‘Star Wars: Os Últimos Jedi’ resgata o melhor da franquia

Chegou aos cinemas nesta quinta o oitavo capítulo da saga

14/12/17 às 22:30 - Atualizado às 22:32 Adalberto Juliatto e Augusto Tortato | contato@curitibacult.com.br | www.curitibacult.com.br
‘Star Wars: Os Últimos Jedi’: possibilidade de quebrar mais recordes (foto: Gustavo Arrais)

Inegavelmente um dos títulos mais famosos e com maior quantidade de fãs espalhados pelo mundo é ‘Star Wars’. Iniciada lá nos anos 70 e de imediato alçada ao sucesso, a saga dos jedis é reconhecida em qualquer canto. É um dos poucos filmes que consegue agradar públicos de todas as gerações possíveis, balançando entre símbolo geek, cult e familiar. Muito disso graças ao trabalho feito pela Disney recentemente, e que acaba de evoluir mais ainda com ‘Os Últimos Jedi’.

Quando a gigante companhia do Mickey adquiriu os direitos das obras de George Lucas, um ar de mistério/medo se instaurou. Certamente ninguém imaginava que a franquia poderia ser revitalizada e entendida, muito menos que com tamanha qualidade. Uma nova trilogia se iniciava em 2015 e ‘O Despertar da Força’ não só recuperou todo o hype, como colocou ‘Guerra nas Estrelas’ no segundo lugar das maiores bilheterias de todos os tempos (passando dos 2 bilhões de dólares).

Dois anos depois, com direito a um spin-off grandioso tanto em crítica quanto bilheteria (‘Rogue One’) neste meio termo, cá estamos, em 14 de dezembro, dia em que chega aos cinemas o 8º capítulo de ‘Star Wars’, intitulado ‘Os Últimos Jedi’; que com todas garantias baterá recordes de bilheteria e boas críticas. Assim como é inegável a qualidade representada em todos os longas, o mesmo se aplica ao nível que este novo componente adiciona ao todo.

‘Star Wars: Os Últimos Jedi’ é dirigido e roteirizado por Rian Johnson, responsável pelas mesmas funções no excelente ‘Looper’. Aqui ele tem apenas seu segundo trabalho de grande proporção e já está cheio de moral no estúdio. Ao ponto de ter sido incumbido para iniciar uma nova trilogia, sem conexões com a principal; mas no mesmo universo. E toda essa moral se mostra totalmente compreensível após vermos a magnitude presente nessa oitava sequência.

Parece que tudo funciona da melhor forma possível, tapando os buracos do antecessor e aprimorando o que já conhecemos. É a produção mais completa até aqui, em todos os sentidos; com as melhores atuações, cenas de ação, diversão, tensão e entretenimento na medida certa. Apesar de ser o filme mais longo, passando das 2h30, todas as passagens fluem incrivelmente bem. Óbvio que não é perfeito e se mostra longe disto em certos momentos, entretanto, é por caminhar em um sentido inexplorado que o faz brilhar.

Temos um aprofundamento essencial nas tramas individuais, principalmente dos dois protagonistas Rey (Daisy Ridley) e Kylo Ren (Adam Driver). Se antes existia certa fragilidade e superficialidade de desenvolvimento, tendo Kylo como exemplo, tudo se corrige agora. Se anteriormente eram apenas aparições, Mark Hamill e seu Luke junto de Carrie Fisher (saudosa em seu último trabalho) como Leia estão agora deslumbrantes. O mesmo se diz para Finn e Poe, de John Boyega e Oscar Isaac respectivamente, que compõe o elenco principal tentando ocupar muito bem um espaço que em outra hora já foi de Han Solo.

Toda a história vai muito além de uma Ray atrás de respostas e aprendizado com Luke, os supostos últimos jedis, e se demonstra bem reveladora e reflexiva. Com cenários fascinantes e batalhas de tirar o fôlego, junto de uma trama cheia de encaminhamentos precisos e personagens convincentes; ‘Star Wars: Os Últimos Jedi’ é a prova de que a franquia ainda tem muito o que apresentar. Melhor que isto, significa enfim uma amostra de como a saga é capaz de render uma produção qualificada em todos os aspectos.


Show

Com ingressos esgotados, Jão se apresenta em Curitiba

Você já deve ter ouvido a versão mais lenta de “Medo Bobo” e “Na Sua Estante” na voz dele. O jovem cantor Jão, possivelmente já apareceu na sua timeline com alguns de seus covers que fazem você querer chorar e muito. O paulista que recentemente assinou com a gravadora Universal Music Brasil e lançou duas músicas autorais, “Álcool” e “Ressaca” traz seu show a Curitiba, nesta sexta-feira (15), no Teatro João Luiz Fiani. Os ingressos estão esgotados. Os vídeos começaram em 2016, com a regravação da música “Bang“, da Anitta. De lá para cá, somam mais de 20 regravações e 12 milhões de visualizações no seu canal do YouTube. Atualmente, Jão, trabalha na divulgação das músicas autorais e no lançamento do seu primeiro EP que saíra em breve.


Foto: Washington Possato

O padre Reginaldo Manzotti: em Curitiba

Evento solidário movimentará o Centro Cívico neste sábado

Neste sábado (16), a Praça Nossa Senhora de Salete, no Centro Cívico de Curitiba, se tornará um palco de solidariedade e diversão para toda a família na décima quarta edição do evento “Missa por Um Natal Solidário”. O evento tem início às 12h e a entrada é gratuita.

Esse ano o tema será: “Natal com Jesus é Natal!” e o lema- “Ele mesmo será a paz!”(Mq5, 4a). O evento que é comandado pelo padre Reginaldo Manzotti contará a participação do cantor sertanejo Gustavo Mioto às 16 horas, Alvaro & Daniel, entre outros. Os participantes são convidados a doar 1kg de alimento não perecível e 1 brinquedo e em troca ganharão uma vela para o momento de oração na noite da Natal.

O evento tem o apoio cultural do Curitiba Cult.


SHOW 

Katy Perry em Curitiba é transferido para Porto Alegre

Para a tristeza dos Katycats, a apresentação anunciada para Curitiba em 2018, foi transferida para a Arena do Grêmio em Porto Alegre no dia 14 de março. Katy Perry também se apresentará em São Paulo, no dia 17, no Allianz Parque, e no dia 18 no Rio de Janeiro, no Parque Olímpico. A mudança se deve à possibilidade de trazer a estrutura completa do show. Os ingressos para os shows iniciou e os valores variam de R$110 a R$1000. Esta não é a primeira vez que Curitiba perde apresentações por conta da estrutura. Em 2007, a extinta banda mexicana RBD anunciou apresentações na capital, mas depois acabou transferindo o show para Meleiro (SC).


 

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Últimas de Coluna Curitiba Cult
Blogs
Ver na versão Desktop