Veja o que 'fica' de 2017 para 2018

Lista de tendências que ganham força neste ano e do que evitar nas promoções

02/01/18 às 23:00 - Atualizado às 10:22

A temporada de descontos já tomou conta das lojas de rua e de shoppings da cidade. Além das ofertas, a melhor forma de garantir economia no começo deste ano é investir em peças que possam ajudar a compor com aquelas que estão no guarda-roupa. Por isso, antes de sair às compras, o ideal é dar uma olhada nas peças para "lembrar" e assim definir o que falta.
Outra medida é buscar informações em sites e revistas de moda sobre as tendências do ano anterior que devem permanecer no próximo ano e daquelas que devem desaparecer. Apesar da mudança da moda de um ano para outro, há estilistas que costumam apostar em releituras de peças que já fizeram sucesso em anos anteriores. Quando a releitura "dá certo", essas peças costumam permanecer por mais tempo.

 


Cinco tendências que ganham força em 2018

Body
Peça que apareceu nos anos 1980 ressurgiu no ano passado e deve permanecer entre as tendências deste novo ano. A peça se mantem como um hit para as produções casuais, compondo com saias, jeans e shorts. A dica é escolher peças em tons sólidos para facilitar a produção.


 

Jeans rasgados e bordados
Eles permanecem em 2018 e passam a protagonizar produções mais glamurosas. Acompanhados de sapatos de salto alto e mule, os jeans aparecem na produção para a noite.



Babados, transparência
Babados, tecido lurex, look estilo pijama, listras, mule, brilho, tênis branco serão incorporadas com as novas tendências das próximas estações.


 


Ombros de fora
Camisas que deixam os ombros em evidência e cintos marcando calças de cintura alta também entram na lista da moda. 


 

Tons
As cores rosa pink e ultra violet estarão em alta em 2018. Dê um tempo nas cores em tons pastéis, como rosa claro. Tons terrosos, como marrom, bege, cobre e vermelho terra também vão estar em alta, assim como o estilo Boho Chic.


 

Cinco tendências que perdem força em 2018

Choker
Marca registrada da personagem de Juliana Paes, a Bibi Perigosa de ‘A Força do Querer’, a gargantilha justa dará lugar a acessórios mais larguinhos. As famosas coleiras ultrasexies e femininas vão desaparecer aos poucos em 2018. Principalmente os modelos bem colados ao pescoço, aqueles de fita de veludo e cetim. Ficam as mais soltinhas de metais, mas com um toque mais despojado e leve.


Pochete
A bolsa usada em torno da cintura, que foi considerada durante muito tempo símbolo da cafonice, reapareceu nas passarelas e ganhou as ruas, mas não fez tanto sucesso assim. Foi apenas uma tendência que não pegou tanto quanto o imaginado. E elas perdem a vez em 2018. Apesar das críticas, nem todas as mulheres se adaptam à peça e preferem bolsas laterais ou transversais em modelos que variam do esportivo ao mais clássico.


Minimochila
Minimochilas também perdem força em 2018. Isso porque elas são consideradas um acessório não muito prático para o estilo das mulheres atuais. A mulher de hoje é prática e multitarefa e precisa de uma bolsa que caiba mais coisas


 

Make pesada
A tendência é deixar o visual da mulher cada vez mais natural. Em 2018, nada de bases superopacas de alta cobertura, contornos marcados e batom exageradamente matte. O novo hit é pele superleve, hidratada com ar de viço natural. Batons continuam com tudo, dos mais neutros aos coloridos, mas a ideia de boca hidratada é que vem com tudo.


Sobrancelha marcada
As sobrancelhas seguem a mesma onda das maquiagem: quanto mais natural melhor. Com isso, aquele visual em que os pelos acima dos olhos são preenchidos com lápis ou sombra perdem força. Chega de maquiagem de sobrancelha a não ser que a ideia seja ficar volumosa e com cara de natura.


 

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop