Arquivos da categoria: Notícia

Os cães e o Ebola

14 outubro, 2014 às 17:03  |  por Fabiana Ferreira

Hoje reproduzo artigo do médico veterinário Marcelo Quinzani que trata sobre o Ebola e os cães. Fiquei indignada na semana passada com a as autoridades espanholas que eutanaziaram um cachorro que teve contato com uma enfermeira infectada com o vírus.

O animal foi retirado de sua casa enquanto seus donos permaneciam em quarentena no hospital. A mesma atitude deveria ser tomada em relação ao animal. Não matá-lo simplesmente como forma de prevenção. Mesmo com os apelos do marido da enfermeira, a mobilização nas redes sociais e de manifestantes no endereço onde o casal morava, a polícia não teve dó.

A doença  Ebola e os cães   

ebola_divulgacao

Nesta semana tivemos contato com a primeira notícia sobre um cão supostamente infectado com o vírus Ebola. O caso aconteceu na Espanha, onde um animal de propriedade de uma enfermeira espanhola com a doença teve que ser eutanasiado, causando muita consternação e preocupação com a possibilidade de animais domésticos participarem da disseminação do vírus. Como se trata de uma doença emergente, há muitas dúvidas, que podem gerar medo e medidas precipitadas. A desinformação é o maior perigo na disseminação da maioria das doenças.

Existe uma preocupação com os cães e outros animais domésticos no papel de transmissores do vírus, mas somente em regiões endêmicas da África. No atual cenário mundial da doença, a probabilidade de um cão fora da África, inclusive no Brasil, transmitir o vírus é muito remota, pois existiria a necessidade de contato direto com pessoas infectadas ou com sintomas do Ebola.

Apesar de existirem evidências de que os cães podem ser infectados, não há nenhum indício de que eles possam desenvolver a doença. Segundo pesquisadores da Universidade de Guelph, em Ontario (Canadá), um estudo com cães em uma comunidade na África, onde um surto do vírus Ebola estava em andamento, 27% dos cães saudáveis tinham anticorpos séricos contra o vírus (ou seja, tiveram contato com o vírus Ebola), mas nenhum tinha o vírus detectável em circulação.

Sinais de exposição ao vírus não surpreendem, pois o contato dos cães com os humanos é muito íntimo e provavelmente um cão de uma pessoa com Ebola tenha contato direto com secreções corpóreas contendo o vírus. Mas independentemente do fato de cães terem sido expostos à doença, não há atualmente nenhuma evidência de que animais infectados podem disseminá-la.

No caso muito improvável de um cão de estimação brasileiro ter contato com uma pessoa com suspeita de Ebola, os serviços públicos de saúde, incluindo veterinários, devem investigar todos os contactantes e isolar esse animal em quarentena. Acreditamos que esforços coordenados estão em andamento para desenvolver orientações para a gestão dos cães expostos a indivíduos com infecção pelo vírus Ebola em todo o mundo.

A falta de informação sobre a contaminação de cães pelo vírus torna difícil o desenvolvimento de práticas baseadas em evidências. No entanto, dada a informação disponível sobre o vírus Ebola em cães, recomendações podem ser desenvolvidas para o evento, mesmo diante da baixa probabilidade de que cães ou outros animais de estimação expostos à doença sejam, a partir daí, uma fonte de preocupação no controle e disseminação da mesma. Mesmo assim, preocupações sobre cães e vírus Ebola não podem ser descartadas e muito menos subestimadas. Elas devem fazer parte de todos os esforços para promover o controle da doença e conter sua disseminação entre os continentes.

*Marcelo Quinzani é médico veterinário e diretor clínico do Hospital Veterinário Pet Care de São Paulo.

 

Caminhada em defesa dos animais e benção neste sábado (4)

3 outubro, 2014 às 16:27  |  por Fabiana Ferreira

Amanhã (4/10) é Dia de São Francisco de Assis, santo protetor dos animais. Para comemorar a data será realizada em Curitiba uma manifestação a partir das 14 horas. A concentração será na Praça do Japão. Está prevista a benção dos animais às 14h30. Será feita uma caminhada até a Boca Maldita.

caminhada_protecao

O movimento organizado por protetoras independentes quer chamar a atenção das autoridades para a investigação de caso de maus-tratos por empresas paranaenses. As protetoras denunciam que motoristas atropelaram cães de rua e não prestaram socorro. Os animais, são três cães muito machucados, estão sob os cuidados das protetoras.

Diria que amanhã também poderia ser comemorado o dia delas, pois aqui na terra podemos considerá-las verdadeiras representantes de São Francisco. E cada vez com mais trabalho.

 

Sábado tem Benção dos Animais

1 outubro, 2014 às 17:35  |  por Fabiana Ferreira

No Dia de São Francisco, sábado (4), acontece a primeira Benção dos Animais na Paróquia Santa Maria Goretti, no Bom Retiro.

Bênçãos dos animais

Leve seu bichinho para ser abençoado das 09h às 12h e das 14h às 16h. A Igreja fica na Rua Cel. João Guilherme Guimarães, 2000, próximo ao Bosque do Alemão.

