Arquivos da categoria: Automobilismo

Harleyflavio31

Harley-Davidson é a marca de motocicletas mais amada do Brasil em 2017

19 maio, 2017 às 13:50  |  por Maximilian Santos

Mais uma vez, a Harley-Davidson do Brasil é eleita como a marca mais amada do Brasil na categoria Motos, entre todas as montadoras de motocicletas estabelecidas no País. Segundo o estudo realizado pelo Centro de Inteligência Padrão e produzido pela Officina Sophia, a H-D é top 10 no ranking geral das marcas mais amadas pelos brasileiros.

Por meio de uma pesquisa de amostragem aplicada em fevereiro, foram realizadas mais de 1.500 entrevistas em todas as regiões do País. A avaliação considerou as classes socioeconômicas A, B e C e foi composta por homens e mulheres, entre 18 a 59 anos.

Segundo a metodologia de inteligência adotada na pesquisa, o amor pelas marcas foi avaliado levando em consideração uma escala de 0 a 10, sendo 10 o nível máximo de admiração a uma marca, com peso 2, enquanto qualquer outra nota tinha peso 1. Este ano, para chegar às médias finais no índice que vai de 0 a 200, o estudo considerou apenas as avaliações de pessoas que já conheciam cada empresa.

A pesquisa também apontou que as marcas premium voltaram a crescer entre as mais amadas, depois de registrar o mais baixo índice médio de pontos, em 2016. Já em 2017, 47% das 20 marcas mais admiradas fazem parte deste nicho específico, com pontuação média de 97.

Segundo o Centro de Inteligência Padrão, foram consideradas cinco dimensões para a realização da pesquisa. São elas “qualidade do produto”, “identidade aspiracional” (o que a marca ajuda a pessoa a ser quem ela gostaria), “humana”, que é a capacidade de humanização da marca (ética e respeito com os seus funcionários e clientes), “conexão emocional do indivíduo com a marca”, se ela desperta desperta desejo e satisfação e “feita para mim”, ou seja, se ela supera as expectativas, atende às necessidades e ainda gera conforto.

“Ao contrário do resultado constatado da edição anterior do estudo, que apontou o crescimento das marcas de luxo entre as mais amadas, este ano nós podemos observar a melhora da qualidade de produtos nacionais e, consequentemente, uma maior procura por estas marcas”, explica o idealizador do estudo e especialista internacional em relações de consumo e varejo, Roberto Meir.

Em seus 114 anos de história, a Harley-Davidson tornou-se muito mais do que uma fabricante de motocicletas. Hoje, a marca é uma lenda do motociclismo e sinônimo de um estilo de vida único, disseminado pelas Américas, Europa, Ásia, África e Oceania. A companhia produz motocicletas Custom, Cruiser e Touring, além de oferecer uma completa linha de peças, acessórios, equipamentos funcionais, vestuário e produtos licenciados, por meio de suas mais de 1.500 concessionárias distribuidas pelo mundo.

“Nossos clientes buscam diferenciação e compartilham dos principais atributos da marca, que são a liberdade, atitude e irmandade. Além disso, realizamos eventos anuais, como National H.O.G.® Rally e o Riders’ Camp, responsáveis por manter a ótima relação da H-D com seus principais clientes e entusiastas. Eles são os mais apaixonados do mundo e tudo isso nos credencia como a verdadeira lenda do motociclismo”, ressalta Flávio Villaça (foto), gerente de Marketing da Harley-Davidson do Brasil.

Em sua trajetória de sucesso, a Harley-Davidson apresenta inovações em motocicletas para que seus consumidores, apaixonados pela marca, desfrutem da melhor experiência sobre duas rodas. Algo que começou como um sonho de jovens rapazes de Milwaukee, Wisconsin (EUA) e se transformou em uma lenda mundial do motociclismo.

 

Editado por Maximilian Santos.
Crédito da foto: Divulgação.

 

 

 

Vincent Gillet - Novo vice-presidente de marketing internacional da Hertz

Hertz anuncia novo vice-presidente para o marketing internacional

16 agosto, 2016 às 00:06  |  por Maximilian Santos

Vincent Gillet, acaba de ser anunciado como o novo vice-presidente de marketing internacional da Hertz Global Holdings, Inc. O executivo será responsável por liderar a estratégia de marketing e planejamento para as marcas Hertz, Dollar, Thrifty e Firefly na Europa, Oriente Médio, África, Ásia-Pacífico e América Latina. Gillet responde ao CMO, Matt Jauchius, e ao vice-presidente sênior de vendas, marketing e gestão de receitas internacional, Jim Mueller. Suas atribuições incluem o marketing regional, e-commerce, digital, marketing de parcerias e desenvolvimento de produtos e marcas.

Vincent Gillet passa a integrar a Hertz como um líder de marketing sênior, com grande experiência internacional nos setores automotivos e de turismo, assim como em varejo, vinhos e bebidas. O executivo possui um histórico de marketing liderado pelo consumidor, inovação de produto, marcas revigoradas, plataformas digitais excepcionais e desenvolvimento de parcerias.

Segundo Matt Jauchius, a participação de Gillet no desenvolvimento das estratégias de marketing globais da Hertz é essencial para continuar a entregar mensagens consistentes para os clientes no mundo todo. Jim Mueller acrescentou que ter alguém do calibre de Gillet na equipe é parte do compromisso de continuar a elevar as marcas e criar novos valores para os clientes e parceiros. “Com 23 anos de experiência em marketing na Ásia, Estados Unidos e Reino Unido, Gillet traz o background necessário para ser bem-sucedido em uma companhia com a presença da Hertz”, finalizou.

Recentemente, Gillet foi o vice-presidente global de marca na Infiniti, da Nissan Motors, onde inovou toda a estratégia da marca para um crescimento significativo. Anteriormente, foi vice-presidente e líder global de marca para os hotéis W e Le Meridien, da rede Starwood Hotels & Resorts, onde realizou a gestão da marca e desenvolvimento estratégico para 145 hotéis.

Vincent Gillet também foi diretor de marketing no Six Senses Hotels and Spa, uma marca de luxo sustentável na Ásia, Europa e Oriente Médio. Antes de começar no setor de hospitalidade, ele trabalhou na indústria de vinho e bebidas, como diretor global de marca da Stoli, country manager da Mumm e Perrier Jouer Champagnes no Reino Unido, e foi gerente de marca sênior da Moet & Chandon. Ele começou a carreira com o varejo, no Chanel Group, com cargos na comunicação, marketing e propaganda internacionais.

 

Crédito da foto: Divulgação.
Edição: Rafaela Salomon.

 

 

Presidente caminhao

Presidente da DAF comunica que Paccar vai quadruplicar produção de caminhões na unidade de Ponta Grossa

25 março, 2016 às 19:39  |  por Maximilian Santos

Michael Kuester, presidente da DAF Caminhões Brasil, anunciou em encontro com o Governo do Paraná, que a montadora norte-americana Paccar está ampliando em quatro vezes a produção dos caminhões DAF na unidade de Ponta Grossa, nos Campos Gerais.

A empresa, que fabricava um caminhão por dia até o ano passado, vai passar a montar quatro unidades diariamente a partir de maio. No encontro com o governador Beto Richa em Curitiba, o executivo também informou que a unidade do Paraná foi premiada, no ano passado, como a mais segura entre as mais de dez fábricas do grupo espalhadas pelo mundo. Kuester ressaltou também a importância da parceria da empresa com o Governo do Estado.

A unidade paranaense começou a ser construída em 2011 e entrou em atividade em 2013. É a primeira da marca fora da Europa e uma das mais modernas do mundo. A Paccar, controladora da DAF, investiu 200 milhões de dólares na fábrica do Paraná. A empresa também investiu, no ano passado, 60 milhões de reais para a implantação de uma linha de montagem de motores na fábrica de Ponta Grossa. A montadora é a quarta maior fabricante de caminhões do mundo.

 

Crédito da foto: Divulgação.

Fabio Sabba

Fábio Sabba, diretor de comunicação do Uber, anuncia lançamento do aplicativo em Curitiba hoje, a partir das 14 horas

18 março, 2016 às 13:29  |  por Maximilian Santos

Fábio Sabba, diretor de comunicação do aplicativo de transporte individual Uber, anunciou que hoje (18/03), a partir das 14 horas, começa a operar em Curitiba o sistema por meio da categoria X, que é a mais simples. A expectativa do executivo é que o tempo de espera para os passageiros fique entre quatro e seis minutos.

O aplicativo norte-americano está presente em 360 cidades do mundo, sendo motivo de polêmicas em várias cidades do País. O sistema já existe no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre, Campinas e Goiânia.

Na Câmara de Vereadores de Curitiba, já tramita um projeto de lei que visa proibir o transporte que não for regularizado pela URBS, com o principal objetivo de manter a exclusividade dos taxistas na cidade, mesmo já sendo um sistema obsoleto.

“Curitiba é uma cidade bem específica. Tem um serviço de transporte muito bom, porém a quantidade de carro por pessoa é muito grande. Vemos que o Uber vai entrar para complementar a malha de transporte público. Pretendemos oferecer um serviço para que as pessoas deixem os carros em casa”, explica o executivo.

Uber é uma empresa multinacional americana baseada em tecnologia disruptiva em rede, através de um aplicativo E-hailing que oferece um serviço semelhante ao táxi tradicional, conhecido popularmente como serviços de “carona remunerada”. A grande diferença entre os serviços é que para ser um motorista da Uber, bastaria cadastrar-se seguindo uma lista de exigências de segurança.

Cerca de cinco anos após sua fundação a empresa foi avaliada em 18,2 bilhões de dólares, em junho de 2014, contando com investidores como a Google e Goldman Sachs. Em 2015 o Uber recebeu uma nova rodada de investimento, da qual a Microsoft fez parte, o que fez seu valor de mercado subir a US$ 51 bilhões.

 

Crédito da foto: Paulo Paiva.

Bill Ford

Relação das empresas mais éticas do mundo indica a Ford pela sétima vez

8 março, 2016 às 12:30  |  por Maximilian Santos

Bill Ford, presidente do Conselho da Ford, comemora a figuração novamente da companhia entre as 50 empresas mais éticas do mundo na edição 2016 da tradicional avaliação do Ethisphere Institute. Referendada por esta organização global, a escolha da empresa teve como base rígidos critérios de desempenho de negócios, observando cinco aspectos importantes: ética e conformidade, responsabilidade e cidadania corporativa, cultura da ética, governança e liderança, e reputação. A Ford é a única empresa do setor automotivo a aparecer neste ranking, pela sétima vez consecutiva, na análise do renomado instituto.

“Estamos orgulhosos de obter este reconhecimento público, que mostra o comprometimento da empresa e seus empregados com a ética”, disse o executivo. “Mais que um compromisso voltado a favorecer as decisões de compra pelos consumidores, o nosso objetivo de cidadania corporativa tem como base tornar a vida das pessoas melhor com atitudes corretas nos negócios, a fabricação de automóveis e veículos comerciais eficientes e de qualidade e oferecer soluções de mobilidade ao mundo”.

No estudo de reputação de marcas de 2016 da Harris Poll, um dos institutos de pesquisa mais tradicionais dos EUA, mais da metade dos participantes disseram procurar saber mais sobre uma empresa antes de fazer negócios com ela. E mais de um terço decidiu não fazer negócios com uma empresa ao perceber que ela tinha uma reputação negativa. “A Ford entende que seu compromisso em ser parte ativa da comunidade global ajuda a explicar por que ela é a única automotiva reconhecida pelo Ethisphere desde 2010”, disse Timothy Erblich, presidente do Ethisphere.

Recentemente, a Ford foi incluída em outros prêmios que endossam sua atitude nos negócios: Empresas Mais Inovadoras pela Fast Company; As Mais Atrativas do Mundo de 2015 pela Universum – Engenharia (15); Empresas que Mudam o Mundo pela Fortune; As Mais Admiradas do Mundo pela Fortune; Empregadoras Mais Procuradas pelo LinkedIn; e Melhores Empresas em Equilíbrio de Trabalho/Vida pela Forbes.

 

Crédito da foto: Divulgação.

FOTO 1 - David Powels (Créd. Divulgação)

CEO da Volkswagen do Brasil anuncia modernização da fábrica de São José dos Pinhais para a produção do Novo Golf

22 janeiro, 2016 às 13:29  |  por Maximilian Santos

David Powels, CEO e Presidente da Volkswagen do Brasil, anunciou ao mercado o investimento na modernização da fábrica de São José dos Pinhais, com a ampliação de áreas produtivas e a instalação de equipamentos de última geração para a fabricação do Novo Golf, um dos modelos mais inovadores da marca do mundo. Foi criada uma nova área de Armação, com equipamentos mais modernos e eficientes, que proporcionam a economia de até 30% no consumo de energia, em comparação aos métodos anteriores.

Um novo processo de montagem de veículos também foi implementado, permitindo que os modelos da família Fox e o Novo Golf sejam produzidos na mesma linha, um fato inédito dentro do Grupo Volkswagen. Além disso, mais de 2.000 empregados participaram de programas de qualificação profissional para todos os postos de trabalho envolvidos na fabricação do Novo Golf, para assegurar a excelência da mão de obra na produção do modelo.

“A fabricação do Novo Golf é mais um sinal do compromisso de longo prazo que a Volkswagen do Brasil tem com o País. Mesmo nesse cenário econômico desafiador, estamos mantendo nossos investimentos no desenvolvimento de novos produtos”, afirmou David Powels, CEO e Presidente da Volkswagen do Brasil.

O Novo Golf é fabricado dentro do mais moderno conceito do Grupo Volkswagen, a estratégia modular MQB (Matriz Modular Transversal), que é uma nova arquitetura para a produção de veículos, já aplicada em modelos globais como o Passat e o Golf Variant. O conceito consiste na padronização do processo de manufatura nas fábricas do Grupo, estabelecendo, por exemplo, a mesma sequência de montagem e proporcionando como grande vantagem a redução do tempo de produção dos veículos.

A MQB também permite compartilhar a base estrutural para o desenvolvimento de veículos de diferentes segmentos, gerando sinergia para todas as classes de automóveis. Essa base foi desenvolvida seguindo preceitos de baixo peso, utilizando aços de alta resistência que permitem aumentar a segurança e reduzir o peso total do veículo, o que colabora para a redução do consumo de combustível. A combinação de dimensões padronizadas e variáveis, outro benefício da MQB, reduz significativamente a complexidade da produção de um veículo, gerando melhora substancial no processo produtivo e economia de escala.

Projeto foi desenvolvido com tecnologia digital inovadora  – O projeto da fabricação do Novo Golf em São José dos Pinhais foi desenvolvido com auxílio da Fábrica Digital, uma tecnologia do Grupo Volkswagen que consiste em um conjunto de softwares adaptados para simular virtualmente os processos produtivos, antes da implementação física. A “Fábrica Digital” foi utilizada na maior parte dos processos de adaptação da fábrica para receber o novo modelo, seja na implementação de novos equipamentos como na otimização do fluxo logístico, evitando um total de gastos da ordem de mais de R$ 4 milhões, que seriam utilizados com possíveis interferências e adaptações que deixaram de ser realizadas.

A Fábrica Digital permite realizar simulações, que garantem a definição do melhor e mais robusto processo produtivo, minimizando o prazo de implementação, otimizando o tempo de fabricação e balanceamento da linha, além de promover a melhoria da ergonomia, levando à excelência os movimentos do trabalhador e gerando maior produtividade.

Além da simulação dos processos produtivos, os postos de trabalho também foram avaliados no ambiente da Fábrica Digital, utilizando, entre diversos recursos, uma tecnologia presente em games. Esse recurso altamente tecnológico foi utilizado para garantir a ergonomia dos postos de trabalho na nova linha de produção, mantendo sempre o bem-estar dos colaboradores. O uso da tecnologia na produção automobilística é uma inovação da Volkswagen do Brasil que figura entre as melhores práticas do Grupo Volkswagen, em nível mundial.

A tecnologia de games permite avaliar a ergonomia dos postos de trabalho da produção. Durante as análises, um colaborador simula o mesmo movimento necessário no processo produtivo. Com uma câmera, são captadas as imagens do operador em movimento; essa tecnologia permite que os ergonomistas avaliem se os movimentos são ergonômicos. Uma das principais vantagens é a praticidade de uso dessa tecnologia, cujo aparelho é transportado e montado facilmente, permitindo simulações rápidas. A utilização da tecnologia de games para aprimorar a ergonomia de postos de trabalho da produção da empresa é uma inovação criada pela equipe de Engenharia de Manufatura da Volkswagen do Brasil.

Trajetória da Volkwagen em São José dos Pinhais – Atualmente, a unidade de São José dos Pinhais emprega mais de 3 mil pessoas, produzindo os modelos Fox, Fox BlueMotion, CrossFox, SpaceFox, Novo Golf e Audi A3 Sedan. Em 2014, a Volkswagen renovou toda a família Fox, que é referência em versatilidade, ergonomia, espaço interno, segurança e tecnologia em seu segmento.

Fatos marcantes da fábrica de São José dos Pinhais:

1999: Inauguração da fábrica em São José dos Pinhais, com a fabricação do Golf e Audi A3
2003: Lançamento do Fox
2005: Lançamento do CrossFox
2009: Nova Geração do Fox e CrossFox
2010: Unidade comemora 1 milhão de Fox produzidos
2011: Unidade comemora 500 mil Golf produzidos e inicia a produção do SpaceFox
2012: Lançamento do Fox BlueMotion e unidade comemora 2 milhões de veículos produzidos
2013: Unidade comemora 1,5 milhão de Fox produzidos, apresenta o Fox BlueMotion com o novo motor de três cilindros 1.0L e Grupo Volkswagen anuncia novos investimentos na fábrica paranaense
2014: ao completar 15 anos, unidade chega a 2,3 milhões de veículos produzidos desde a sua inauguração
2015: Início da fabricação do Audi A3 Sedan.
2016: Início da fabricação do Novo Golf.

 

Crédito da foto: Volkswagen.

12_jerome-stoll-3-alta

Mudanças no comando da Renault

3 dezembro, 2015 às 14:04  |  por Maximilian Santos

A fim de expandir o crescimento e a rentabilidade, as funções de Diretor de Performance e Diretor Comercial do Grupo Renault serão separadas a partir de 1º de janeiro de 2016.

Jérome Stoll manterá suas funções de Diretor de Performance, com a missão de gerenciar as regiões para entregar os resultados esperados tanto em termos de volume como de lucro.

A partir de 1º de janeiro de 2016, Thierry Koskas passa a ser Diretor Comercial do Grupo, tendo como missão definir as orientações (em termos de produtos, serviços, meios comerciais), estimular o desenvolvimento das regiões e dar a elas as ferramentas para que ampliem as vendas e o negócio de pós-venda. Ele será subordinado a Carlos Ghosn, Presidente e CEO do Grupo Renault, passando a ser membro do Comitê Executivo do Grupo.

A partir de 1º de janeiro de 2016, Luis Fernando Pelaez Gamboa passa a ser Diretor Geral da Renault Argentina e Presidente da RASA, substituindo Thierry Koskas. Ele será subordinado a Olivier Murguet, Presidente do Conselho da região Américas.

Nascido em 1964, Thierry Koskas é formado pela Escola Politécnica e pela Escola de Minas de Paris. Após 7 anos trabalhando no Ministério da Indústria e depois como Conselheiro do Ministro da Agricultura, ingressou na Renault em 1997, como responsável pelo projeto Nova Distribuição. Em 1998, tornou-se Diretor da sucursal comercial London City Branch da Renault e, em 2000, Diretor Geral da Renault Hungria. Em 2002, de volta à matriz, foi promovido a Diretor de previsões e programação. Em 2006, tornou-se Diretor Comercial da região Ásia-África e, em 2009, Diretor do programa Veículo Elétrico, onde conduziu o desenvolvimento da atual ga ma de veículos zero emissão. Thierry Koskas é Diretor da Renault Argentina desde o final de 2012.

Nascido em 1959, Luis Fernando Pelaez Gamboa é engenheiro mecânico, formado pela Pontifícia Universidade Católica Bolivariana, tendo um MBA pela EAFIT University. Ingressou na Renault em 1984, tendo ocupado diferentes funções na Renault SOFASA, na Colômbia, seguido do Brasil, onde foi Diretor de Programas e Diretor Industrial da Região Américas. É Diretor da Renault Colômbia desde 2010.

 

Crédito da foto: Imprensa Renault.

Ouro Prata

Diretores de Operação da Ouro e Prata e da Planalto anunciam que passageiros de 13 cidades do Paraná contam com mais uma opção de transporte

20 novembro, 2015 às 18:06  |  por Maximilian Santos

Carlos Bernaud, diretor de Operações da Ouro e Prata, junto do diretor de Operações da Planalto, Paulo Roberto Petersen, anunciou essa semana a parceria operacional entre as duas empresas gaúchas, para atender cidades como: Curitiba, Araucária, São Mateus do Sul, União da Vitória e Palmas.

Neste início de novembro, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) concedeu autorização para a parceria operacional entre as duas companhias, que passam agora a atender 90 cidades dos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo.

Para atender a nova demanda, Planalto e Ouro e Prata contrataram 140 motoristas e adquiriram 60 ônibus novos, que vão percorrer mais de um milhão de quilômetros por mês. Os ônibus que atenderão as linhas, até então operadas pelas empresas Real e Reunidas, ainda neste mês de novembro, serão dotados do chamado pacote de entretenimento, que possui equipamento para exibição de filmes, carregador USB em todas as poltronas, sistema de som individual, internet a bordo e todos tem configuração  semi-leito, com poltronas mais confortáveis e com maior inclinação para descanso. Nos sites das empresas estão informações sobre  horários e frequência das viagens: www.ouroeprata.com e www.planalto.com.br

O compromisso das empresas na formação da parceria é manter o padrão de qualidade dos serviços da Ouro e Prata e Planalto, reconhecidos no Rio Grande do Sul, sempre com avaliação altamente positiva por parte dos usuários, em todas as pesquisas sobre  qualidade do transporte  intermunicipal de passageiros.

Confira a lista de cidades atendidas pelas empresas no Paraná:

Linhas Ouro e Prata   Linhas Planalto
Araucária Araucária
Campo do Tenente Campo do Tenente
Curitiba Clevelândia
General Carneiro Curitiba
Lapa Divisa BR
Mandirituba Lapa
Palmas Mandirituba
Quitandinha Quitandinha
Rio Negro Rio Negro
São Mateus do Sul São Mateus do Sul
União da Vitória União da Vitória

Os ônibus da Ouro e Prata e da Planalto vão transportar um público expressivo de passageiros nos quatro estados. Para o diretor de Operações da Ouro e Prata, Carlos Bernaud, a parceria busca ganho de escala e otimização da estrutura operacional. “Vamos gerar mais eficiência, conforto e facilidades aos passageiros que viajarão em veículos de última geração e que poderão fazer novas conexões, com conforto, segurança e muita praticidade”, destaca.

E esse é apenas o começo, afirma o Diretor de Operações da Planalto  Paulo Roberto Petersen, sobre a parceria e o atendimento às novas linhas. “Vamos ter  diversos investimentos em tecnologia, como monitoramento dos veículos, percursos da viagem e investimento na frota”.

 

Crédito da foto: Marcelo Ribeiro/JC.

Volkswagem

Gerente de Serviços de Pós-vendas da Volkswagem comemora reconhecimento como uma das melhores empresas no atendimento ao cliente

12 novembro, 2015 às 14:35  |  por Maximilian Santos

Antonio Marcos Rubinato, gerente de Serviços Técnicos Pós-vendas da Volkswagen do Brasil, e o supervisor da Central de Relacionamento com Clientes da Volkswagen do Brasil, Ricardo Jato, comemoraram o recebimento pela companhia, em São Paulo, como uma das melhores empresas do País em atendimento ao cliente, de acordo com pesquisa realizada pelo Instituto Ibero-Brasileiro de Relacionamento com o Cliente (IBRC) em parceria com a revista Exame. A marca ocupou o 16º lugar no ranking das melhores empresas avaliadas em 2015. Desde 2013, a Volkswagen tem figurado entre as melhores companhias no atendimento aos clientes. A pesquisa engloba as 120 empresas mais citadas pelos consumidores.

“A Volkswagen tem investido muito no desenvolvimento de processos e padrões para atendimento de seus clientes em seus canais de relacionamento, de maneira a proporcionar uma experiência marcante não apenas no momento da venda, mas também no Pós-vendas. Receber um reconhecimento como esse é uma grande conquista, fruto de um trabalho que tem como foco o cliente”, diz Antonio Marcos Rubinato, gerente de Serviços Técnicos Pós-vendas da Volkswagen do Brasil.

A Volkswagen do Brasil conta com diversos canais de atendimento ao consumidor, que vão desde o telefone e o e-mail (Fale Conosco), ao atendimento on-line via Chat e por meio de cartas. Além disso, a Volkswagen está presente nas principais redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram, que são meios pelos quais a empresa pode tirar dúvidas em geral sobre produtos, acessórios e serviços, indicar concessionárias, recomendar serviços, avaliar e direcionar reclamações e problemas.

A pesquisa do IBRC é a mais importante feita no País sobre qualidade no atendimento ao cliente. Composta por quatro etapas, a pesquisa começou ouvindo 5.000 consumidores de todas as unidades da federação. Depois, na etapa seguinte, enviou questionário às empresas sobre o funcionamento da área de atendimento ao cliente. Em seguida, destacou funcionários para atuarem, anonimamente, como clientes das companhias e avaliar seus serviços. Por fim, fez uma rodada de conversa com clientes das 120 empresas mais citadas.

 

Crédito da foto: Assuntos Corporativos e Relações com a Imprensa VW.