Arquivos da categoria: Solta os cachorros

Hoje eu solto os cachorros… para quem não respeita a causa animal. O assunto é coisa séria e merece respeito.

5 abril, 2012 às 18:03  |  por Fabiana Ferreira

“Cachorro feio, sacrifica e acabou” Esta declaração foi dada por um comentarista de televisão na manhã desta segunda-feira (2). O programa matutino tem em sua bancada além do apresentador outros três comentaristas. Nunca assisti o programa, mas tive que ver pela internet após ser avisada por uma protetora independente.  O tal senhor extrapolou o bom senso ao lado de seus colegas de bancada ao emitir comentários preconceituosos sobre cães que precisam de tratamento veterinário.

A discussão do programa girou em torno de uma proposta do vereador Jair Cesar de abertura de um hospital público para o tratamento de animais de famílias carentes. Uma reivindicação justa, uma vez que a cidade não dá qualquer auxílio veterinário para este público.  Caso a equipe de comentaristas não saiba consta no programa de governo municipal da atual administração a construção de um abrigo para animais vítimas de maus-tratos. Promessa de campanha. Não saiu do papel. Confira a reportagem feita pelo JE

 

O deboche sobre o hospital veterinário para animais também foi parar no twitter de um dos programas da emissora na própria segunda-feira (2). O texto do microblog diz o seguinte: “enquanto a população espera sete horas por atendimento, Curitiba vai ganhar um hospital para animais”. Como já disse no Blog gente é gente e bicho é bicho. Todos merecem respeito. Não é porque os recursos de saúde para a população não são bem distribuídos e aplicados de maneira eficiente que os animais devem pagar a conta.

É uma tendência nacional no jornalismo atual comentar qualquer reportagem. Uma forma de aproximação com o público. Tornar os programas mais populares. A ideia é ótima desde que seja feita por pessoas que tenham o mínimo de preparo para emitir opiniões sobre assuntos gerais. Respeitem a luta de um grupo de Ongs e protetores independentes, que principalmente em Curitiba não contam com nenhum apoio do município. Cada um de sua maneira faz a sua parte. E paga a sua conta com as despesas dos animais.

O tema deve ser tratado com seriedade. Tem avançado a cada dia e ganho cada vez mais espaço nos veículos de comunicação, principalmente, naqueles que sabem lidar com a informação de maneira correta com o objetivo de informar e não criar preconceitos em relação à proteção animal.