Quais são seus planos para hoje?

28 novembro, 2017 às 23:45  |  por Priscila Wolff

É muito comum ouvir pessoas reclamando que não tem tempo para fazer exercícios, curtir os filhos, ter um hobbie, e tantas outras coisas importantes na vida.

Se você parar para pensar friamente sobre o assunto, isso não faz o menor sentido.

Pensa comigo: Hoje você tem iluminação para estudar a noite, pode pagar suas contas pelo celular e fazer compras sem sair de casa. Não quero te desanimar, mas Albert Einstein não tinha nenhum desses recursos, e fez coisas incríveis. Ok, desconheço registros de que ele praticasse exercícios regularmente, mas você entendeu, não é?!

Parece que quanto mais recursos temos, menos o nosso tempo rende!!

Não vou filosofar aqui sobre os ladrões do nosso tempo nos dias modernos, porque afinal, você não tem tempo a perder. Vamos então falar sobre Organização do tempo.

Você tem o hábito de planejar as atividades cotidianas? Não estou me referindo a levar os filhos no ballet e no judô. Estou falando de planejar levar a cafeteira na assistência. Sabe? As pequenas coisas do dia a dia.

Se você não faz isso, saiba que essas pequenas pendências tem um enorme potencial para gerar stress. E na mesma proporção, podem trazer grande satisfação. Vamos abraçar essa segunda possibilidade?

Te proponho então uma experiência a ser realizada a partir de HOJE. Digo para fazer hoje porque tudo que você não precisa, é mais uma pendência, não é?! Prometo que vai tomar poucos minutos da sua vida, e trará um grande resultado.

Vamos começar com um check list básico:

1. Liste todas as suas tarefas pendentes.

Mesmo que estejam relacionadas a temas diferentes, ou que pareçam pouco relevantes, se deseja realizar, coloque no papel.

2.Verifique se lembrou de tudo.

Ao terminar a lista, dê uma volta pela sua casa, para se certificar de que não há pendências esquecidas (pode achar aquela roupa que você ficou de levar para ajustar…).

3. Estime o tempo necessário.

Ao lado da tarefa, coloque a estimativa de tempo necessário para cumpri-la. Inclua os deslocamentos, se houver.

4. Defina prioridades.

Numere as tarefas de acordo com a prioridade. Identifique o que é urgente e importante, isso ajudará a definir o que deve ser feito primeiro. Você pode acabar percebendo que certas tarefas nunca serão prioridade (e talvez seja melhor doar logo aquela roupa que você nunca vai levar para ajustar!).

5. Coloque na agenda.

Passo importantíssimo. SEJA REALISTA. Não adianta colocar todos os itens na semana que vem, quando obviamente não conseguirá cumprir. Se você não tem uma agenda impressa, vale a do celular. Se nunca usou uma agenda no celular, recomendo a agenda do Google, que tem recursos ótimos!

Você não faz ideia de quanto ficará mais leve, simplesmente por planejar a resolução de suas tarefas. Quando você determina uma data para execução, ainda que o serviço não esteja feito, é como se já estivesse em andamento. Cada vez que você entrar na cozinha, e se deparar com a cafeteira estragada, ao invés de sentir um grande incômodo e pensar “tenho que consertar isso”, vai pensar “farei isso na quarta-feira”, e acredite em mim, isso vai te fazer muito bem.

6. Comprometa-se com o seu plano.

Você já tentou por tempo suficiente deixar que suas pendências se resolvessem sozinhas e não funcionou, então, encare a realidade: ninguém resolve seus problemas por você. Será necessário cumprir com o que planejou!

Verifique toda noite o plano do dia seguinte (coloque um alarme no celular, até que isso vire um hábito!).

Seguindo esses passos, logo você vencerá uma porção de pendências, e começará a perceber que é possível fazer mais com o seu tempo.

Passo seguinte?

Incluir na sua agenda algo que deseja fazer, mas não “tinha tempo”. Quem sabe aquele item que estaria na lista de desejos para o ano novo? Cada dia é uma nova oportunidade, e lembre-se:

Você é o dono do seu tempo, então comporte-se como tal.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>