Arquivos da categoria: Receitas de Risotos

Risoto de foie gras da Roberta Sudbrack e o Congresso Internacional de Gastronomia da Prazeres da Mesa

13 novembro, 2012 às 22:07  |  por Jussara Voss

Curitiba teve o último fim de semana marcado pela Virada Cultural e pelo Empório Soho. Eu me refaço da verdadeira maratona que foi o Congresso Internacional de Gastronomia organizado pela Prazeres da Mesa, em São Paulo, com o tema “Descobrindo as Américas: seus ingredientes e sua cultura”. Neste ano, tivemos a participação da chef paranaense Manu Buffara dentre os ilustres palestrantes, como Alice Waters, David Chang, Daniel Humm e Gastón Acurio. Sem fôlego, com a incumbência de cuidar de alguém com a perna quebrada em meio ao caos caseiro pela reforma da cozinha que não acaba nunca, que deixou tudo de pernas para o ar, e sem poder sair de casa para ficar perto do meu pai, idoso e de saúde frágil, confesso: não está sendo fácil. O jeito foi chorar um pouco e daí, no dia seguinte, acordar e retomar a rotina, enfrentando o dia. Achar graça numa bobagem, ver que tem coisa muito pior e seguir em frente. Tendo encontrado uma raridade – flor de abobrinha – no Mercado Municipal de Curitiba, na banca da Sidnéia, e com a incumbência de achar uma receita para o Natal a ser publicada na Ideias de dezembro, fui atrás de motivação e acabei na cozinha, consegui momentos agradáveis. Carne de cordeiro à Nova Zelândia foi a escolha para o almoço e será publicada na revista, risoto com flor de abobrinha e foie gras, receita da Roberta Sudbrack, ficou para o jantar e eu publico aqui. Nunca imaginei colocar foie gras no risoto, o resultado foi melhor do que eu poderia imaginar, muito além das expectativas, quem quiser uma opção mais barata pode substituir por frango, não é a mesmo coisa, claro, mas acredito que fique bom. A flor de abobrinha deu o toque crocante e adocicado, uma maravilha. A receita vai para a lista dos pratos inesquecíveis da chef Roberta Sudbrack. Alguém falou em tristeza? Mudamos o que é possível.

Daniel Humm ensinou como faz a sua versão para o steak tartare, contou como mudou tudo no Eleven Madison Park e se tornou o melhor chef de Nova York. Daniel é um cara muito simples, criativo, amável etc., enfim, genial. Ele está em 10º lugar na lista dos 50 Best da revista inglesa Restaurant. Provei alguns pratos dele em um dos jantares magnos. Daniel cozinhou no Clos de Tapas ao lado de Ligia Karazawa e Raúl Jiménez Garcia. Foi um jantar especial, no qual tive o prazer de conhecer a chef e jornalista internacional Luciana Bianchi, que é curitibana e de quem eu já era fã. Muitas histórias de vida trocadas e admiração por quem vai atrás do que quer.

Quer saber mais sobre a flor de abobrinha? Vá até o blog do Paladar, link aqui, ler o que ensina a Janaína. E aqui a receita.

Continuar lendo

Risoto de carne seca e mascarpone na minimoranga, por Roberta Sudbrack

26 junho, 2011 às 21:37  |  por Jussara Voss

O prato principal da noite de sexta-feira, que teve a codorna em emulsão de castanha de caju e foie gras na entrada, foi risoto de carne seca e mascarpone na minimoranga da mesma chef e do mesmo cardápio para o presidente italiano. Outro hit parade, como diria minha amiga de comilanças e viagens gastronômicas. Eu que não gostava de charque virei fã desse prato. O mascarpone equilibra os sabores e o prato ganha admiradores. No feriado, por sorte, consegui comprar as minimorangas no Mercado Municipal de Curitiba. Liguei antes para saber o horário de funcionamento. O número do telefone que está no site cai numa loja do mercado e a atendente me respondeu: aberto até às 14h. Cheguei pouco antes das 13h e quase fico sem as minhas compras. Agora já sei: nos feriados o mercado fica aberto até às 13h, sempre.

Continuar lendo

Risoto de aspargos frescos, Sérgio Arno, e a Copa Gastronômica

31 março, 2011 às 22:47  |  por Jussara Voss

Acho que depois de ver tanta comida e constatar como é fácil servir um jantar para 200 pessoas, apenas contando com alguns chefs e muitos ajudantes, lógico, fiquei com saudades de eu mesma ir para o fogão. Fui para a cozinha toda faceira pensando que a minha missão seria servir apenas três pessoas. Bem fácil, não é? Nada como olhar o problema do vizinho. Mesmo assim, a vontade era fazer alguma coisa simples, leve e gostosa, evidentemente. Achei que o risoto de aspargos do Sérgio Arno iria satisfazer meus desejos, acertei! Vou publicar a receita conforme está no livro La cucina dell’amore e della passione, mas eu acabei mudando um pouquinho, olha a ousadia, e acertei na combinação, com mais de cor e sabor. Coloquei meio pimentão vermelho (pequeno) e abobrinha, os dois cortados em pequenos cubos e crus, uns 10 minutos antes de o prato ficar pronto. No final, acrescentei tomates crus micropicados e mais queijo ralado. E para recordar o jantar da Copa Gastronômica – Gols pela Vida, que imagino, não vou esquecer tão cedo, tenho as minhas razões, publico a foto dos chefs que participaram daquela noite especial, com a ajudante, que graças a chef Roberta Sudbrack, pode ficar nos bastidores do grande evento. Claude Troigros, Thomas Troisgros, Alex Atala, Flávia Quaresma, Roberta Sudbrack e Celso Freire.

Continuar lendo

Risoto ai fegatini di pollo e salvia

3 novembro, 2008 às 00:51  |  por Jussara Voss

Não é todo mundo que gosta de fígado de galinha, mas se você está entre aqueles que apreciam, como eu, experimente essa receita, é muito boa. Ando proibida de fazer esse risoto, porque se deixarem volta e meia ele entra em cena… É mais uma receita de risoto para a colega da viagem. Risoto tem uma base: refogar a cebola, fritar o arroz, colocar vinho branco, deixar secar e ir acrescentado um caldo (frango, carne, peixe etc.) e mexer sem parar, depois é só acrescentar os ingredientes disponíveis, ou preferidos.

Continuar lendo