Arquivos da categoria: Geral

Richa mantém 44% e Requião sobe para 30% dos votos, segundo Datafolha

18 setembro, 2014 às 20:26  |  por Narley Resende

três candidatos

A pesquisa do instituto da Datafolha divulgada nesta quinta-feira (18) à noite, mostra o governador Beto Richa (PSDB) na frente da disputa pelo governo do Paraná com 44% das intenções de votos, mesma pontuação da pesquisa passada. O candidato e senador Roberto Requião (PMDB) cresceu dois pontos e está 28% das intenções de voto se as eleições fossem hoje. A senadora Gleisi Hoffmann (PT) manteve os 10%.

Beto Richa (PSDB): 44%

Requião (PMDB): 30%

Gleisi Hoffmann (PT): 10%

Ogier Buchi (PRP): 1%

Bernardo Pilotto (PSOL); Geonisio Marinho (PRTB); Rodrigo Tomazini (PSTU); e Tulio Bandeira (PTC) têm 0% cada. Brancos e nulos: 6%. Não sabe: 9%

O Datafolha fez uma simulação de segundo turno entre Beto Richa e Requião. Os resultados mostram que Beto Richa caiu dois pontos e estaria com 51% e Requião subiu três pontos e aparece com 33%. Branco/nulo: 7%, Não sabe/não respondeu: 7%.

Na pesquisa de rejeição dos candidatos o peemedebista Requião, que tem 25%. Na sequência aparecem Gleisi Hoffmann (20%), Beto Richa (18%), Ogier Buchi (10%), Tulio Bandeira (10%), Bernardo Pilotto (10%), Geonisio Marinho (9%), e Rodrigo Tomazini (9%).

A pesquisa encomendada pela RPC TV e o jornal Folha de S. Paulo foi realizada entre os dias 17 e 18 de setembro. Foram entrevistados 1.256 eleitores em 46 municípios do Estado. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de três pontos prevista.

O registro da pesquisa no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) PR-00035/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) BR-00665/2014.

Requião perde mais dois minutos de propaganda na TV

18 setembro, 2014 às 20:05  |  por Narley Resende

tv

O senador e candidato ao governo do Paraná Roberto Requião perdeu mais oito inserções de 15 segundo da propaganda eleitoral na TV supostamente invadir horários destinados a candidatos a deputado estadual e federal. A decisão desta quinta-feira (18) é a quinta da Justiça Eleitoral que retira tempo de TV de Requião pelo mesmo motivo. Na semana passada, a propaganda da coligação “Paraná com Governo” do candidato do PMDB ao governo somou outras 25 inserções de 15 segundos porque teria invadido o horário destinado às campanhas proporcionais.

Justiça recolhe mais de 2 mil ‘jornais’ contra Richa em Foz do Iguaçu

18 setembro, 2014 às 18:12  |  por Narley Resende

A Justiça Eleitor recolheu nesta quinta-feira (18) em Foz do Iguaçu (oeste) mais de 2 mil exemplares do jornal “Por Favor Não Votem em Beto Richa”. A publicação é produzida por Sérgio Beltrame, coordenador da campanha do candidato ao governo Roberto Requião (PMDB) na Região Oeste do Paraná, e de acordo com o mandado de busca e apreensão assinado pelo juiz Marcos Antonio de Sousa Lima, o jornal parece um pedido dos professores do Paraná, quando na verdade é publicado pela campanha do candidato ao governo.

“O panfleto informa ao eleitor, em letras garrafais, que se trata da ‘Mensagem dos professores ao povo do Paraná; Por favor não votem em Beto Richa’, dando a entender que se trata de movimento articulado pelos professores, e não pelo candidato adversário”, afirma o juiz. A identificação da coligação “Paraná Com Governo” está em letras “minúsculas”, segundo o juiz, e induz o eleitor ao erro.

TV Sudoeste transmite pela internet debate entre candidatos ao governo

18 setembro, 2014 às 17:04  |  por Narley Resende

7c0dba993f08e32f3cc5567760bb954e

A TV Sudoeste, afiliada da Rede TV, promove nesta quinta feira o segundo debate entre os candidatos ao governo do Paraná. A emissora de Pato Branco vai transmitir o evento pela internet a partir das 21h30. Os oito candidatos confirmaram presença no penúltimo debate antes das eleições no dia 05 de outubro. O próximo será na RPC TV no dia 30 de setembro, sem a presença de Rodrigo Tomazini (PSTU).

A afiliada da Globo no Paraná tentou reduzir o número de candidatos convidando os ‘nanicos’ para participarem de entrevistas ao vivo, mas nenhum deles aceitou. Tomazini foi cortado porque a legislação eleitoral permite convidar apenas candidatos sem representatividade na Câmara Federal.

A RIC TV Record desistiu de promover o debate por causa do excesso de candidatos. A direção da emissora entendeu que oito candidatos não promoveriam um debate produtivo.

Site de Requião é suspenso pela segunda vez na campanha

18 setembro, 2014 às 14:27  |  por Narley Resende
reprodução/requiaopmdb.com.br

reprodução/requiaopmdb.com.br

O site de campanha do senador Roberto Requião (PMDB), candidato ao governo, foi suspenso por 48 horas por manter vídeos ofensivos ao candidato à reeleição, governador Beto Richa (PSDB). A decisão liminar do juiz Lourival Pedro Chemim do Tribunal Regional Eleitoral determinou a suspensão do site por reincidência. “Determino a suspensão do acesso a todo o conteúdo do site www.requiaopmdb.com.br , por 48 horas, diante da REITERAÇÃO DE CONDUTAS (…) posto que já houve determinação judicial de suspensão de acesso de 24 horas”, afirma na decisão.

A defesa de Requião argumenta que o candidato não faltou com verdade e nem ofendeu a honra de Beto Richa e reclama do excesso de condenações. “Há judicialização da campanha política, pois os representantes buscam censurar todos os discursos de Roberto Requião e que ferem os princípios da liberdade de expressão e de pensamento, impossibilitando o debate político”, reclama.

Sobre as “ofensas”, os advogados do candidato do PMDB afirmam que não têm relação com a Justiça Eleitoral. “As menções de que o representante é “bronzeado, que empina pipa no ventilador”, entre outras, não podem ser objeto de litígio judicial, eis que fazem parte do embate político”, argumenta. A condenação é relacionada à afirmação de Requião de que Richa teria “desistido” de ações contra o pedágio. “Nesse aspecto, entendo as críticas ácidas e com sátiras não ferem a honra do candidato Beto Richa e nem são fatos sabidamente inverídicos. Ficaram dentro do embate político. As afirmações não foram além do limite do tolerável.”, afirma.

O juiz afirma que as ações foram suspensas e não canceladas, e em alguns casos o governo é réu e não poderia “desistir” dos processos.  “Roberto Requião divulgou notícia relativa ao financiamento de campanha de Beto Richa com o cuidado de deixar claro de que três milhões de reais recebidos foram para fazer CAMPANHA. Porém, repisa no ponto que o atual Governo desistiu oficialmente de ações ajuizadas durante a sua gestão. Isso já foi decidido pela Justiça Eleitoral, a despeito da opinião do representado Roberto Requião, não ocorreu”, entende.

Justiça suspende canal ‘Barbie Paraguaia’

18 setembro, 2014 às 08:20  |  por Narley Resende

barbie paraguaia

Um canal do Youtube com vídeos criados para atacar a campanha da senadora e candidata ao governo do Paraná Gleisi Hoffmann (PT) deve ser excluído imediatamente. A Justiça Eleitoral considerou ofensivo o conteúdo dos vídeos postado pelo administrador. Uma decisão liminar do juiz Leonardo Castanho Mendes determinou que o Google, que administra o Youtube, exclua da página em 24 horas. Além das ofensas à honra da candidata, o canal “Barbie Paraguaia” continha imagens editadas do debate eleitoral com a aparição do governador Beto Richa (PSDB), candidato à reeleição.

A falta de registro do canal no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR) caracteriza propaganda irregular. “Nesses (cinco) vídeos, a vedação ao anonimato fica cumprida pela simples circunstância de que se sabe quem está a falar”, acusa o juiz. O tribunal julgou um caso semelhante sobre um canal Youtube chamado “Xô Requião”, com conteúdo parecido. O juiz determinou multa de R$ 10 mil em caso descumprimento.

Seju nega que ‘bolo e salgadinho’ fosse para “comemorar aniversário do PCC”

17 setembro, 2014 às 20:14  |  por Narley Resende
Foto: reprodução/Youtube /Sindarspen

Foto: reprodução/Youtube /Sindarspen

A Secretaria de Secretaria de Estado da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Paraná (Seju) publicou uma nota oficial em resposta as acusações feitas pelo ex-governador e candidato Roberto Requião (PMDB) sobre a autorização de entrada de bolo e salgadinhos na Penitenciária Estadual de Piraquara I (PEP I). Requião acusou o governo de fazer “festa de aniversário para integrantes do PCC”. Segundo o candidato, a “denúncia” foi feita pelos representantes do Sindicato dos Agentes Penitenciários.

A Seju afirma que foi realizado na unidade penal, de 1º a 05 de setembro, a “semana do encarcerado”, organizada pelo “Programa Esporte, Arte, Cultura, Lazer e Bem Estar”, do Centro de Educação Básica para Jovens e Adultos (CEEBJA) Mario Faraco, que atende presos do complexo penal de Piraquara. O referido programa é regulamentado pela resolução nº 397/2013 desta Secretaria de Estado e visa oferecer aos encarcerados atividades de cultura, lazer e esporte, incluindo-os em processos de ressocialização e reinserção social.

“A entrada de bolo, salgadinhos e refrigerantes foi devidamente autorizada no dia 05/09 pela Direção da PEP I, amparada nos artigos 55 e 56 da Lei de Execução Penal, para o encerramento do referido evento, e não no dia 31/08, como afirmou equivocadamente o candidato, de que seria para comemorar o aniversário de facção criminosa”, diz a nota.

Justiça aceita recurso e DEM volta a receber Fundo Partidário em Curitiba

17 setembro, 2014 às 14:36  |  por Narley Resende

dem

O recurso do Diretório Municipal do Democratas contra sentença da 1ª Zona Eleitoral de Curitiba que pediu suspensão do Fundo Partidário por um ano foi aceito pelo Tribunal Regional Eleitoral nesta terça-feira (16). O partido não entregou a prestação de contas de 2013 dentro do prazo e o TRE-PR pediu apenas a análise dos documentos na sessão desta terça. A corte, por unanimidade, determinou a análise da prestação de contas anuais do exercício de 2013 apresentadas DEM.

Segundo o relator, juiz Josafá Antonio Lemes, a entrega da prestação de contas com atraso de oito dias mostra “irregularidade”, mas não implica na ausência de sua análise das informações. “Em caso de falta de apresentação de contas, a suspensão do repasse do Fundo Partidário só é determinada se o atraso permanece”, decidiu o juiz.

Dilma lidera com 36% dos votos; Marina tem 30% e Aécio, 19%, segundo Ibope

16 setembro, 2014 às 20:46  |  por Narley Resende

A pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira mostra a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, em primeiro lugar na disputa pela presidência da República. A petista tem 36% e está com seis pontos na frente de Marina Silva (PSB) que tem 30%. O candidato Aécio Neves (PSDB) subiu de 15% para 19%.

O candidato Pastor Everaldo (PSC) aparece com 1%. Já os candidatos Zé Maria (PSTU); Luciana Genro (PSOL); Eduardo Jorge (PV); Rui Costa Pimenta (PCO); Eymael (PSDC); Levy Fidelix (PRTB); e Mauro Iasi (PCB) somados alcançariam 1% dos votos. Brancos e nulos somam 7% e não sabe/não respondeu, 6%.

Leia mais no Portal Bem Paraná