Prefeitura inaugura Armazém da Família no dia 15 de março

12/03/16 às 14:45 PMSJP
(foto: Divulgação/PMSJP)

 

A Prefeitura de São José dos Pinhais, por meio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, inaugura na próxima terça-feira (15) o Armazém da Família. O programa é voltado às famílias cadastradas – com renda familiar de até 2 salários mínimos, que poderão adquirir itens alimentícios, de higiene e limpeza até 30% mais baratos que os praticados no mercado.

O prefeito Luiz Carlos Setim esteve nesta semana no local conferindo os últimos preparativos. “É um compromisso que assumi em campanha e que agora será entregue para a população que tanto aguardava o retorno do Armazém da Família”.

Os funcionários que vão trabalhar no local já estão qualificados para prestar serviço de qualidade à população. As prateleiras já estão todas repletas de gêneros alimentícios, produtos de limpeza e higiene, são cerca de 300 produtos diferentes, incluindo itens para dietas com restrições alimentares.

Histórico
O primeiro Armazém da Família foi inaugurado em São José dos Pinhais em 1999. Durante 11 anos funcionou em um prédio no bairro Afonso Pena e também no Ônibus do Abastecimento. Foi fechado em julho de 2010, sem deixar outra opção para a população que usufruía do serviço.

Em 2013 o prefeito Luiz Carlos Setim assumiu como compromisso de Campanha e incluiu em seu Plano de Governo reabrir o Armazém da Família em São José dos Pinhais. Para isso, naquele ano foi escolhido um novo local para o programa funcionar, que contemplasse mais regiões de São José dos Pinhais: ao lado do Terminal Central.

Com projeto arquitetônico da Secretaria Municipal de Urbanismo, as obras foram realizadas com recursos próprios do Município, e tiveram início no final de 2014.

O Armazém da Família conta com uma área de 960 m², dividida em área de exposição, carga, descarga e armazenagem de mercadorias, sanitários, administração, vestiários e refeitório para funcionários, e expectativa de atender mais de 40 mil pessoas/mês.

Em 2015 a Prefeitura de São José dos Pinhais assinou o Termo de Cooperação Técnica com a Prefeitura de Curitiba, possibilitando a implantação do programa.

Cadastro
Para se cadastrar é preciso se enquadrar nos requisitos da Lei 2.620 de 25 de agosto de 2015, ou seja, a família precisa ter o perfil estabelecido para o programa: renda familiar máxima de dois salários mínimos.

Os cadastros já começaram a ser feitos pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento na segunda quinzena de fevereiro. A partir de abril o cadastro passa a ser feito diretamente nas dependências do Armazém da Família. Os documentos originais necessários que deverão ser apresentados são:

– Titular: carteira de identidade; carteira de trabalho e previdência social; CPF; comprovante de residência, expedido com no máximo 3 (três) meses de antecedência ao cadastro, em nome do usuário ou seu cônjuge (tais como faturas de luz, água ou telefone). Também é preciso apresentar o comprovante de rendimento dos demais membros da família tais como: contracheque; comprovante de seguro desemprego; extrato detalhado do INSS, nos casos de aposentado, pensionista ou beneficiário; cópia da declaração anual de imposto de renda, se declarante; comprovante de que a família está cadastrada no Cadastro Único do Governo Federal.

– Dependentes: é preciso apresentar os documentos de identidade, e no caso das crianças, a certidão de nascimento.

Para evitar fraudes no cadastro, a Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento poderá realizar pesquisas junto à Secretaria da Receita Federal ou em demais cadastros da Prefeitura. Caso o titular tenha omitido alguma informação, seu cadastro será automaticamente cancelado.

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop