OAB-PR exige apuração rigorosa da morte de advogado em carro carbonizado

8 novembro, 2017 às 17:06  |  por Redação Bem Paraná
Franklin de Freitas

Franklin de Freitas

A OAB Paraná recebeu com indignação a notícia da morte do advogado criminalista Leonardo Ivankio Sudul, de 28 anos. Seu veículo – um Kia Elantra branco – foi destruído em um incêndio em um viaduto do bairro Uberaba, em Curitiba. Embora a confirmação oficial ainda não tenha sido feita pela Delegacia de Homicídios, todas as evidências indicam que o corpo carbonizado encontrado dentro do automóvel na manhã de terça-feira (7) é do advogado. Segundo a família, ele estava desaparecido desde a tarde de segunda-feira (6/11).

A natureza do incêndio, sua autoria e a motivação – caso seja confirmada a hipótese de crime – estão sendo apuradas pelo delegado Osmar Feijó. Por meio da portaria nº 179/2017, o presidente da OAB Paraná, José Augusto Araújo de Noronha, designou os advogados José Carlos Cal Garcia Filho e Cláudio Dalledone Júnior para representarem a seccional no acompanhamento das investigações.

“A notícia da morte do colega advogado Leonardo Sudul causa perplexidade em toda a classe. Já falamos com o Secretário de Segurança Pública, Wagner Mesquita, e pedimos rigorosa apuração das causas da morte. As informações preliminares indicam que o colega foi brutalmente assassinado e a OAB Paraná não descansará enquanto não tiver informações concretas de tudo que envolve o caso”, afirma o presidente Noronha.

A inscrição de Leonardo Ivankio Sudul na OAB Paraná tem o nº 67.625 e data de agosto de 2013.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>