Arquivos da categoria: Internacional

Venezuela – o prelúdio das fraudes

1 novembro, 2015 às 05:13  |  por Fernando Tupan

Ives Gandra Martins

A negativa do semiditador venezuelano, Nicolás Maduro, de receber o ministro Nelson Jobim – ex-­presidente do Supremo Tribunal Federal, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), da Constituinte e ministro de pastas do Executivo brasileiro – na condição de chefe da missão da União de Nações Sul-­Americanas (Unasul), como observadora do pleito de dezembro deste ano, naquele país, é a demonstração inequívoca de que a fraude venezuelana está em gestação.

Continuar lendo

Quem acompanha

13 março, 2015 às 07:00  |  por Fernando Tupan

Do blog do HLucas

E o Ministério Público Federal dormiu de touca? O falecido José Janene, dono da empresa de iluminação Eletrojan e suplente de deputado federal pelo PDT, na época do Dobrandino Silva e sua extinta CODEFI foram impedidos de continuar com uma licitação pelo Ministério Público Estadual, liderado pelo promotor Renan Gabardo Fava. Ele descobriu que as certidões apresentadas pela firma eram falsas. Certidões de débitos federais, crime feio. E o personagem foi devidamente denunciado ao Ministério Público Federal, que deve ter tomado as dores, mas deixou o esperto Janene escapar para a esfera do Judiciário em Brasília, no STF, pois foi eleito deputado federal pelo PP e aí a coisa dormiu até o ex ministro Sepúlveda Pertence tomar uma decisão pela prescrição, mas não condenou o meliante deputado federal.

Continuar lendo

‘Financial Times’ lista motivos para um impeachment de Dilma

26 fevereiro, 2015 às 16:31  |  por Fernando Tupan

Um artigo publicado no jornal britânico “Financial Times” nesta quarta-feira (25) aponta dez motivos para acreditar que a presidente Dilma Rousseff (PT) pode não conseguir terminar seu segundo mandato. Assinado pelo editor-adjunto, Jonathan Wheatley – que foi correspondente do jornal no Brasil entre 2005 e 2011-, o texto menciona entre as razões a perda de apoio da presidente no Congresso Nacional e o escândalo da Petrobras. As informações são da Folha de São Paulo.

Segundo Wheatley, até mesmo alguns petistas se voltaram contra a presidente.”Alguns membros [do partido] a veem [Dilma] como uma intrusa oportunista”, escreve. Dilma só se filiou ao PT em 2001, após começar sua carreira partidária no PDT de Lionel Brizola. A maioria dos motivos mencionados no texto são de ordem econômica – como a “queda na confiança do consumidor”, o “aumento da inflação”, o “aumento do desemprego”, a “queda na confiança do investidor”, o “deficit orçamentário” e “problemas econômicos em geral”. O artigo menciona ainda “falta de água” e “possíveis apagões elétricos” entre as eventuais razões para um afastamento da presidente.

A marcha naval de Evo Morales

25 janeiro, 2015 às 10:40  |  por Fernando Tupan

Do Antagonista

O Antagonista pede desculpas. Atarefado com outras questões, certamente menos relevantes, deixou de registrar um fato que pode ter consequências monumentais para o futuro da humanidade. Evo Morales, em sua cerimônia de posse, prometeu que a Bolívia conquistará um acesso ao mar. Nossos leitores talvez não saibam, mas a Bolívia, apesar de não ter mar, tem uma marcha naval. E ela foi entoada, ontem, por todos os parlamentares da base de Evo Morales:

“Levantemos nuestra voz / Por nuestro Litoral / Que pronto tendrá Bolivia / Otra vez, su mar, su mar”.

Continuar lendo

Veneri recebeu doações de empresa envolvida no Petrolão

11 novembro, 2014 às 12:30  |  por Fernando Tupan

Tadeu Veneri

Tadeu Veneri

O deputado petista Tadeu Veneri, crítico habitual de tudo e de todos, que se posiciona como reserva moral do planeta, volta e meia surpreende aqueles que acreditam que sua prática corresponde a seu discurso.

Em 2011 se viu envolvido em uma cabulosa denúncia de uso irregular da verba de ressarcimento da Assembleia para financiar sua campanha eleitoral. O caso rendeu uma investigação pelo Ministério Público que ainda está em curso.

Agora a se descobre que um dos principais doadores da campanha de reeleição do deputado petista foi a Norberto Odebrecht, uma das empreiteiras prestadoras de serviços para Petrobras envolvida no escândalo do Petrolão.

A Odebrecht foi citada pelo doleiro Youssef em depoimento à Justiça Federal de Curitiba, entre as fornecedoras da Petrobras que realizaram pagamento de propina no Brasil e no exterior. A propina foi depositada no exterior e “internalizada” por Youssef no Brasil, para posterior distribuição a políticos.

EUA abrem investigação criminal contra Petrobras

10 novembro, 2014 às 07:34  |  por Fernando Tupan

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos da América abriu uma investigação criminal contra a Petrobras para saber se houve pagamento de propina para a empresa, ou algum de seus funcionários, nas operações americanas da estatal brasileira. A informação foi publicada na edição de ontem do jornal inglês Financial Times (FT). A Petrobras já é investigada nos EUA pela Securities Exchange Commission (SEC), órgão regulador do mercado de capitais americano, pois a petrolífera negocia títulos na Bolsa de Nova York.
Continuar lendo

Romanelli volta ao Trabalho e Stephanes à Assembleia

14 outubro, 2014 às 17:28  |  por Fernando Tupan

Do Karlos Kohlbach

Fontes do Palácio Iguaçu confirmam o retorno do deputado estadual Luiz Cláudio Romanelli (PMDB) para a Secretaria de Trabalho. A mudança deve ser anunciada pelo governador Beto Richa (PSDB) após o término das eleições presidenciais. Romanelli só deixou o cargo para poder disputar a eleição, mas no comando da pasta deixou o braço direito Amin Hannouche. Com a volta de Romanelli para o Poder Executivo, quem ganha vaga na Assembleia Legislativa é o deputado Stephanes Jr. (PMDB) que não conseguiu a reeleição e ficou na primeira suplência.

Falando na família… – Quem também deve voltar para o Poder Executivo é o deputado federal Reinold Stephanes – que, assim como o filho, não conseguiu a reeleição na Câmara Federal. Citam as mesmas fontes do Palácio Iguaçu, que o governador Beto Richa (PSDB) deve chamar Stephanes para um cargo no governo – que não será Casa Civil, cargo que ele ocupava antes da eleição. A Casa Civil já está acertada para o deputado federal Eduardo Sciarra (PSD), que não disputou a reeleição para assumir a coordenação geral da campanha do tucano.

Guerra paraguaia

1 outubro, 2014 às 08:31  |  por Fernando Tupan

Coluna Esplanada

Vem uma guerra sangrenta no Paraguai. O governo Cartes autorizou força máxima no confronto contra o Exército do Povo Paraguaio, um genérico da FARC que nasceu lá. Há sete meses eles seqüestraram um jovem brasileiro, receberam o resgate e o rapaz sumiu. Seus dois principais líderes apontados pelo governo vivem… asilados no Brasil.

Há perigo em cada esquina

10 agosto, 2014 às 08:30  |  por Fernando Tupan

É um mundo mais difícil, cheio de perigos em cada esquina, que aguarda a diplomacia brasileira no próximo período presidencial. Basta apreciar a conjunção de crises no horizonte. Israel e o movimento palestino Hamas, depois de breve intervalo, retomam o duelo desproporcional entre foguetes quase artesanais e tecnologia milutar de ponta. Os Estados Unidos de volta ao Iraque menos, de três anos depois de terem retirado as tropas do país, para enfrentar uma insurgência aparentada da Al-Qaeda — ainda que apenas lançando bombas do céu, por enquanto. Na antiga fronteira europeia da Guerra Fria, Rússia e Otan arreganham os dentes na guerra civil assimétrica que parece se estabelecer na Ucrânia.

Continuar lendo

Associação reclama de empréstimos do Anexo 3

10 março, 2014 às 10:01  |  por Fernando Tupan

O carnaval da Câmara Municipal de Curitiba, promovido pela Fundação Cultural de Curitiba, na semana passada deixou parte do funcionalismo da casa legislativa chateado. No ano passado, a associação dos servidores tentou emprestar o Anexo 3 para uma confraternização junina e a permissão para a realização do evento foi negado pela Mesa Executiva. A categoria realizou a confraternização sem o sucesso da folia, quando pessoas foram esfaqueadas e o último show da segunda noite terminou antes da hora.

PMDB pode assombrar a vice do PT em 2016

24 fevereiro, 2014 às 08:00  |  por Fernando Tupan

Stephanes Junior e Gustavo Fruet

Stephanes Junior e Gustavo Fruet

A vitória de Stephanes Junior para comandar o PMDB de Curitiba desenha o mapa político para as eleições de outubro e de 2016. Serão beneficiados o governador Beto Richa (PSDB) e Gustavo Fruet (PDT). Os peemedebistas deverão ser aliados nas campanhas das reeleições de Richa e Fruet e poderão ficar com as vices dos dois políticos. Do tucano pelo tempo de televisão no horário eleitoral. Do pedetista devido as ambições políticas dos petistas com relação à próxima eleição municipal. Na semana passada o presidente do diretório municipal do PT de Curitiba, Natalino Bastos, divulgou nota exigindo mais espaço no governo Fruet. O que pode ser até mesmo um problema para o futuro político do pedetista. Tradicionalmente a legenda gosta de trair aliados. O exemplo atual é eleição do Rio de Janeiro, com o lançamento da candidatura de Lindberg Farias.

Sobre um cowboy veloz

13 julho, 2013 às 15:16  |  por Fernando Tupan

Osama Bin-Laden

Rodrigo Craveiro

Enquanto os Estados Unidos ainda choravam seus mortos nos atentados terroristas contra o World Trade Center e o Pentágono, militares paquistaneses viam o homem mais procurado do mundo escapar por entre os dedos. O excesso de velocidade quase custou a Osama bin Laden a liberdade, entre 2002 e 2003. O carro no qual o líder da rede terrorista Al-Qaeda viajava foi parado pela polícia no Vale do Swat, no centro-norte do Paquistão. A retórica de um lugar-tenente, que conversou pessoalmente com os agentes da lei, “salvou” Bin Laden. Anos depois, o extremista adotou um disfarce “abaixo de qualquer suspeita”. Durante a longa estada — seis anos — em uma mansão situada próximo ao setor militar da cidade de Abbottabad, Osama aparou a barba e usou um chapéu de vaqueiro nos banhos de sol. É incrível que um cowboy num país tão islamizado quanto o Paquistão não tenha atraído a atenção das autoridades.

Continuar lendo

Microsoft ajudou governo dos EUA, afirma ex-espião

12 julho, 2013 às 05:32  |  por Fernando Tupan

A Microsoft, uma das maiores e mais populares empresas de informática do mundo, colaborou com o esquema de espionagem da Agência de Segurança Nacional (NSA, em inglês) americana, de acordo com o seu ex-técnico Edward Snowden. A denúncia foi feita ontem pelo jornal britânico The Guardian, em artigo coassinado pelo jornalista norte-americano Gleen Greenwald, que diz ter acesso aos documentos vazados por Snowden. A empresa negou qualquer envolvimento com o amplo esquema de espionagem dos Estados Unidos que atingiu vários países, inclusive o Brasil. Em audiência pública, ontem, no Senado, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse ter certeza de que conteúdos de e-mail e ligações telefônicas — e não apenas informações técnicas — foram coletados, e que a presidente Dilma Rousseff não utiliza um telefone criptografado para falar com ele. As declarações foram dadas poucas horas depois de a Casa aprovar requerimento para abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CP) para investigar as denúncias no país.

Continuar lendo

Brasília abrigou base dos EUA de espionagem por satélite

8 julho, 2013 às 13:59  |  por Fernando Tupan

Funcionou em Brasília, pelo menos até 2002, uma das estações de espionagem nas quais agentes da Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês) trabalharam em conjunto com a Agência Central de Inteligência (CIA) dos Estados Unidos. Não se pode afirmar que continuou depois desse ano por falta de provas.

Documentos da NSA a que O GLOBO teve acesso revelam que Brasília fez parte da rede de 16 bases dessa agência dedicadas a um programa de coleta de informações através de satélites de outros países. Um deles tem o título “Primary Fornsat Collection Operations” e destaca as bases da agência (veja acima).

Satélites são vitais aos sistemas nacionais de comunicações, tanto quanto as redes de fibras óticas em cabos submarinos. O Brasil não possui nenhum, mas aluga oito, todos do tipo geoestacionário – ou seja, que permanecem estacionados sobre uma região específica da Terra, em geral na linha do Equador.

Continuar lendo

Na teia da espionagem

7 julho, 2013 às 20:14  |  por Fernando Tupan

Na última década, pessoas residentes ou em trânsito no Brasil, assim como empresas instaladas no país, se tornaram alvos de espionagem da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (National Security Agency – NSA, na sigla em inglês). Não há números precisos, mas em janeiro passado o Brasil ficou pouco atrás dos Estados Unidos, que teve 2,3 bilhões de telefonemas e mensagens espionados.

É o que demonstram documentos aos quais O GLOBO teve acesso. Eles foram coletados por Edward Joseph Snowden, técnico em redes de computação que nos últimos quatro anos trabalhou em programas da NSA entre cerca de 54 mil funcionários de empresas privadas subcontratadas – como a Booz Allen Hamilton e a Dell Corporation.

Continuar lendo