Simulado de acidente com múltiplas vítimas movimenta o Centro Cívico em Curitiba

30 maio, 2015 às 14:33  |  por João Carlos Frigério

Sirenes ligadas, ambulâncias, helicóptero, choro, gritos e muita movimentação de socorristas, médicos e pessoas envolvidas em um acidente com dois carros e um ônibus. Essa foi a cena presenciada pelos alunos do curso de Atendimento a Acidentes com Múltiplas Vítimas e por pessoas que frequentaram o Museu Oscar Niemeyer na manhã deste sábado (30).

O curso, iniciado na quinta-feira (28), foi oferecido a profissionais de vários órgãos envolvidos em atendimento a emergências pelo Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) como parte da programação comemorativa dos 25 anos do serviço.

Segundo o coordenador médico do Siate, Edison do Valle Teixeira Júnior, a simulação é o momento em que conhecimento teórico do curso pode ser testado na prática sem o envolvimento de vítimas verdadeiras. “Essas capacitações são o momento em que podemos analisar os erros e acertos e nos preparar para situações reais, em que o tempo de resposta é mínimo e pode definir entre a vida e a morte dos envolvidos no acidente”, afirmou.

Antes da simulação, os 160 alunos discutiram as estratégias a serem utilizadas e conhecer todo o fluxo de atendimento. Foram utilizadas oito ambulâncias, entre Samu e Siate, um helicóptero, um carro de resgate dos bombeiros, um carro de comando e um veículo com o kit de atendimento a desastres.

A ação envolveu 45 pessoas atuando como vítimas, todas maquiadas com muito sangue e hematomas. Oito delas atuaram como pacientes graves, e outras oito estavam presas às ferragens dos veículos, o que demandou a serragem dos carros para que fossem retiradas. No atendimento, foram envolvidas cerca de 50 pessoas. Uma das vítimas mais críticas foi transportada de helicóptero para o hospital.

A estudante do curso técnico em enfermagem, Rosângela do Rocio Pereira, acompanhou toda a ação com seu filho Rodolfo, de oito anos. Ele disse que ficou um pouco assustado, mas que sabia que não era de verdade. Rosângela aprovou o que viu. “Filmei muita coisa e achei perfeito o atendimento. Sempre deve haver erros, mas para mim foi importante acompanhar tudo que acontece no atendimento de urgência, que inclusive já presenciei na prática profissional”, comentou.

Outra criança que acompanhava tudo com muita atenção foi Sabrina, que passeava no museu com a avó, Rute Stein. A neta gostou de ver o helicóptero e a avó disse que aprovou a movimentação das equipes. “É bom saber que os profissionais estão preparados para momentos de emergência”, falou.

Ao final da simulação, todos os socorristas, médicos e demais profissionais envolvidos voltaram ao auditório do museu para avaliação das técnicas adotadas. Ao longo de 2015, como parte da programação dos 25 anos de atuação, o Siate deverá oferecer novos cursos de atendimento a acidentes, além de promover orientações de primeiros socorros para população em geral.

Assista o vídeo de como foi o simulado:

Homem é chamado ao portão e acaba morto a tiros em Almirante Tamandaré

28 maio, 2015 às 14:35  |  por João Carlos Frigério

Um homem identificado por Fernando, 35 anos, foi assassinado a tiros no final da noite desta quarta-feira (27). O crime foi registrado na Rua São Vicente, Bairro Monte Santo em Almirante Tamandaré. De acordo com informações do perito criminal, a vítima estava em sua residência junto com a esposa e filha quando o chamaram no portão. Ele foi até a frente da residência e ao chegar no portão o assassino sacou uma arama e efetuou vários disparos. Fernando ainda conseguiu correr para o interior da residência, mas morreu logo em seguida.

O atirador fugiu e não foi localizado. A esposa disse ao perito que o marido era usuário de drogas.

Delegacia de Estelionato prende “musa do estelionato” em Curitiba

28 maio, 2015 às 14:02  |  por João Carlos Frigério

Foto: Divulgação Polícia Civil

Ana Paula, de 32 anos, foi presa na terça-feira (26), por policiais da Delegacia de Estelionato e Desvio de Cargas (DEDC), sob o comando do delegado Wallace de Oliveira Brito, suspeita da prática de vários golpes que vitimou desde empresários às pessoas mais simples. Ana Paula responderá pelos crimes de estelionato, falsificação de documento particular, furto qualificado e associação criminosa.

De acordo com as investigações, a acusada ostentava vida de padrão elevado, frequentava salões de beleza de alto nível, lojas de grifes famosas entre outros. Ela tinha como objetivo transparecer riqueza e sucesso buscando conquistar a credibilidade de suas vítimas.

Uma das suas modalidades criminosas era abrir contas bancárias com documentação fraudada em nome de terceiros, com isso, auferir empréstimos e cartões de crédito, para sustentar sua vida de luxo, porém, causando prejuízos significativos às vítimas. Ana Paula e seu marido, que está preso na Polícia Federal, aplicaram um golpe em um casal de mais de R$ 57 mil por fraude bancária.

Ela também é investigada por ter aplicado um outro golpe, no valor de R$ 47 mil em uma famosa loja de grife da capital.

Foto: Polícia Civil

De acordo com o delegado que cuida do caso, Wallace de Oliveira Brito, “ao ser presa por força de ordem judicial, a polícia apreendeu diversos cheques e cartões de crédito em nome de terceiros, alguns cheques já estavam assinados com indícios de falsificação grosseira e já havia duas faturas de cartões de crédito em atraso, totalizando o valor de R$ 22 mil reais em nome das vítimas.

A acusada também estava de posse de um veículo Cruze, modelo 2015, locado em nome de terceiros.

Mulher fica ferida em capotamento na BR-277

27 maio, 2015 às 14:39  |  por João Carlos Frigério
Foto: Bruna Monteiro/Twitter

Foto: Bruna Monteiro/Twitter

Um capotamento no final da manhã desta quarta-feira (27) deixou uma mulher ferida. Foi na BR-277 no bairro Orleans em Curitiba, quando a motorista seguia com seu veículo gol pela via, acabou perdendo o controle e foi para o canteiro central. Em seguida o carro capotou.
Ela sofreu escoriações e contusões pelo corpo, mas sem risco de morte. Ela foi encaminhada a uma casa hospitalar consciente.
Devido o acidente, o trânsito ficou lento na região.

PM recupera cargas roubadas avaliadas em R$ 1 milhão em Fazenda Rio Grande

27 maio, 2015 às 11:36  |  por João Carlos Frigério

Policiais militares da 1ª Companhia do 17º Batalhão da Policia Militar recuperaram, na tarde desta terça-feira (26), durante a Operação Gideão, uma carga avaliada em quase R$1 milhão, sendo aproximadamente R$ 500 mil em máquinas da marca Vap e R$ 500 mil em jogos de rodas automotivas. Além disso, quase 200g de cocaína e uma arma de brinquedo foram apreendidas na mesma ocorrência. A carga estava escondida em uma chácara na área rural de Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba, capital do Paraná.

De acordo com a Cabo Marcia Simone Mockel, que participou da ação, após ter uma carga de suas máquinas roubadas, os proprietários de uma empresa, passaram a desconfiar de um dos funcionários. Monitorando sites de vendas, as vítimas teriam comprado um dos equipamentos e, ao verificarem o lote, constaram que se tratava de um dos aparelhos furtados.

De posse das informações sobre o homem que teria vendido a máquina furtada aos empresários, os policiais do 17º BPM foram até a residência do suspeito. “Lá o homem informou que teria ganhado a máquina do seu cunhado”, revelou a cabo Simone. “As equipes seguiram até onde estava o homem indicado, que disse que apenas teria feito o transporte do material, mas levou os policiais até o local onde estava o restante da carga”, completa.
Ao se deslocarem até a zona rural de Fazenda Rio Grande, no local indicado pelo suspeito, os policiais encontraram a carga de aproximadamente R$ 500 mil em máquinas da marca Vap e R$ 500 mil em jogos de rodas automotivas. Uma arma air soft, dois aparelhos de televisão e quase 200g de cocaína também foram encontrados.

O suspeito, de 31 anos, foi encaminhado à Delegacia de Fazenda Rio Grande para que as devidas providências fossem adotadas.

OPERAÇÃO GIDEÃO – Além desta apreensão, durante a Operação Gideão, desencadeada nesta terça-feira (26), foram 124 pessoas e 91 veículos abordados, oito veículos recolhidos, 21 notificações de trânsito, um detido por posse entorpecente e um caminhão recuperado após ter sido roubado em Santa Catarina.

A Operação Gideão é desencadeada periodicamente nos município de São José dos Pinhais e Tijucas do Sul, na região metropolitana de Curitiba, com o objetivo de diminuir a criminalidade na região, por meio de ações como pontos de saturação, bloqueios de trânsito, abordagens e intensificação do policiamento.

Operação da Denarc apreende mais de uma tonelada de maconha

27 maio, 2015 às 11:07  |  por João Carlos Frigério

Uma operação conjunta dos Núcleos de Ponta Grossa e Cascavel, com o apoio do grupo FERA, todos da Divisão Estadual de Narcóticos (DENARC), da Polícia Civil do Paraná, resultou, na madrugada de hoje (26), na prisão de dois homens e apreensão de mais de uma tonelada de maconha.
Os policiais civis da Denarc possuíam a informação de que dois veículos chegariam à região dos Campos Gerais transportando grande quantidade de drogas. Foi realizado, então, bloqueio policial na Praça de Pedágio de Carambeí. Por volta das 20:00 horas, os veículos suspeitos, um Astra e um Camry passaram pelo sistema “Via Fácil” em alta velocidade, iniciando um acompanhamento tático por diversas equipes de policiais.
Os policiais da DENARC conseguiram abordar a alguns metros dali o veículo Astra, ocupado por dois homens e que atuava como “batedor”, possuindo um sistema dissimulado de rádio comunicação instalado no carro.
As demais equipes de policiais da Denarc continuaram no acompanhamento do Camry, já identificado pelos policiais como sendo o veículo que estaria transportando os entorpecentes.
Após empreender fuga de diversos bloqueios policiais nas rodovias e praças de Pedágios, uma grande operação foi montada já no Estado de São Paulo, nas proximidades da cidade de Tatuí em São Paulo.
Assim, durante a madrugada, por volta das 01:30 horas, Policiais Rodoviários Estaduais de São Paulo, subsidiados com informações fornecidas pela Denarc do Paraná, conseguiram interceptar o veículo no quilômetro 136 da Rodovia Castello Branco (SP­280). No veículo Camry, foram encontrados 990 tabletes de maconha, contendo a expressiva quantia de 1.006 quilos da droga. O motorista, após colidir o veículo, conseguiu empreender fuga.
Diante dos fatos, os homens que dirigiam o primeiro veículo e atuavam como “batedor” foram encaminhados para a o Núcleo de Ponta Grossa da Denarc e autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Agora, as investigações continuam para capturar o motorista que abandonou o carro com a droga.
Segundo Eduardo Machado de Oliveira, delegado da DENARC em Ponta Grossa, “a atuação integrada entre núcleos da DENARC e com instituições de segurança pública tem sido essencial para o alcance dos excelentes resultados que vimos obtendo.”
Quem tiver informações sobre o tráfico de drogas na região dos Campos Gerais pode ligar para o Núcleo de Ponta Grossa da DENARC nos telefones (42) 3229­4485 e (42) 3219­9750, ou através do telefone 181­ Narcodenúncia.

Homem de calcinha é preso pela PM após tentar abusar de menina de 12 anos

26 maio, 2015 às 15:09  |  por João Carlos Frigério
Foto: Eliandro P.

Foto: Eliandro P.

Um homem de 58 anos vestindo uma calcinha fio dental foi preso na madrugada desta terça-feira (26) após ser flagrado por populares tentando abusar de uma garota de 12 anos. A tentativa de estupro aconteceu na Vila Oliveira, na cidade de Rolândia no norte do Paraná.
A população conteve o homem e chamou a polícia. Ele foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia de polícia.

Polícia procura suspeito de participar de duplo homicídio em Itaperuçu

26 maio, 2015 às 14:00  |  por João Carlos Frigério

Policiais civis da Delegacia de Rio Branco do Sul estão atrás do rapaz que aparece nessas imagens. Ele é o principal suspeito de ter participado de um duplo homicídio no último fim de semana, durante uma festa no município de Itaperuçu, na Região Metropolitana de Curitiba.
As imagens foram feitas por um rapaz que participava da festa localizada em uma chácara. Ele afirmou que o rapaz que aparece nas imagens seria um dos atiradores. De acordo ainda com o autor das imagens, havia outro atirador armado de pistola que assassinou o outro irmão. As imagens foram feitas após os disparos no momento em que o suspeito saía do local. Ele ainda teria atirado contra o rapaz que fazia a filmagem com o celular, porém a munição havia acabado.
A motivação do crime seria por causa da fila para pegar cerveja. Após o crime os atiradores fugiram.
As vítimas do crime eram irmãos e trabalhavam na serralheria da família.

Veja o vídeo:

Veja como foi a ação dos bandidos no assalto a banco em Quitandinha

26 maio, 2015 às 10:12  |  por João Carlos Frigério

Foram divulgadas as imagens do circuito de câmeras da agência do Banco do Brasil assaltada nesta segunda-feira (25) no município de Quitandinha.
Seis homens fortemente armados com coletes balísticos renderam alguns clientes e invadiram o banco após quebrar um dos vidros.
Eles levaram o dinheiro do cofre e fugiram em dois veículos. Até o momento ninguém foi preso.

Assista o vídeo:

Adolescente morre em acidente no Contorno Norte e motoristas envolvidos desaparecem

26 maio, 2015 às 09:57  |  por João Carlos Frigério

Um adolescente de aproximadamente 12 anos morreu em um grave acidente na madrugada desta terça-feira (26) no Contorno Norte em Almirante Tamandaré. A colisão aconteceu quando uma caminhonete Hilux acabou colidindo na traseira de um veículo Peugeot. O adolescente estava no banco de trás do carro que ficou completamente destruído. Após o impacto os dois veículos foram parar fora da pista. Socorristas do Siate o médico foram até o local e prestaram socorro ao adolescente que não resistiu aos ferimentos e morreu na ambulância.
O que chamou a atenção dos policiais é que os motoristas dos dois veículos não foram localizados.

Outro ocupante do veículo Peugeot também ficou ferido, mas sem gravidade.
A polícia agora tenta localizar o condutor da Hilux e do Peugout.
Os ocupantes feridos no Peugeot que estariam junto com o adolescente relataram nem saber o nome dele, que mal conheciam ele.