Paraná Clube reencontra ex-promessas e desafetos

13/07/17 às 20:05 - Atualizado às 21:34 Silvio Rauth Filho
Júlio César: meia-atacante surgiu na base do Paraná e hoje está no Oeste (foto: Arquivo Bem Paraná)

O Paraná Clube enfrenta nesta sexta-feira (dia 14) às 20h30 o Oeste, em Barueri (SP), pela 14ª rodada da Série B. A partida marca o reencontro com três ex-promessas do clube paranaense: os goleiros Rodolfo e Murilo Prates e o meia-atacante Júlio César. Outras figuras conhecidas do time paulista são o técnico Roberto Cavalo, o centroavante Robert e o goleiro Felipe Alves.

Rodolfo, 26 anos, é o titular do Oeste. Surgiu na base do Paraná e era apontado como grande revelação do futebol paranaense. Em 2010, provocou polêmica ao deixar o clube e acertar com o Internacional. Em 2011, foi para o Atlético. Não conseguiu se destacar no clube rubro-negro. Em 2012, foi flagrado em exame anti-doping, por uso de cocaína, e chegou a ser suspenso por dois anos. Depois, a punição caiu para um ano. Agora, em 2017, vive sua primeira temporada como titular absoluto em um clube, somando 30 jogos pelo Oeste.

O reserva imediato dele é Felipe Alves, 29 anos, famoso pela habilidade com os pés. Ele esteve no Paraná Clube em 2015, indicado pelo técnico Fernando Diniz. O terceiro goleiro é Murilo Prates, 24 anos, outra revelação da base do Paraná Clube.

Júlio César, 22 anos, não tem presença garantida na partida desssa sexta-feira. Ele está perto de ser contratado pela Chapecoense. O jogador foi revelado na base do Paraná Clube e disputou 31 partidas pelo time paranaense entre 2013 e 2014. Marcou um gol. Pelo Oeste, marcou dois gols e fez duas assistências em 12 jogos na Série B 2017.

O veterano Robert, 36 anos, virou desafeto da torcida do Paraná, após o fraco desempenho pelo clube na Série B de 2016 – disputou dez jogos e não fez gols ou assistências.

Já o técnico Roberto Cavalo viveu extremos no Paraná Clube. Quando comandou a equipe na Série B, virou o treinador com maior aproveitamento de pontos da história do clube nessa competição – somou 58% em 2010 e 55% em 2009. No entanto, contribuiu para o rebaixamento do time no Paranaense de 2011, deixando o time após dois empates, seis derrotas e nenhuma vitória na competição estadual.

Escalação — O Paraná já tem três mudanças confirmadas na equipe. O lateral-direito Junior, lesionado, será substituído por Cristovam. Na zaga, o zagueiro Rayan e o meia-atacante Robson retornam ao time após suspensão. Com isso, Wallace e Felipe Alves ficam no banco.

Uma quarta mudança também é provável. O centroavante Rafhael Lucas foi substituído no intervalo do jogo de terça-feira, contra o Vila Nova, por outro jogador da posição, Alemão. É possível que Alemão ganhe uma chance como titular contra o Oeste. A quinta alteração pode ser Leandro Vilela na vaga de Zezinho.

OESTE x PARANÁ
Paraná: Richard; Cristovam, Brock, Rayan e Igor; Gabriel Dias, Leandro Vilela (Zezinho), João Pedro, Renatinho e Robson; Alemão (Rafhael Lucas ). Técnico: Cristian de Souza
Oeste: Felipe Alves; Daniel Borges, Joilson, Leandro Amaro e Velicka; Wilson Matias, Betinho e Mazinho; Danielzinho, Gabriel Vasconcelos e Júlio César. Técnico: Roberto Cavalo
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)
Local: Arena Barueri, em Barueri-SP, sexta-feira às 20h30

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop