Petroleira norueguesa investe em planta de energia solar no Ceará

07/10/17 às 16:04 Folhapress
NATÁLIA PORTINARI SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A petroleira norueguesa Statoil anunciou, nesta quarta-feira (4), um investimento de R$ 78 milhões em uma planta de energia solar em Quixeré, no Ceará. É o primeiro investimento da empresa em energia solar -até então, seu braço de energia renovável tinha projetos de geração eólica na Inglaterra. A Statoil está comprando, com essa quantia, 40% de um projeto já em andamento. Outros 40% serão da Statec Solar, também norueguesa, que obteve a licitação para gerar energia em um leilão da Aneel em novembro de 2015. A obra deve ficar pronta no fim de 2018. A ApodiPar (consórcio brasileiro com três investidores) fica com os 20% restantes. Há um Contrato de Reserva de Energia (CER) de 20 anos com a CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica) para a planta solar. O volume total de investimentos no projeto é de R$ 677 milhões, e a capacidade de geração de energia será de 162 MW, o equivalente ao abastecimento de 160 mil residências, segundo as empresas. A Statoil afirma que o investimento é parte de uma estratégia de diversificação de seu portfólio, para diminuir a dependência de óleo e gás. "Acreditamos que, em 20 anos, ainda vai ter espaço para o petróleo, mas queremos investir gradualmente em energia renovável. A Statec é uma parceira experiente na área", diz Elin A. Isaksen, da Statoil. A Statoil planeja ter 15 a 20% de seus negócios em energia renovável até 2030. No Brasil, a empresa está habilitada para participar dos leilões do pré-sal no fim de outubro.
0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop