Mário Celso rebate insinuações

29 maio, 2009 às 16:54  |  por Josianne Ritz

O líder do governo na Câmara Municipal, vereador Mario Celso Cunha, respondeu às insinuações de vereadores do PT sobre a economia obtida pela Prefeitura de Curitiba nas despesas administrativas no primeiro quadrimestre de 2009. Mario Celso reafirmou a precisão dos números de contenção de custos, que atingiu cerca de 18% nos primeiros quatro meses do ano. Este número foi anunciado no evento de avaliação dos Contratos de Gestão, e detalhado pelo secretário municipal de Finanças, Luiz Eduardo Sebastiani, em audiência pública na Câmara de Vereadores na quarta-feira (27).
“É absurdo colocar em dúvida informações que são públicas, prestadas por uma administração que preza pela transparência e atua de forma aberta ao controle popular”, disse o vereador Mario Celso. Ao ser questionado por uma vereadora petista, o secretário explicou de forma categórica o cálculo, sem deixar dúvidas sobre a economia alcançada, e sem que houvesse qualquer contestação no momento da reunião. Tudo isso está registrado nas notas taquigráficas da audiência, afirmou o líder do governo.
A conta apresentada pelo secretário é simples, segundo Mario Celso. O orçamento do Município previa para o quadrimestre um plano de desembolso de R$ 898,5 milhões para custeio. Desse total, diante da ordem de contenção, foram efetivamente empenhados R$ 740,5 milhões. A diferença de R$ 158 milhões corresponde aos 17,6% de economia, que superaram a meta inicialmente prevista de 15%.
O vereador ressaltou que a contenção de despesas não afetou a qualidade do serviço público prestado à população, porque se deu nas despesas de cunho administrativo, preservando os investimentos em saúde, educação, limpeza pública, defesa social e todas as áreas que atendem diretamente ao cidadão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>