É possível treinar seu cérebro para ser saudável. Veja como

26/09/17 às 16:24 - Atualizado às 16:25 Redação Bem Paraná com assessoria
(foto: Reprodução)

Ninguém nasce rejeitando beterraba ou apaixonado por sorvete. Talvez por isso seja tão comum ouvir as mães dizerem “mas ele comia de tudo quando era pequeno”. Não é mesmo? O que acontece é que, ao longo do tempo, somos ensinados a dar mais valor para sobremesas, salgadinhos e outras guloseimas, tidos como especiais e, muitas vezes, como recompensa pelo prato de legumes que terminamos. “Dessa forma, deixamos de gostar de muitos alimentos saudáveis, que não pareciam ter nada de especial, e nos apaixonamos por tudo aquilo que vamos querer evitar mais para frente”, fala o médico nutrólogo, Dr. Nataniel Viuniski, membro do Conselho para Assuntos de Nutrição Herbalife.

A boa notícia é que existe sim uma solução. Cientistas americanos descobriram que é possível treinar o cérebro a gostar de alimentos saudáveis tanto quanto fomos ensinados a gostar das tais guloseimas. “Chamada de mindfull eating, a técnica propõe comer com consciência. É estar presente, ter atenção, estar plenamente consciente do que está acontecendo dentro e fora de si – em seu corpo, mente e coração – e no seu ambiente. É completamente diferente de fazer dieta”, explica Dr. Nataniel. Por exemplo, enquanto a dieta muitas vezes propõe privações, o mindfull eating sugere uma mudança de estilo de vida com satisfação em comer alimentos saudáveis, mas com flexibilidade e liberdade de escolha. “A palavra-chave para o sucesso é: treino! Quando passamos a comer bons alimentos com mais frequência, passamos a associá-los a maior sentimento de prazer e felicidade”, coloca Dr. Nataniel.

 

Veja as dicas do médico nutrólogo para que a alimentação saudável se torne prazerosa para você:


1 - Nunca olhe de cara feia para a comida. Você precisa estar otimista para provar aquele novo prato. Caso contrário, já enviará uma mensagem negativa para seu cérebro antes mesmo da primeira garfada. E se estiver estressado, pare e respire primeiro. Isso vai tranquilizar você antes da primeira garfada.

2 – Tenha  interesse ou curiosidade por alimentos que você não conhece. Comprar uma verdura nova sempre que for ao supermercado é uma forma de conhecer novos sabores. E nada de assistir à TV, mexer no celular ou ler jornal durante as refeições. O foco nessa hora é a comida!

3 - Experimente uma, duas, três, dez vezes! É comum não gostar de algo pela primeira vez. Dê mais chances ao seu paladar!

4 - Descubra novas receitas. Alimentos podem ser preparados e combinados de diferentes formas. Cenoura ralada, arroz com cenoura, salada de cenoura com pepino, cenouras ao vapor...

Descubra novas receitas.

5 – Coma alimentos saudáveis mais vezes! A repetição cria o hábito e é assim que o cérebro aprende. Aproveite esses sabores e preste atenção aos efeitos desses alimentos no seu corpo.

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop