errrrr

“Se nada é real tudo é permitido”

19 fevereiro, 2016 às 13:38  |  por Erol Anar

errrrr

 

Por Erol Anar /A internet tem inegável benefícios , a despeito disso ela é um golpe na literatura. Os jornais e revistas também têm influência negativa da internet. Grandes jornais, New York times, por exemplo, dizem que em breve eles só serão publicados virtualmente e não terão impressão em folhas. Grandes editoras também falam que  irão no mesmo caminho, livros serão publicados só na internet. Isso será possível? Ler 300 págnias na tela de um  computador? A nova geração, geração da internet, segundo pesquisas não lêem livros, a maior parte não tem paciência nem para ler duas páginas de e-mail…Música e teatro receberam  efeito negativo da internet, filmes atuais são assistidos pelo dvd, em casa, cada dia menos pessoas vão as salas de teatro e cinema. Se nós pensarmos nos museus e exposições artísticas então, teremos um número ainda mais reduzido de visitantes.

A globalização vai destruir diferenças culturais , quase todos os países tem os mesmos programas na televisão: big brother, competição sobre conhecimentos, ídolos , e quem vencerá concurso de música , etc…Por esta razão, as cores das culturas vão desaparecer…o mundo vai ser mais chato e enfadonho.

O capitalismo em despigmentização quer reformar-se. Pode a internet dar essa chance para ele? Grandes empresas nos EUA e no Japão trabalham cada dia mais pelo mundo virtual. Os escritórios montados em casa reduzem custos, os funcionários conectam o principal computador e de casa fazem seu trabalho, sem precisar deslocar-se até o local do emprego. Cada dia isso é mais comum o comércio eletrônico, que amplia as oportunidades de ganho para as empresas, por isso os ganhos tornam-se incomparavelmente   maiores: sem despesas com manutenção de local, funcionários,  e escritórios, etc….  Cartão de crédito é cada dia mais usado do que o dinheiro, e no futuro talvez o dinheiro impresso não exista mais, esse tipo de trabalho vai aprisionar os humanos nas suas casas e destruir o relacionamento social . As pessoas não saíram nas ruas porque não existe segurança lá, e tudo ele poderá comprar na internet e pegar na frente do portão de sua casa. A educação também, poderemos estudar em casa. Vamos pensar sobre o relacionamento de uma família que poderá conviver vinte e quatro  horas na sua casa…Não será fácil!

O progresso da tecnologia do robô vai ser importante para formar a sociedade do futuro, o jornal traz a novidade que os japoneses criaram um robô que será vendido em três anos, esse robô poderá trabalhar ininterruptamente e em difíceis condições, cada dia menos  será preciso um ser humano para realizar a mesma tarefa.

As fronteiras vão se aproximar entre o real  e o virtual.

Talvez essa frase de um missionário Ismaelita no Irã, mil anos atrás,  Hasan Sabbah , explique a sociedade do futuro, ele afirmou que: “ Se nada é real tudo é permitido.”

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>