Arquivo da tag: cota

TRE rejeita ação que apontava fraude em cotas de candidatas mulheres

4 outubro, 2017 às 07:44  |  por Ivan Santos

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE/PR) manteve, em julgamento na segunda-feira, decisão anterior que considerou improcedente a ação que questionava possíveis candidaturas fraudulentas de mulheres para o cargo de vereadoras no município de Fernandes Pinheiro (Centro-Sul). A Corte entendeu que o tipo de ação proposta pela Coligação Juntos Somos Mais Fortes, da prefeita eleita Cleonice Schuck (PMDB), não se enquadra entre as ações possíveis na Justiça Eleitoral.

Continuar lendo

Do Paraguai, Gleisi tenta desfazer estrago de redução de cota de compras

22 julho, 2014 às 16:22  |  por Ivan Santos

A notícia de que o governo federal reduziria de US$ 300 para US$ 150 a cota de compras na fronteira pegou de surpresa a candidata do PT ao governo do Estado, senadora Gleisi Hoffmann, justamente no dia em que ela desembarcou no Paraguai. Na tentativa de desfazer o estrago, a petista anunciou hoje que a Receita Federal voltou atrás, e que a cota vai continuar sendo de US$ 300.

Gleisi disse ter recebido a notícia da suspensão da portaria da Receita da assessoria da Casa Civil e do Ministério da Fazenda. “Esta medida não vai entrar em vigência. Era, na realidade, uma regulamentação sobre free shops e não deveria tratar da cota. A redução será suspensa e vamos voltar à cota de US$ 300”, assegurou. Na manhã de hoje, a candidata se encontrou com o presidente Horácio Cartes, no Palácio de los Lopes, e visitou o Senado paraguaio.

A redução da cota foi manchete nos jornais do Oeste e Noroeste, rádios e TV’s e um dos assuntos mais comentados nas redes sociais. Uma das brincadeiras correntes é de que a cúpula da Receita é formada por eleitores tucanos. Até porque, tudo o que Dilma e os candidatos petistas não precisavam nesse momento era de uma notícia dessas. Mesmo com o recuo, não pegou nem um pouco bem para a candidata do PT e para o governo Dilma Rousseff, principalmente na região da fronteira, que depende do comércio com o Paraguai para atrair turistas e negócios.