Bomba da Segunda Guerra fecha aeroporto de Londres

12/02/18 às 21:12 - Atualizado às 16:16 Folhapress

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O aeroporto de London City, o mais próximo do centro da capital britânica, deverá ser reaberto nesta terça (13), após a descoberta de uma bomba da Segunda Guerra Mundial (1939-1945) ter causado a interrupção do funcionamento durante toda a segunda-feira. Todos os voos foram cancelados e um perímetro de segurança de 214 metros foi estabelecido por precaução, informou o diretor Robert Sinclair. Os passageiros foram orientados a entrar em contato com as companhias aéreas e evitar se dirigir à região. A bomba, não detonada, foi descoberta no domingo durante a realização de obras perto de um cais do rio Tâmisa, localizado próximo à pista do aeroporto. O London City fica no leste de Londres e atende a companhias que realizam voos curtos e também jatos e helicópteros. Aviões da Alemanha nazista realizaram, em 1940, um bombardeio conhecido como "Blitz de Londres", que durou oito meses. Nem todas as bombas explodiram, e muitas continuam sendo descobertas na cidade. Apesar de antigos, os artefatos ainda podem funcionar. Por isso, as operações mobilizam até as forças armadas britânicas.

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop