Arquivos da categoria: Eleição em Curitiba

Comissão Processante mantém investigação contra vereadora

16 setembro, 2017 às 19:25  |  por Fernando Tupan

Da Assessoria da Câmara de Curitiba

Concluída a análise da defesa prévia protocolada por Katia Dittrich (SD) no dia 6 de setembro, a Comissão Processante decidiu, nesta sexta-feira (15), prosseguir com a investigação que apura se a vereadora quebrou, ou não, o decoro parlamentar. Ela nega ter exigido parte dos salários de ex-funcionários do gabinete, conforme alegam os denunciantes (leia mais). Com a decisão de hoje termina a fase de análise prévia e se passa à de instrução, na qual a Processante colhe provas e toma depoimentos.

Continuar lendo

Operação abafa deve livrar 4 dos 5 vereadores acusados de reterem salários

6 setembro, 2017 às 09:00  |  por Fernando Tupan

Rogério Campos

Rogério Campos

Uma operaçãoabafa acontece na Câmara Municipal de Curitiba para livrar os parlamentaresacusados de se apropriarem dos salários dos funcionários. As chances de que Rogério Campos (PSC), Thiago Ferro (PSDB), Osias Moraes e Geovane Fernandes (PTB) terem uma punição são mínimas. A única ameaçada é Kátia Dittrich. Os demais esperam por uma ação das autoridades. O corporativismo rola abertamente. Tudo indica que só haverá uma mudança de comportamento quando o Ministério Público do Paraná (MP-PR) agir para acabar com a festaça da proprina. Como fez quando Custódio da Silva e outros membros do parlamento caíram no início da década passada.

Oposição da Câmara de Curitiba não tá com nada

22 agosto, 2017 às 09:58  |  por Fernando Tupan

Thiago Ferro, Mauro Bobato, Fabiane Rosa, Mauro Ignácio e Hélio Wirbiski

Thiago Ferro, Mauro Bobato, Fabiane Rosa, Mauro Ignácio e Hélio Wirbiski

Somente a base aliada na Câmara Municipal de Curitiba foi para a VI Conferência Estadual das Cidades (Concidade). O presidente Serginho do Posto (PSDB) enviou Thiago Ferro (PSDB), Mauro Bobato (Podemos), Fabiane Rosa (PSDC), Mauro Ignácio (PSB) e Hélio Wirbiski (PPS). Vereadores da oposição sondaram o tucano e receberam não como resposta. Ficaram decepcionados, já que foram discriminados nele. O grupo está agora pensando em disputar a próxima eleição, em dezembro do ano que vem.

Distritão benefecia políticos no poder

17 agosto, 2017 às 09:00  |  por Fernando Tupan

Tiago Gevert

O distritão se estivesse valendo nas eleições de 2016 a Câmara Municipal de Curitiba não elegeria os vereadores Professora Josete (PT), Kátia dos Animais (SD), Cacá Pereira (PSDC), Mauro Bobato (Pod), Prof Silberto (PMDB),Oscalino do Povo (Pod), Maria Letícia (PV) e Ezequias Barros (PSC). Nos lugares deles estariam Fernando Ibanez (PHS), Edson do Parolin (PSDB), Jonny Stica (PDT), Herivelto Oliveira (PPS), Diogo Busse (PPS), Hernani (PSB), Carla Pimentel (PSC) e Tiago Gevert (PSC). Ou seja, dos atuais 38 vereadores da atual legislatura, oito não seriam eleitos no Distritão. Em outras palavras, beneficiaria os parlamentares que estão no poder. Na primeira opção, na proporcional, 2 voltariam. No Distritão, 4 voltariam. A renovação teria sido menor na eleição de 2016.

Vereadores querem upgrade político

7 agosto, 2017 às 09:00  |  por Fernando Tupan

Goura

O Brasil terá eleições em 2018 a presidente, senador, governador, deputado estadual e federal. A crise política está fazendo com que vereadores planejem mudar de casa. São os casos de Tico Kuzma (Pros), Bruno Pessuti (PSD), Toninho da Farmácia (PDT), Zezinho do Sabará (PDT), Felipe Braga Côrtes (PSD), Giovene Fernandes (PTB), Fabiane Rosa (PSDC), Paulo Rink (PR), Goura (PDT), Sabino Picolo (DEM), Professora Josete (PT) e Serginho do Posto (PSDB). A maioria vai tentar uma cadeira na Assembleia Legislativa do Paraná. A minoria, na Câmara Federal. Nenhum pensa em Senado ou ao governo.

PMN faz convenção nacioanl no domingo em São Paulo

28 julho, 2017 às 07:00  |  por Fernando Tupan

Rafael Greca

O Partido da Mobilização Nacional (PMN) está buscando a fórmula de como deixar de ser um partido nanico e crescer. No domingo, durante a Convenção Nacional da legenda, na capital paulistana, o prefeito Rafael Greca poderá explicar aos filiados como sair do nada e se eleger prefeito de uma das maiores capitais do Brasil. Não será surpresa se Greca for convidado para presidir o PMN no Estado. Atualmente ele já comanda em Curitiba, em substituição a Chico do Uberaba.

Servidores municipais de Curitiba têm direito a portabilidade da conta-salário

19 julho, 2017 às 19:28  |  por Fernando Tupan

Do Bem Paraná

O Procon-PR  tem recebido, nos últimos dias, inúmeras consultas e reclamações de consumidores sobre a portabilidade de salário, em razão da mudança do Banco Santander para a Caixa Econômica Federal (CEF) para recebimento de seus proventos, realizada pela Prefeitura Municipal de Curitiba.  A portabilidade de salário é um direito do consumidor, não podendo haver a recusa, por parte do banco onde o salário é depositado pelo empregador, em realizá-la.

Continuar lendo

E-Paraná abre 110 vagas para jornalistas

13 julho, 2017 às 16:00  |  por Fernando Tupan

A E-Paraná Comunicação, vinculada à Secretaria de Comunicação Social, publica nesta segunda-feira, 17, novo edital de concurso público para provimento de 100 vagas para diversas áreas de comunicação, como jornalismo e radialismo, e áreas administrativas de nível superior, médio e técnico. Os salários vão de R$ 1,5 mil a R$ 4,2 mil e os profissionais serão contratados sob regime celetista.

Continuar lendo

PSD realiza encontros regionais em todo Paraná

12 julho, 2017 às 18:30  |  por Fernando Tupan

O PSD inicia nessa quarta-feira (12) em Curitiba, um movimento estadual para debater com a sociedade paranaense os problemas regionais e locais, considerar propostas conjuntas e projetar as soluções. Com o apoio do Espaço Democrático – fundação para estudos e formação política da legenda -, as lideranças do partido farão reuniões públicas em todo o estado, abrindo um ciclo de debate direto e ao vivo.

Continuar lendo

Sessão da Câmara de Curitiba será escoltada por 2 mil PMs

26 junho, 2017 às 08:00  |  por Fernando Tupan

manifestação Câmara de Curitiba

Pela 1ª vez na história moderna, a sessão de hoje não será realizada nas dependências da Câmara Municipal de Curitiba. Tudo para garantir a aprovação do Plano de Recuperação Fiscal. Aproximadamente 2 mil PMs estarão nas imediações da Ópera de Arame. A partir das 4h da manhã a Polícia Militar começu a se posicionar em locais estratégicos já que apenas 100 pessoas poderão acompanhar os trabalhos legislativos. Os boatos são de que os vereadores irão entrar ou sair de camburão do local de votação. Até o momento ainda não foi confirmada a transmissão ao vivo pelo Youtube.

Aprovada lei que altera regras de regularização fundiária

3 junho, 2017 às 12:02  |  por Fernando Tupan

Medidas trazem mais eficiência à gestão do patrimônio da União

Do blog do Servidor

O Senado Federal aprovou, na noite da última quarta-feira (31), a Medida Provisória 759 de 2016 que traz mudanças nos procedimentos de regularização fundiária urbana e rural. Por 47 votos favoráveis e 12 contrários, a lei deverá ser sancionada pelo Presidente da República e publicado nos próximos dias.

Continuar lendo

Câmara de Curitiba obtém interdito proibitório para evitar presença de servidores em reunião da Comissão de Legislação

30 maio, 2017 às 10:00  |  por Fernando Tupan

Interdito

O presidente da Câmara Municipal de Curitiba, Serginho do Posto (PSDB), e o da Comissão de Legislação e Justiça, Dr. Wolmir Aguiar (PSC), querem evitar manifestações dos servidores, na reunião que decidirá o destino do Plano de Recuperação Fiscal de Curitiba. Hoje será discutindo a constitucionalidade ou não da proposta de Rafael Greca (PMN). A casa legislativa obteve “interdito proibitório judicial”, proibindo a presença de servidores se manifestando. A notificação chegou para os sindicatos Sigmuc, Sismmac, SindiFisco e Sismuc. O SindiCâmara não foi notificado. Se fosse, os funcionáridos estariam legalmente proibidos de trabalharem. As entidades já recorreram da decisão. A proposta confirma o clima autoritário da gestão do tucano, segundo dirigentes, e foi espalhado nos grupos do Facebook e do What’s app, lembrando o envolvimento dele na chamada série de reportagens, “Negócio Fechado”, da Gazeta do Povo

Serginho do Posto

Polícia Federal investiga calúnias contra Ney Leprevost

16 maio, 2017 às 10:00  |  por Fernando Tupan

Ney Leprevost

O deputado estadual Ney Leprevost (PSD) denunciou calúnias na eleição de outubro do ano passado e agora a Polícia Federal está investigando. Os principais alvos são jornalistas que fizeram parte da famosa “Tenda Digital”, desativada no início do ano passado. Alguns ex-integrantes foram chamados para depoimentos na Polícia Federal para responderem sobre memes e calúnias espalhadas durante a campanha de Leprevost à prefeitura de Curitiba. Membros da ex-Tenda criaram várias outras correntes e começaram a atuar para diversos políticos paranaenses.

Despacho de Luiz Fachin envolvendo Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo

12 abril, 2017 às 02:23  |  por Fernando Tupan

PETIÇÃO 6.660 (104)

ORIGEM :PET – 6660 – SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL
PROCED. : DISTRITO FEDERAL
RELATOR :MIN. EDSON FACHIN
REQTE.(S) : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL
PROC.(A/S)(ES) :PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA
DECISÃO:
1. Trata-se de petição instaurada com lastro nos termos de depoimento dos colaboradores Benedicto Barbosa da Silva Júnior (Termos de Depoimento n. 18 e 52), Marcelo Bahia Odebrecht (Termos de Depoimento n. 4 e 16) e Valter Luis Arruda Lana (Termos de Depoimento n. 3 e 4).
Segundo o Ministério Público, os colaboradores narram a ocorrência de pagamentos, a pedido do então Ministro de Estado Paulo Bernardo Silva, em favor de campanhas de Gleisi Helena Hoffmann em 2008 (Prefeitura de Curitiba/PR), 2010 (Senado Federal) e 2014 (Governo do Estado do Paraná). 
Os colaboradores ainda relatam que o repasse de R$ 5.000.000,00 (cinco milhões de reais), em 2014, relaciona-se à abertura de crédito de R$ 50.000.000,00 (cinquenta milhões de reais) atinente à linha de financiamento à exportação de bens e serviços entre Brasil e Angola, medida econômica que teria beneficiado o Grupo Odebrecht. 
Referidos repasses seriam implementados por meio do Setor de Operações Estruturadas da companhia, mediante utilização do sistema “Drousys”, suposto sistema interno da Odebrecht destinado ao controle do pagamento de vantagens indevidas.

Herança maldita de Gustavo Fruet foi de R$ 2,1 bi

3 abril, 2017 às 09:00  |  por Fernando Tupan

Gustavo Fruet

Quando assumiu, em 1º de janeiro, o prefeito Rafael Greca (PMN) não imaginava a dívida que o antecessor, Gustavo Fruet (PDT), deixaria. Passados 3 meses, Greca admite que Fruet deixou R$ 2,3 bilhões de contas a pagar, sem previsão no Orçamento. O ex-vereador Professor Galdino (PSDB) foi crucificado na legislatura passada da Câmara Municipal de Curitiba, pelos principais aliados do pedetista, por ter coragem de denunciar o problema. A insistência de Galdino em demonstrar a fraqueza da administração anterior, ajudou na reprovação nas urnas de Fruet e facilitou para que Greca e Ney Leprevost (PSD) chegassem ao 2º turno da eleição de 2016.