Neste dia, será realizada missa apenas às 19h. Sem a participação dos bichinhos.

Jornada de Bioética discute o uso de animais na PUCPR

29 julho, 2014 às 18:09  |  por Fabiana Ferreira

Nesta quarta-feira (30) começa a I Jornada de Estudos e Pesquisa em Bioética (Jorneb). Promovida pela PUCPR, serão discutidos temas como a eficácia da bioética e dos direitos humanos e a ética em pesquisa com animais. Na ocasião, a Universidade assinará um acordo a Unesco que firma o compromisso com a promoção do estudo da Bioética.

jorneb1-1280x590

A bióloga e coordenadora do Comitê de Ética no Uso de Animais da PUCPR, Marta Fischer, é uma das palestrantes da Jornada. Entre os temas abordados, nesta quarta-feira (30), das 8h às 12h, estão as correntes éticas e os princípios norteadores das tomadas de decisões de quando, como e porquê usar os animais sob uma linha histórica e social.

A pesquisadora irá abordar as comissões de ética, o contexto histórico e social do seu surgimento, como funcionam as comissões, o que o pesquisador precisa saber para planejar e conduzir a sua pesquisa atendendo as questões éticas e legais.

As inscrições custam R$ 30 e devem ser feitas pelo site www.pucpr.br/jorneb. As vagas são limitadas. As atividades serão realizadas no Bloco Verde do Câmpus Curitiba da PUCPR – Rua Imaculada Conceição, 1155, Prado Velho.

 

 

 

Um gato curitibano na vitrine

21 julho, 2014 às 18:01  |  por Fabiana Ferreira

Um gato na vitrine

Já escrevi sobre os gatos que vivem nas lojas de roupas da Rua José Paulino, no Bom Retiro, em São Paulo. Os coreanos, proprietários das lojas, costumam deixá-los soltos entre as araras e por lá eles até mesmo dormem. Confira o post

Entre as araras, em São Paulo

 Em Curitiba também tem. Li no blog da jornalista Vanessa Brollo e compartilho o link do Partiu Plano B, que fala sobre empreendedorismo. Conheça a história do gato Kiko, ele foi adotado pela dona da loja e costuma pegar um sol na vitrine.

Gato em Curitiba

 

Um cemitério só para gatos

7 julho, 2014 às 15:42  |  por Fabiana Ferreira

gatos

Em Blumenau, encontra-se o primeiro e único cemitério de gatos do mundo, obra de Edith Gaertner, sobrinha-neta do fundador da cidade, o dr. Hermann Blumenau. Li no Blog Lugares Inesquecíveis e compartilho com os leitores do Papo Pet.

Leia mais 

Caminhada em defesa dos animais

30 junho, 2014 às 19:15  |  por Fabiana Ferreira

10300782_10203824270510740_5796966196231209644_n

Organizada por Bernardo Marino, protetor de animais, o evento pretende reunir cães e seus tutores no próximo domingo (6) para lembrar os projetos de lei que podem contribuir para a proteção animal. Cães para adoção são esperados na caminhada.

 

York roubado retorna ao lar

17 janeiro, 2014 às 18:01  |  por Fabiana Ferreira

O yorshire Luck do Seu Iran voltou. O cachorro foi roubado há seis meses quando passeava perto de casa no bairro Novo Mundo. Por um milagre, sim eles existem, uma mulher fez contato há dois dias e disse que estava com o cachorro. Ela disse ter o encontrado na rua.

O Luck voltou (Francielly Fagundes)

O Luck voltou (Francielly Fagundes)

O Seu Iran conta que nunca perdeu a esperança de encontrar o mascote. “Quando me ligaram falando que o encontraram eu senti um arrepio. Na hora que vi o Luck chorei muito e o abracei tanto que quase o esmaguei”, conta emocionado. O cachorro voltou bem cuidado.

Mas agora o Luck tem companhia. Uma senhora sensibilizada com a situação do Seu Iran deu um outro york para ele, o Tody.

Por precaução, o trio só vai passear dentro do condomínio.

foto 5

Colaborou Francielly Fagundes
 

O Papa, o sem-teto e o cão

18 dezembro, 2013 às 14:55  |  por Fabiana Ferreira

A foto que correu o mundo nesta terça-feira, dia 17, em virtude do aniversário do Papa mostra a visita dos quatro sem-teto no hotel onde vive o Pontífice no Vaticano. Como um morador de rua que se preze, o rapaz levou o cachorro seu companheiro inseparável.  Com direito a assistir à missa e aproveitar o café da manhã servido em seguida.

 

Rasca e a plaquinha de cocô

26 novembro, 2013 às 20:50  |  por Fabiana Ferreira

Uma invasão de plaquinhas se espalha pelo bairro Juvevê. Ação do deputado estadual Rasca Rodrigues. Com direito ao número de celular dele no verso.

Limpe é lei, diz o texto. Aviso para os passeadores que esquecem de recolher o cocô do cachorro. Deve ser este um problema muito sério da nossa cidade.

Bom lembrar ao deputado que as fezes dos cães de ruas não têm dono. E olha que eles são muitos. Que tal fazer uma plaquinha: Abandono é crime! Denuncie.