Youtz e Google for Education fecham parceria

A start-up brasileira Youtz e a maior empresa mundial de tecnologia fecham acordo de parceria para ampliar o processo de inovação e os serviços educacionais

28/09/17 às 16:07
(foto: Divulgação)

Tecnologia e educação andam de mãos dadas e cada vez mais rápidas. Em velocidade de acelerada, a recém-criadastart-upYoutz acaba de assinar um acordo de parceria com a gigante Google for Education para ampliar seus serviços educacionais e desenvolver novos produtos. A parceria firmada entre as empresas deve acelerar o crescimento da Youtz e fornecer dados do uso de plataformas educacionais para a base Google for Education, divisão de educação da gigante Google. O acordo tem foco na ampliação da segurança digital que torna o ambiente digital apropriado para crianças, maior acesso à informação e aumento da produtividade dos estudantes e educadores. “Já temos uma grande base digital na Youtz, usamos v&aacu te;rias ferramentas eletrônicas que as crianças e adolescentes adoram, e a parceria com o Google for Education irá ampliar nossa velocidade” conta Valdecir Cavalheiro, sócio-fundador e CEO da Youtz.

A recém-criada start-up Youtz já tem currículo de empresa grande. Em menos de um ano de operação, a empresa fundada em 2016 na cidade de Curitiba no Paraná, já inaugurou seis unidades educacionais, criou quatro programas de aprendizagem e se prepara para expandir através do sistema de franquia. “Como uma start-up temos novas tecnologias e estamos criando algo novo, precisamos da inovação digital no processo de aprendizagem”, complementa Valdecir.

Google é considerada a maior empresa de tecnologia do mundo. A parceria com o Google for Education ampliará a capacidade da start-up de fazer negócios. Segundo Taís Aranha, gerente de Comunicação da Nuvem Mestra, empresa associada ao Google, alguns benefícios serão imediatos para a Youtz.Eles terão acesso a ferramentas que promovem a comunicação, gestão do tempo, capacidade de armazenamento ilimitado na nuvem e possibilidade de acesso dos estudantes de qualquer lugar, por qualquer dispositivo, a qualquer momento”, diz Taís. 

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop