, ontem foi o Dia do Professor. **** Hoje será divulgada a primeira pesquisa do 2º turno das eleições municipais. O Datafolha será anunciado no PRTV 2ª Edição. **** O PT está empenhado em descobrir novas lideranças com a invertida que levou no julgamento do mensalão pelo Supremo Tribunal Federal. O dono do partido, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, já está com os olhos brilhando e cheio de esperança com a possível vitória de Fernando Haddad, em São Paulo. Ele pode ser um nome viável para 2018, avalia. Antes Lula precisa convencer os presidenciáveis petistas com uma vitória convincente na capital paulista.

 

Leia mais notícias no
SITE: www.bemparana.com.br/tupan
TWITTER: @fernandotupan  
FACEBOOK: @ Fernando tupan

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Últimas de Coluna do Tupan
Coluna do Tupan Redefinição de forças
Coluna do Tupan Movimento
Coluna do Tupan Relações
Blogs
Ver na versão Desktop