Técnico do Paraná elogia Gabriel Pires e Felipe Augusto

28/01/18 às 19:48 - Atualizado às 19:51 Silvio Rauth Filho
Felipe Augusto contra o Londrina (foto: Geraldo Bubniak)

O técnico do Paraná Clube, Wagner Lopes, criticou o desempenho da equipe no empate com o Londrina, nesse domingo (dia 28) à tarde. “Poderíamos ter aproveitado melhor a vantagem no placar. Tivemos erros... finalizações lá de quase do meio do campo, quase sem nenhum propósito. Nossa última linha estava recuando muito”, disse.

Apesar das críticas, afirmou que alguns jogadores “estão pedindo passagem”. “O Gabriel Pires entrou bem nos três jogos”, disse, referindo-se ao meio-campista revelado nas categorias de base, que também atua como lateral. “O Felipe Augusto foi bem tanto pela beirada como de nove”, afirmou, ao comentar a atuação do atacante que começou aberto pela esquerda (primeiro tempo) e virou centroavante na segunda etapa. Na avaliação do Bem Paraná, o zagueiro Charles foi o melhor do Paraná na partida.

Em relação à fase do time, que ainda não venceu em 2018, Wagner Lopes lembrou que o time ainda está em pré-temporada. “É um começo ruim. É chover no molhado dizer isso, mas estamos no meio da pré-temporada. Estamos em desenvolvimento do condicionamento físico, tático e técnico. Tem muita coisa para melhorar, para treinar, para falar”, afirmou. “A atitude lá dentro (de campo) tem que ser melhor. Ninguém está satisfeito com nossa performance”, comentou.

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop