Homem é assassinado no centro de Araucária

30 março, 2015 às 02:18  |  por João Carlos Frigério
image

Foto: César Lobão

Um homem identificado por Adriano Maggioni, 32 anos, foi assassinado na madrugada de sábado (28) em Araucária. O crime aconteceu na Rua Pedro Druszcz, na esquina da prefeitura da cidade por volta das 3h00.
De acordo com informações da polícia, a vítima saiu de um bar na companhia de uma mulher e caminhava até o seu carro que estava estacionado em frente à prefeitura, quando foi surpreendido por um atirador que efetuou 6 disparos de pistola.
Em seguida o algoz fugiu em uma moto. A mulher que estava com Adriano saiu correndo e até o momento não foi localizada.
No local do crime foram encontrados vários estojos de pistola .380.
Frequentadores do bar onde Adriano estava relataram que no local não houve nenhum tipo de confusão ou briga, estava tudo calmo por ali.
A motivação e autoria ainda estão sendo investigados.

Incêndio no Cajuru deixa um morto e dois feridos

30 março, 2015 às 02:16  |  por João Carlos Frigério
image

Foto: Daniela Sevieri/Difusora

Um incêndio na madrugada de domingo (29), vitimou fatalmente Ana Cristina Mestre Negri, 52 anos, e feriu seu marido e sua filha de 15 anos. Apenas um dos filhos não estava na casa.
As chamas atingiram um sobrado na Avenida Florianópolis no bairro Cajuru em Curitiba e se alastraram rapidamente. No momento do incêndio a família estava toda dormindo.
O homem e a adolescente de 15 anos, conseguiram sair da casa com queimaduras pelo corpo e foram socorridas pelo Siate e médico. A jovem com queimaduras mais graves foi encaminhada rapidamente com o pai para o Hospital Evangélico.
Já a mãe não conseguiu sair da residência e acabou morrendo carbonizada. As causas do incêndio ainda são um mistério, alguns moradores no local relataram que o incêndio foi criminoso, porém só o laudo do Instituto de Criminalística pode comprovar o que causou o início do incêndio.

Dupla assalta posto, rouba carro, mas leva a pior na fuga

30 março, 2015 às 02:13  |  por João Carlos Frigério

image

Dois rapazes levaram a pior após praticarem dois assaltos na madrugada de domingo (29) no bairro Pilarzinho. A situação se iniciou quando a dupla chegou a um posto de combustíveis localizado na Rua São Salvador esquina com Rua Desembargador José Carlos Ribeiro Ribas, no Pilarzinho. Eles foram primeiro até a loja de conveniência e deram voz de assalto levando um pouco de dinheiro e cigarros. Em seguida eles foram até o pátio do posto e renderam um cliente que havia parado ali e levaram seu veículo Agile.
No momento que a dupla saía do posto, uma viatura da Rotam passava pela lateral do posto quando frequentadores e funcionários do posto sinalizaram para a viatura gritando que eles estavam fugindo com o carro roubado.
Os policiais iniciaram acompanhamento tático ao veículo pela Rua Fredolin Wolf. Foram 2 quilômetros de acompanhamento quando no cruzamento da Rua Raposo Tavares, os suspeitos perderam o controle do carro, rodaram e bateram o veículo.
Um dos suspeitos conseguiu sair pela janela do veículo, correu pela Rua Fredolin Wolf alguns metros e se atirou no rio. O outro que estava no banco de trás atirou contra os policiais que revidaram. Ele foi baleado e morreu antes da chegada do Siate. O rapaz não portava documentos e tinha aproximadamente 18 anos.
Seu corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Curitiba onde aguarda identificação.

Agente penitenciário é assassinado a tiros em Colombo

30 março, 2015 às 02:10  |  por João Carlos Frigério

Um agente penitenciário foi assassinado no início da tarde de sábado (28), na Rua Belgrado, bairro Rio Verde em Colombo.
O agente identificado por Cleverson Curupana estava com o pé engessado e utilizando muletas quando foi surpreendido pelos marginais em um Nissan Versa prata que efetuaram vários disparos.
Em seguida os marginais fugiram.
O Siate chegou a ser acionado, mas nada pode fazer, Cleverson morreu no local.
Pouco depois o veículo utilizado na fuga dos marginais foi encontrado incendiado no Jardim Osasco.
A motivação e autoria do crime ainda são desconhecidos. Este foi o segundo agente penitenciário assassinado neste ano no Paraná.

Jovem é assassinado a tiros no Pinheirinho

30 março, 2015 às 02:08  |  por João Carlos Frigério

image

Um jovem identificado por  Luiz Henrique, 19 anos, foi assassinado no final da noite deste domingo (29) em Curitiba. O crime foi registrado na Rua Wilson Stadler, Vila Piratini no Pinheirinho.
De acordo com informações da Guarda Municipal, o rapaz há poucos dias teria se envolvido em uma briga. No momento do crime ele estaria de moto na rua, porém na chegada dos guardas não havia nenhuma moto no local. Espalhados pela via foram encontrados 6 estojos de pistola 380.
A autoria ainda é desconhecida. A Delegacia de Homicídios investiga o caso.

Megaquadrilha que explodia caixas eletrônicos é presa pela Polícia Civil no litoral

27 março, 2015 às 21:05  |  por João Carlos Frigério

Policiais civis prenderam, nesta sexta-feira (27), uma quadrilha especializada em explodir caixas eletrônicos. Segundo a polícia, eles teriam explodido três caixas nos últimos dias no Litoral do Paraná – o último deles, na quinta-feira (26) à noite, em Caiobá.

Oito pessoas foram presas. Com eles, os policiais encontraram quatro fuzis, sendo 3 AK-47 e 1 M4, uma submetralhadora argentina FMK-3, uma escopeta calibre 12, pistolas, farta munição, coletes à prova de balas, além de explosivos, uma granada e três carros – um deles um Golf blindado e 8 rádio comunicadores na frequência da polícia. Na casa em que a polícia surpreendeu a quadrilha, havia mais de R$ 100 mil em dinheiro vivo.

Segundo os policiais, no último assalto a um caixa eletrônico no Litoral, os bandidos chegaram a estacionar um carro na frente da delegacia onde jogaram miguelitos para furar os pneus das viaturas.

A ação onde aconteceu a prisão da quadrilha contou com policiais do Centro de Operações Policiais Especiais (COPE), Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (TIGRE) e do Departamento de Inteligência do Estado do Paraná (DIEP) e não foi necessário um disparo sequer. A casa onde o grupo estava foi cercada e os policiais ordenaram para que o grupo saísse da residência já que caso os policiais tentassem uma invasão tática, o risco de algum agente de segurança saír ferido era muito grande. A quadrilha então barricou as portas e se armou, preparando para entrada dos policiais e confronto. De forma inteligente, os policiais jogaram diversas granadas de luz e som (flashbang) e gás lacrimogênio. Sufocados pelo gás lacrimogênio, a quadrilha se rendeu e saiu da casa sem oferecer resistência.

A quadrilha ainda não identificada oficialmente foi encaminhada à Delegacia do COPE em Curitiba.

Bebê que engoliu 12 pedras de crack morre no hospital

27 março, 2015 às 06:45  |  por João Carlos Frigério

Após 11 dias internado, morreu na UTI do Hospital Pequeno Príncipe o bebê de 1 ano e 4 meses que engoliu 12 pedras de crack na cidade de Paranaguá, no litoral paranaense.
A situação iniciou-se na manhã do dia 16, quando os policiais receberam informações de uma criança teria ingerido crack e estava no Hospital Regional de Paranaguá. “Ao chegarmos lá, abordamos a mãe, o padrasto e a avó do menino. Após constatarmos a situação, deslocamos até a casa da família, localizada na Vila São Jorge III, área já conhecida por tráfico e consumo de drogas. Fizemos uma vistoria, mas nada de ilícito foi encontrado”, contou o soldado José Luiz Pinheiro Floriano.
No hospital, os policiais teriam ouvido os familiares comentarem que a criança engoliu 12 pedras de crack. A mãe, ao ser questionada sobre o fato pela equipe, teria dito que procurava pelo filho e o encontrou em um beco, na frente da residência, já com o comportamento agitado. “Segundo informações preliminares recebidas no local da ocorrência, o menino teria engolido 12 pedras de crack”, disse a soldado Pinheiro.
Diante da situação, a mãe e o padrasto foram levados até a 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá (PR).
O bebê foi transferido então para Curitiba onde permaneceu internado, mas na madrugada desta sexta-feira (27) ele não resistiu e morreu.
O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Curitiba.

Van arranca poste em grave acidente no Vista Alegre

27 março, 2015 às 06:33  |  por João Carlos Frigério

Uma van arrancou um poste em um grave acidente registrado na madrugada desta sexta-feira (27) por volta das 4h45. A colisão aconteceu na Rua Manoel Ribas esquina com Rua Victório Viezzer no bairro Vista Alegre em Curitiba.
A van seguia pela Manoel Ribas quando saiu da pista atingindo um poste. Duas pessoas que estavam no veículo ficaram feridas. Socorristas do Siate prestaram atendimento às vítimas que foram encaminhadas ao Hospital Cajuru sem risco de morte.
Após o acidente, boa parte do bairro Vista Alegre ficou sem energia. Devido a queda da fiação elétrica sobre a via, a pista sentido Santa Felicidade da Manoel Ribas foi interditada.
As causas do acidente ainda não foram apuradas.

Incêndio em hipermercado no Água Verde movimenta bombeiros na madrugada

27 março, 2015 às 06:30  |  por João Carlos Frigério

Um incêndio atingiu o setor administrativo do Hipermercado Condor da Avenida Água Verde esquina com Rua Bento Viana no Água Verde na madrugada desta sexta-feira (27).
Homens do Corpo de Bombeiros foram até o local e conseguiram conter as chamas e impedir que elas se alastrassem para outras partes do hipermercado.
As chamas e fumaça assustaram os moradores de prédios vizinhos.
Ninguém ficou ferido. As causas do incêndio devem ser investigadas.

Homem capota carro e vai parar dentro de valeta

27 março, 2015 às 06:27  |  por João Carlos Frigério

Um homem de 39 anos ficou ferido após perder o controle de seu veículo, capotar e cair dentro de um valetão no início da madrugada desta sexta-feira (27).
O acidente aconteceu na Rua Wenceslau Braz esquina com Rua Roberto Faria na Vila Fanny. O condutor do Ford Fusion seguia pela Roberto Faria quando após cruzar a Wenceslau Braz perdeu o controle do carro indo parar dentro da valeta.
Socorristas do Siate prestaram atendimento ao homem que sofreu ferimentos leves e foi encaminhado ao Hospital do Trabalhador. De acordo com informações dos socorristas ele não apresentava sinais de embriaguez.
O condutor disse não se lembrar de como aconteceu o acidente.