Requião e Gleisi “jogam a toalha”

24/09/14 às 00:00

Os candidatos de oposição ao governo do Estado, Roberto Requião (PMDB) e Gleisi Hoffmann (PT), “sentiram o golpe” das últimas pesquisas que indicam a possibilidade do governador Beto Richa (PSDB) se reeleger já no primeiro turno. Em seus programas eleitorais mais recentes, tanto o peemedebista quanto a petista já não falam mais em vitória, mas sim exibem apelos um tanto quanto patéticos para que o eleitor os ajudem a levar a disputa para o segundo turno. “Peço o seu voto para no segundo turno fazermos um debate mais aprofundado sobre o futuro que queremos para o Paraná”, disse Gleisi no programa da segunda-feira à noite. Requião colocou no ar um quadro com o candidato ao Senado, Marcelo Almeida, fazendo apelo semelhante. Detalhe: o próprio Almeida está estacionado em um distante terceiro lugar nas pesquisas, com Álvaro Dias (PSDB) praticamente reeleito. Ou seja, não consegue sequer amealhar votos para si mesmo, quanto mais para o candidato ao governo.

Marmelada na hora da morte mata
Requião dá sinais cada vez maiores de desespero na reta final. Ontem, tentou mostrar que ainda tem munição para evitar a derrota iminente. Pelo twitter, anunciou hoje que pretende levar ao ar um ataque fulminante contra o tucano em seu programa eleitoral da próxima segunda-feira. “Nosso programa de TV da segunda feira decidira as eleições. Tirem crianças da sala, é a guerra com todos seus horrores. A verdade nua e crua!”, prometeu o peemedebista.

Datado
Gleisi apelou para um vídeo antigo de Alvaro fazendo críticas a Beto Richa para tentar atingir o candidato à reeleição. “O Paraná vai mal. A impressão que fica é de quem se elegeu em 2010 não tomou posse até hoje. Não é porque eu sou do mesmo partido que o governador que eu vou ficar calado”, disse o tucano na ocasião.

Aliado
A candidata do PT também especula sobre como seria ter no governo do Estado “alguém que não tratasse o governo federal como oposição”, ou que “não tivesse como objetivo derrotar o partido da presidente da República”. Só esquece que Dilma também não está com a reeleição garantida.

Homenagem
O PT dedicou o programa ao militante do partido, Hiago Augusto Jatoba de Camargo, assassinado no último final de semana durante uma briga envolvendo cavaletes de campanha.

Surfando
Enquanto a oposição patina, Beto Richa comemora as últimas pesquisas e pede apoio para liquidar a fatura já no próximo dia 5.

Pazes
No programa de segunda-feira à noite, o tucano falou de obras de infraestrutura. E admitiu precisar “do apoio federal para fazer andar a ferrovia Maracaju-Paranaguá”. Depois de tantas reclamações contra Brasília, vai ter que fazer as pazes com Dilma caso ela seja reeleita.

Apelação
O Pastor Everaldo (PSC) exagerou na apelação em seu programa de ontem. Exibiu depoimento de uma mãe cujo filho foi morto em meio a um assalto. Entre outras coisas, ela contou que no momento em que o filho foi assassinado, teria ouvido ele lhe sussurrar no ouvido que estava “indo morar com Deus”.

Aborto
Eduardo Jorge (PV) explicou que seu partido não estimula o aborto. Mas também não concorda com a criminalização de mulheres que decidem fazer o procedimento. Segundo ele, a lei atual é “machista”.

Academia
Luciana Genro (PSOL) exibiu depoimento do professor universitário e filósofo Vladimir Safatle em seu favor. Deve dar resultado na próxima eleição para reitor.

Oportunidade
Genro também fez apelo para que o eleitor “aproveite que a eleição tem dois turnos” e “não jogue seu voto fora no primeiro turno”.

Tudo igual
Fiel ao seu estilo, o PSTU radicalizou, disse que a propaganda de Dilma, Marina e Aécio Neves “é o sujo falando do mal lavado”.

Veja bem
Aécio Neves apareceu em conversa com sindicalistas. Prometeu “papo reto, olho no olho”. Mas questionado sobre a promessa de acabar com o fator previdenciário, que reduz o valor de aposentadorias, tergiversou. Disse que não é bem assim, e que pretende estabelecer um diálogo com os trabalhadores para “encontrar uma alternativa que substitua” o mecanismo.

1 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

interior
pelo menos o interior não vai com beto richa, chega desse governinho de bosta! e BP parem com o sensacionalismo para com o richa q tá feio!
Blogs
Ver na versão Desktop