Paraná supera turbulência, vence o Goiás e cola no G4

06/09/17 às 21:22 - Atualizado às 12:51 Silvio Rauth Filho
Alemão, do Paraná, enfrenta o goleiro do Goiás: atacante tem seis gols em 11 jogos na Série B (foto: Reprodução/PFC)

O Paraná Clube mostrou em campo que superou a turbulência do fim de semana, quando o departamento de futebol teve que lidar com a polêmica demissão do técnico Lisca. Nessa quarta-feira (dia 6) à noite, em Goiânia, o time venceu por 1 a 0 o Goiás, pela 23ª rodada da Série B. Comandada pelo auxiliar Matheus Costa, que agora é o técnico interino, a equipe ficou na 5ª colocação, com 37 pontos.

O quarto colocado da Série B é o Ceará, com 37 pontos, mas fica à frente do Paraná no número de vitórias (critério de desempate). A equipe cearense joga pela 23ª rodada no sábado, no Estádio do Café, contra o Londrina.

O jogo dessa quarta-feira no Serra Dourada foi com “portões fechados”, por punição do STJD. Ou seja, não teve a presença de torcedores.

Essa foi a terceira partida de Matheus Costa no comando da equipe. Antes, ele comandou o time na vitória sobre o Brasil-RS e na derrota para o Atlético-MG. Ele assumiu o cargo no último sábado, após a demissão de Lisca. O treinador foi demitido acusado de agredir um integrante da comissão técnica.

FASES
O Goiás completou seis jogos seguidos sem vencer. O time está em 16º lugar, com 25 pontos. Está uma posição e um ponto acima da zona de rebaixamento. Já o Paraná Clube soma cinco vitórias nas últimas sete rodadas da competição.

ARTILHEIROS
O centroavante Alemão marcou o gol da vitória. Ele soma seis gols em 11 jogos na Série B – média de 0,55. Ele é o vice-artilheiro do time na competição. O líder dessa lista é o meia Renatinho, com 7 gols em 19 jogos.

ESCALAÇÃO
O Paraná não tinha Robson e Minho, lesionados, além de Gabriel Dias e Leandro Vilela, suspensos. A novidade foi Vinícius Kiss como volante – antes ele vinha jogando como meia-atacante pelo lado do campo (o chamado “extremo”). O esquema tático foi o mesmo usado por todos os técnicos que passaram pelo clube em 2017, o 4-2-3-1. O Goiás não tinha o zagueiro Alex Alves (ex-Paraná), suspenso.

PRIMEIRO TEMPO
O Paraná começou recuado e com força na marcação. O time teve facilidade para anular as principais jogadas do Goiás e aplicar contra-ataques. O gol veio aos 16 minutos. Renatinho lançou para a área e Alemão chutou para fazer 1 a 0. Depois do gol, a partida ficou amarrada, com raras jogadas ofensivas.

SEGUNDO TEMPO
O Goiás partiu para o “abafa” no segundo tempo, mas com pouca organização. O time goiano apelou para chutes de fora da área e para as bolas altas. A defesa do Paraná mostrou força e suportou o “bombardeio”. O goleiro Richard também se destacou. Aos 22, entrou o volante Luiz Otávio no lugar do meia João Pedro. Aps 29, troca de pontas: saiu Vitor Feijão e entrou Filipe Augusto. Aos 36, troca de centroavantes: saiu Alemão e entrou Ítalo. 

GOIÁS 0 x 1 PARANÁ
Goiás: Marcelo Rangel; Saavedra (Andrezinho), Fábio Sanches, Matheus Ferraz e Carlinhos; Pedro Bambu, Ramires e Léo Sena (Jean Carlos); Carlos Eduardo, Aylon (Gustavo) e Michael. Técnico: Silvio Criciúma
Paraná: Richard; Cristovam, Maidana, Brock e Igor; Jhony, Vinícius Kiss, João Pedro (Luiz Otávio), Renatinho e Vitor Feijão (Filipe Augusto); Alemão (Ítalo). Técnico: Matheus Costa
Gol: Alemão (16-1º)
Árbitro: Vinicius Furlan (SP)
Cartões amarelos: Alemão, Luiz Otávio (P). Ramires (G)
Local: Serra Dourada

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
2 – Michael recebe bom passe na área e chuta cruzado. Richard espalma.
15 – Igor chuta de fora da área. O goleiro espalma, no canto.
16 – Gol do Paraná. Falta no meio-campo. Renatinho lança para a área. Alemão disputa com o zagueiro, ganha e chuta na saída do goleiro.
18 – Léo Sena chuta de fora da área. A bola passa perto, ao lado.

Segundo tempo
5 – Vitor Feijão lança. Alemão sai nas costas da defesa, invade a área e chuta cruzado. O goleiro faz grande defesa.
18 – Vinícius Kiss chuta de fora da área. A bola passa perto, ao lado.
23 – Jean Carlos lança. Matheus Ferraz recebe na área e cabeceia. Richard faz grande defesa.
27 – Carlos Eduardo chuta forte, de fora da área. A bola passa perto, sobre o gol.
42 – Falta perto da área. Carlos Eduardo bate no canto. Richard defende.

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop