Rock in Rio lança projeto socioambiental

20/09/17 às 02:29 Ceres Battistelli | cerestb@gmail.com

Foi lançado na abertura do Rock in Rio (dia 15 de setembro), o Amazônia Live, projeto socioambiental que propõe a recuperação de quase 30 mil hectares de áreas degradadas na Amazônia brasileira, o correspondente a um número estimado de 73 milhões de árvores. A modelo Gisele Bundchen, defensora da causa ambiental, e a cantora Ivete Sangalo destacaram a importância do projeto na abertura do festival, no Palco Mundo. O projeto prevê a recuperação de 28 mil hectares de áreas degradas até 2023 por meio de técnicas como enriquecimento de áreas de florestas secundárias já existentes, semeadura de espécies nativas selecionadas, condução e/ou favorecimento da regeneração natural, e, quando necessário, o plantio direto de espécies nativas.

Incêndio no Parque Nacional de Ilha Grande
O incêndio florestal que atinge o Parque Nacional de Ilha Grande, na divisa entre o Paraná e Mato Grosso do Sul, desde o dia 11 já consumiu cerca de 15 mil dos 78,7 mil hectares de vegetação, estima a direção da reserva. Cerca de 20 brigadistas do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e voluntários se revezam no combate ao fogo, que se aproxima da região de Altônia, no noroeste.

Site ajuda agricultor
Um novo site acaba de ser criado pela Embrapa para auxiliar os agricultores na escolha de árvores nativas para inserção em sua propriedade, de acordo com sua condição de relevo e solo. A ferramenta é resultado de 12 anos de estudos em fragmentos florestais, em Cachoeiras de Macacu, no Rio de Janeiro, e alia o conhecimento científico dos pesquisadores ao tradicional dos agricultores locais. O estudo contempla espécies com potencial madeireiro, alimentício, melífero e as que contribuem para enriquecer a biodiversidade e a fertilidade do solo. Acesse e confira: https://www.embrapa.br/agrobiologia/arvores-na-agricultura.

Jovens aprendem sobre conservação
Jovens entre 14 e 21 anos de Antonina, no litoral do Paraná, se reuniram aos sábados para descobrir formas de preservar a biodiversidade da qual são vizinhos. As aulas gratuitas serviram como capacitação para os 46 alunos formados na primeira turma da Escola de Conservação da Natureza, projeto desenvolvido pela Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental (SPVS). Profissionais de diversas áreas participaram do projeto, ensinando sobre temas como manejo de áreas protegidas, empreendedorismo regional, biodiversidade nativa e restauração ecológica.

Construções sustentáveis
Com o objetivo de divulgar e incentivar o uso sustentável e responsável da madeira na construção civil, o Portal Madeira e Construção terá um stand dentro da 3ª Expo Madeira & Construção, que acontece entre os dias 20 e 22 de setembro, na Expo Renault Barigui, em Curitiba (PR).

 

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop