• Bares em Curitiba

    Feijoada do Pirata movimenta sábado do Wit Bar

    Um dos destaques gastronômicos do Wit Bar, a feijoada servida aos sábados ganha uma edição especial esta semana. Neste dia 15/1, acontece a Feijoada do Pirata, com preço especial de R$ 19,90 por pessoa, mediante reserva antecipada até às 17h desta sexta-feira (13/1). O evento será embalado pela banda Pagode do Pirata, que interpreta os grandes sucessos deste ritmo contagiante e que é a cara do verão.

    A feijoada do Wit é ao estilo “completa”, com bacon, carne seca e cortes suínos como costelinha, lombo, paio e calabresa. Para acompanhar, o preço inclui ainda: arroz, farofa, vinagrete, torresminho, couve, banana e laranja. Ela é servida do meio-dia às 15h30.

    Reservas podem ser feitas pelo site oficial (www.witbar.com.br) ou pelo WhatsApp (041 9162-1489).

    Serviço:

    Wit Bar - Gastrobar

    Endereço: Rua Itupava, 1163 – Alto da XV, Curitiba – PR

    Mais em: www.witbar.com.br

  • Vinhos e gastronomia

    W Wine lança linha exclusiva de vinhos premium em lata

    Vinhos da W Wine
    Vinhos da W Wine (Foto: Divulgação/Assessoria)

    Tendência internacional no mercado de vinhos, o formato em lata ganha cada vez mais espaço também no Brasil. A maioria dos rótulos nacionais oferece opções de entrada, sem muita sofisticação. Porém a marca W Wine resolveu apostar na qualidade e acaba de lançar uma linha de vinhos premium em lata. São três estilos: Prosecco, Rosé e Branco. Com características próprias, o espumante é equilibrado, o rosé, delicado e o branco traz mais estrutura.

    Para desenvolver o produto, a W Wine buscou uma parceria de peso. Ninguém menos que Alejandro Cardozo, eleito o Enólogo do Ano de 2021 pela Associação Brasileira de Enologia. O profissional, também conhecido como “mago do espumante sul-americano”, é consultor de diversas vinícolas e produz rótulos premiados. Para os vinhos W Wine, ele escolheu as uvas Glera no espumante, Pinot Noir para o rosé e Alvarinho no branco.  São vinhos que fazem bonito diante de bons rótulos em garrafas e podem ser harmonizados facilmente. Provei e gostei bastante! Para mim, a praticidade da lata se uniu à qualidade do produto, o que faz deles vinhos perfeitos para quando quero tomar apenas uma ou duas taças.

    Foto:  A W Wine foca na qualidade e praticidade (divulgação)

    O design das latas chama a atenção pelo bom gosto, que remete à sofisticação da marca. Os vinhos são produzidos na Serra Gaúcha e envasados na Empresa Brasileira de Vinificações, do próprio Alejandro Cardozo. A primeira safra da W Wine tem 20 mil litros. Para 2022, a meta é chegar a 60 mil litros.

    Lançados no final do ano passado, os vinhos são uma iniciativa dos empresários Eduardo Borges e André Carvalho, já estabelecidos no segmento de bebidas em Curitiba. Eles explicam que a W Wine é voltada especialmente ao mercado de bares e restaurantes, visando substituir vinhos em taça genéricos por opções mais sofisticadas. “Nosso consumidor conhece vinhos e não se contenta com rótulos de baixa qualidade. Com a W Wine, eles podem consumir uma taça de um ótimo vinho, sem necessidade de pedir uma garrafa inteira”, salienta Eduardo Borges. Para o ano que vem, a meta é lançar também um tinto.

    Foto: Design das latas chama a atenção pelo bom fotos (divulgação)

    É possível encontrar vinhos da W Wine em diversos estabelecimentos em Curitiba. Para citar alguns, clubes Graciosa Country Club e Curitibano, restaurantes BeeO, Jardim Secreto, Pasta Basta, Funiculare, Boi and Beer e Pantucci Trattoria, entre outros. Para quem quer ter o produto em casa, a opção é comprar direto no site (preços a partir de R$ 25). Para mais informações, fone/ whatsapp (41) 99653-1800; e-mail  sac@wwine.com.br ou acesse https://wwine.com.br/.

    (Matéria publicada na coluna impressa de 14/01/2022)

  • Vinhos e gastronomia

    Embaixadora do Vinho do Porto no Brasil dá curso online gratuito sobre a bebida

    Paula Daidone
    Paula Daidone (Foto: Divulgação/Assessoria)

    A plataforma de ensino de vinhos Reserva85 está lançando o Curso Vinho do Porto com Paula Daidone, de forma gratuita. O projeto foi desenvolvido depois de Paula Daidone conquistar a certificação internacional de Educadora do Vinho do Porto, chancelada pelo Instituto do Vinho do Douro e Porto (IVDP), e tornar-se embaixadora da bebida no Brasil. Para o título, Paula participou da exclusiva formação Port Wine Educator ministrada pelo IVDP em Portugal

    “Como Embaixadora do Vinho do Porto tenho a missão de levar conhecimento sobre essa bebida milenar! E a melhor forma de disseminar informação é através de conteúdo de qualidade e, é ainda melhor quando é feito de forma gratuita, assim o conhecimento chega a todos!”, explica Paula Daidone.

    Todo o conteúdo do curso foi desenvolvido pela educadora e baseado no material oficial do IVDP e aborda desde a origem e método de produção do Vinho do Porto, as diferentes famílias e suas características, até técnicas de harmonização e coquetelaria. “O conteúdo é completo, com qualidade equiparada aos melhores cursos pagos. Nosso objetivo é transmitir conhecimento de alto nível de um forma prática e acessível”, completa Paula..

    Além de ser gratuito, o outro diferencial do curso é ser oferecido exclusivamente pelo Instagram. O curso está disponível no perfil do Instagram do Reserva85 (www.instagram.com/reserva85). “Escolhemos o Instagram por ser uma plataforma de acesso rápido e por trazer mais envolvimento com o público”.

    São 10 aulas + 1 aula bônus, compostas por material teórico, apresentado como post no feed, e aulas comentadas, através dos Stories. Para quem não conseguir acompanhar o curso em tempo real, não tem problemas: todo o conteúdo está armazenado no Guias e Destaques.

    Para realizar o curso o interessado não precisa desembolsar nada. Mas há a possibilidade de receber um Certificado de Conclusão de Curso mediante a aquisição do Kit Degustação. “O intuito do kit é que o aluno conheça na prática as características de cada uma das famílias de Vinho do Porto e coloque à prova seu conhecimento. Dessa forma temos o controle de que o aluno realmente realizou o curso e absorveu todo o conteúdo”, explica a educadora.

    O Kit Degustação é composto por ebook, teste para avaliação do conhecimento e 3 garrafas de 750 ml das categorias Branco, Ruby e Tawny. Cada kit dá o direito de duas pessoas realizarem o teste e ter acesso ao diploma O Kit Degustação tem o valor de R$ 299 e pode ser adquirido através do link: https://reserva85.com.br/vinho-na-pratica/kit-degustacao-vinho/vinho-do-porto-kit-degustacao/

    Como fazer o curso
    Para fazer o curso sobre Vinho do Porto no Instagram é muito simples, basta seguir o perfil do Reserva85 e acompanhar as postagens no feed. Todas as aulas sobre Vinho do Porto estão identificadas com a capa do curso. Para facilitar o acesso e tornar o curso mais interativo, foi criada uma bolinha nos destaques do Instagram com toda a sequência de aulas e comentários exclusivos da Paula Daidone. Basta acessar o perfil do Reserva85 no Instagram e clicar no destaque e seguir a sequência de stories. O aluno pode aproveitar para interagir e tirar suas dúvidas sobre o vinho do Porto. Uma dica super especial para quem vai fazer o curso é salvar as aulas sobre Vinho do Porto em uma coleção particular no Instagram. Assim você terá sempre o conteúdo do curso para consultar de forma rápida e prática.

    Mais detalhes em: https://reserva85.com.br/noticias-vinho/curso-sobre-vinho-do-porto-online-no-instagram/

    Conteúdo teórico do curso: https://www.instagram.com/reserva85/guide/curso-vinho-do-porto/17905787408479228/?utm_medium=copy_link

  • Inauguração

    Novo restaurante se destaca ao servir o autêntico jamón Joselito

    Brunch Valais Koffe Bar
    Brunch Valais Koffe Bar (Foto: Eliseu Tizato/Divulgação)

    O jamón Joselito, declarado o melhor presunto Pata Negra do mundo, tem endereço no Brasil: o Valais Koffee Bar, que inaugura em Curitiba nesta segunda-feira (17), é o primeiro restaurante do Brasil a oferecer em seu menu, o autêntico jamón Joselito, o presunto Pata Negra ibérico mais exclusivo do mundo.

    Outra grande atração do Valais Koffee Bar é o Queijo Raclete. Apaixonados por queijos, principalmente pelo queijo que vem da região de Valais, na Suíça (de onde derivou o nome do espaço), diversos pratos do menu, desde o café da manhã até o jantar, são acompanhados do famoso e saboroso queijo raclete, servido na frente do cliente, quentinho, tornando a experiência única e inesquecível.

    Foto: Hambúrguer com queijo Raclette

    A proposta do Valais Koffee Bar é surpreender o cliente, seja qual for a experiência que o cliente desejar: aberto todos os dias, a partir das 7h da manhã, com cafés elaborados com grãos especiais, pão de queijo 100% Minas, toats e outras delícias, chegando ao almoço, com pratos selecionados da alta gastronomia, continuando à tarde com lanches, porções, café e opções para happy-hour, se estendendo até o jantar, com menu exclusivo e elaborado pelos três chefs que comando a cozinha da casa: Serleia Aparecida, Wilson Ribeiro e Ricardo Bittencourt.

    A ideia é que novas unidades do Valais Koffee Bar sejam abertas ainda em 2022 em Curitiba e São Paulo, completando o primeiro ano da rede com cinco unidades em operação. A primeira unidade da rede conta com uma proposta de ambiente minimalista, clean, mas muito sofisticado e com luzes especiais para dar um ar aconchegante ao espaço. O projeto da primeira unidade do Valais Koffee Bar conta com a assinatura do arquiteto Givago Ferentz, especializado em projetos na área de gastronomia no Paraná.

    Queijo Raclete

    O habito de se consumir raclette é registrado desde o século XVI. A história sobre a origem da raclette de Valais diz que a origem do queijo foi supostamente inventada, depois que um produtor de vinho de Valais tentou aquecer seu queijo em uma fogueira em um dia frio. A verdadeira raclette (escrita no feminino, mesmo, por se tratar de uma palavra com origem de 1874, na França), tem consistência média e é produzida com base no leite de vaca ainda cru.  

    O jamón Joselito

    Produzido na Espanha, pelo produtor José Gómez, o Joselito é considerado o presunto Pata Negra mais caro do mundo, tendo peças deste jamón leiloadas por cifras altas. José Gómez é a sexta geração da família que produz os porcos pretos ibéricos, que possuem pele e cascos escuros (por isso o nome, Pata Negra), vivem ao ar livre em grandes pastagens e se alimentam de bolotas: frutos de árvores da família do carvalho, típicos da região ibérica; os frutos conferem um sabor muito especial e característico à carne, e por isso, apenas os jamóns produzidos desta forma podem ser chamados de Jamón Ibérico de Bellota, o mais alto nível entre os jamóns.

      Serviço:

    Valais Koffee Bar:

    Abertos todos os dias, a partir das 7h.

    Domingo a quarta até as 23h.

    Quinta, sexta e sábado até as 2h.

    www.valaiskoffebar.com.br

    Facebook e Instagram: @valaiskoffeebar

    Fotos: Eliseu Tisato

  • Gastronomia em Curitiba

    Linha congelada do Mezmiz é ideal para as férias

    Pratos do Mezmiz
    Pratos do Mezmiz (Foto: Divulgação/Assessoria)

    Verão, para muitos é sinônimo de praia, férias e tranquilidade, dias em que podemos aproveitar um pouco mais sem preocupação com horários. Essa época pede delícias à beira-mar, em um piquenique ao ar livre ou ainda em volta da mesa. 

    Com a ideia de incrementar esse “cardápio de verão” com sabor e qualidade e pensando em descomplicar a vida dos clientes, Vaneska Berçani, do restaurante Mezmiz, criou uma novidade: kits congelados de quibes recheados, esfihas de carne fechadas, falafel e esfihas integrais (foto) sabores ricota com nozes ou carne. 

    O Mezmiz, que busca o melhor da gastronomia, atento às necessidades dos clientes, preparou esse novo cardápio de congelados e produtos integrais. Uma novidade que veio para ficar. Agora é possível ter em casa os melhores quitutes árabes com facilidade e o mesmo sabor de quando comemos no salão ou no delivery. “Na loja do restaurante já existe essa linha de quitutes congelada. Mas importante dizer que o ideal é sempre encomendar, fazemos de acordo com a necessidade de cada cliente e na medida certa”, diz Vaneska. 

    Para quem vai para o litoral, que tal encomendar um kit de delícias e levar à beira-mar, uma infinidade de comidas saborosas e descomplicadas com a missão de matar a fome que o verão dá. A linha congelada está disponível no restaurante a pronta entrega, mas o restaurante sugere produzir mediante encomenda a quantidade porcionada ideal para cada família aproveitar o melhor da gastronomia árabe em pleno litoral. 

    Não perca tempo e encomende já seus kits de congelados e deixe suas férias ainda mais especiais. O restaurante funciona normalmente de segunda a sábado, das 11h às 23h, e aos domingos, das 11h às 16h.  

    Mezmiz

    Endereço: Rua Brasílio Itiberê 4412 - Água Verde

    Horário de funcionamento:

    De segunda a sábado das 11h às 23h

    Domingo das 11h às 16h

    Estacionamento Conveniado

    www.mezmiz.com.br

    Facebook @mezmiz_br e Instagram @mezmiz_br

  • Vinhos e gastronomia

    Fasano recebe jantar harmonizado com os melhores vinhos portugueses

    Vinhos da degustação
    Vinhos da degustação (Foto: Divulgação/Assessoria)

    São Paulo, JANEIRO de 2022 - No próximo dia 19, às 20 horas, no restaurante Fasano, ocorre o jantar harmonizado que tem como propósito a apresentação de alguns dos melhores rótulos portugueses trazidos para o Brasil, com exclusividade pela Grapy Garrafeira. A experiência será conduzida por Cecília Aldaz, sommelier do restaurante ORO, que possui duas estrelas Michelin.

    Para o jantar foram selecionados cinco rótulos: Royal Palmeira 2017, Principal Rosé 2016, Dom Bella 2016, Principal Grande Reserva 2011 e JFF 2011. Esses vinhos são assinados pelo enólogo Pascal Chatonnet, um dos mais conceituados do mundo, e são vendidos no Brasil entre R$ 329,00 e R$ 8.000,00. Além disso, toda a seleção passa por um processo evolutivo de maturação, os rótulos saem para o mercado somente após um tempo de evolução em garrafa, estando prontos para serem consumidos.

    A Idealdrinks, detentora desses rótulos, nasceu em 2010 por iniciativa do português Carlos Dias. Reconhecido pela sua carreira internacional de empreendedor de sucesso, ele é fundador da Roger Dubuis, marca suíça de alta relojoaria. O empresário decidiu investir em Portugal num momento em que a crise econômica atingia grande parte da Europa. Apaixonado pelo seu país, grande apreciador de vinhos, Dias utilizou da mais moderna tecnologia e contou com a colaboração dos mais prestigiados especialistas mundiais.

    Menu especialmente elaborado para a seleção de rótulos
    O menu do jantar harmonizado inicia com o couvert, composto pelos pães da padaria Fasano acompanhados de manteiga e patês de atum e ricota com ervas, e o vinho Royal Palmeira - Loureiro 2017. Após isso, o coquetel com canapés de carpaccio e salmão defumado, parmesão, presunto de parma e mortadela italiana. Essa etapa será harmonizada com o Colinas Brut Nature 2016. Para a entrada harmonizada com o Principal Rosé 2016, haverá duas opções de escolha: a salada com figos e mozzarella, presunto cru e sementes ou o carpaccio de salmão, abacate e iogurte.

    Os pratos principais da noite serão harmonizados com o Principal Grande Reserva 2011. Nessa etapa, os presentes poderão optar por uma das três opções do menu, são elas: risotto de cogumelos porcini frescos e tomilho; bacalhau no azeite, creme de batata, tomate cereja, alcaparras e azeitonas leccino ou cordeiro desossado ao forno com batatas e alcachofra com manjerona.

    A etapa final contará com uma seleção de queijos combinados com o vinho JFF 2011. As opções de sobremesas da noite serão o vanilla cake e o misto de frutas da estação. Também compõe o encerramento da noite a combinação de café com petit four. 

    Serviço:
    Grapy apresenta: Idealdrinks - proudly produced in Portugal
    Data: 19 de janeiro, às 20h
    Onde: Fasano - Rua Vitório Fasano, 88 - São Paulo-SP
    Menu: Couvert + Coquetel + Entrada + Prato Principal + Sobremesa + Café e Petit Four
    Valor por pessoa: R$1.800,00
    Como comprar: WhatsApp 

    Conheça a Grapy
    Garrafeira moderna e prática que busca aproximar cada vez mais pessoas do mundo dos vinhos. A importadora conta com uma seleção de vinhos com rótulos de distribuição exclusiva GRAPY. E em seu portfólio apresenta um mix perfeito de regiões, uvas e valores divididos em marcas conhecidas e consolidadas no mercado com novas opções de muita qualidade e surpreendentes.

  • Bares em Curitiba

    3 empreendimentos curitibanos que vão te fazer se sentir na praia

    Pratos do Fish Me
    Pratos do Fish Me (Foto: Divulgação/Assessoria)

    12/01/2022 – Durante o verão, é bastante comum entrar nas redes sociais e se deparar com diversos amigos viajando para a praia, curtindo o sol e desfrutando da gastronomia típica do litoral. Mas se você está em Curitiba, e descer a serra não está nos seus planos, saiba que é possível se sentir (ou literalmente estar) com os pés na areia apenas visitando alguns dos principais empreendimentos da capital paranaense. Confira: 

    Para quem não abre mão dos petiscos da praia, logo em frente ao Parque Barigui está localizado o Fish*Me, bar recém inaugurado especializado em peixes e frutos do mar. Todo o cardápio do empreendimento foi pensado para oferecer uma verdadeira experiência litorânea, com produtos frescos e preços acessíveis (R$ 20 a R$ 40), que cabem em todos os bolsos. Para completar a experiência, o bar recebe música ao vivo aos fins de semana, sem couvert artístico ou entrada. 

     Propondo uma harmonização completa, Curitiba conta ainda com um bar especializado em drinks autorais, tropicais e com ingredientes locais, como a cachaça: o Ananã Coquetéis. O interior da casa conta com uma decoração com pegada havaiana super inusitada e com clima casual, transformando o bar no ambiente ideal para se sentir à beira mar. 

    Já para os amantes de esportes praianos, a Pontuou oferece um espaço exclusivo com quatro quadras de areia totalmente cobertas para praticar futevôlei, vôlei de praia e beach tennis. O espaço trabalha com o aluguel de quadras, disponível todos os dias da semana e aos sábados, e também com aulas e treinamento funcional da areia, ideal para quem busca tonificação muscular, resistência física e queima calórica. 

    “Os esportes realizados na areia, além de serem uma ótima opção de entretenimento, podem contribuir muito para a saúde. Por exigirem muito mais esforço do corpo humano, eles apresentam resultados muito mais rápidos para quem busca, por exemplo, emagrecer ou tonificar a musculatura. Além disso, eles são ótimos aliados para a melhora dos sistemas cardiorrespiratório e cardiovascular”, destaca o empresário e preparador físico, Caíque Muller.

     

  • Gastronomia

    Jasmine Alimentos lança plataforma de e-commerce

    Precursora do segmento de alimentação saudável e sempre atenta aos movimentos do mercado, a Jasmine Alimentos lançou segunda-feira (10)  uma plataforma de e-commerce própria.  A plataforma é a nova aposta da marca para levar seus produtos para todas as regiões do Brasil. Presente em mais de 20 mil pontos de venda por todo o país, a empresa investiu aproximadamente R$100.000,00 para conceber e elaborar seu próprio marketplace, após uma experiência de sucesso vendendo seus produtos pela Amazon.

    “A nova operação visa o aumento da nossa cobertura, já que o cliente não dependerá de uma visita presencial em lojas e supermercados para encontrar os produtos Jasmine. Qualquer pessoa poderá acessar nosso e-commerce, encontrar todos os produtos do nosso portfólio e encomendar diretamente de casa”, destaca Rodolfo Tornesi Lourenço, CEO da empresa.

    Por meio da estratégia de um marketplace B2C, a empresa busca fortalecer a presença e o alcance da marca em todo o território brasileiro. A nova plataforma de e-commerce terá abrangência nacional e entregará em todas as regiões do país, sem quaisquer restrições. “Nosso ponto de virada, o game changer, por assim dizer, foi a bem-sucedida parceria com a Amazon em 2020 para a venda dos nossos produtos. Em pouquíssimo tempo, alcançamos excelentes resultados com mais de 100 mil unidades comercializadas pelo canal. Entendemos que precisávamos ter a nossa plataforma própria com todo o portfólio disponível para o país”, complementa Rodolfo. 

    Alimentos por delivery e supermercado on-line são categorias que mais cresceram na websfera

    Segundo pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), em parceria com o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), os segmentos de comida por delivery e compras de supermercado online foram as categorias com maior crescimento no número de consumidores no comércio eletrônico. Ainda, uma pesquisa da Bain & Company aponta que 76% dos brasileiros passaram a fazer compras de supermercado online em 2021. 

    A nova operação virtual da Jasmine é essencial para atender aos clientes de maneira integrada e completa. “Precisamos ser omnichannel. Hoje, os canais on-line e offline se completam. O marketplace é a melhor forma de atendermos todas as necessidades dos nossos clientes e proporcionar a melhor experiência de consumo”, explica Rodolfo.

    O projeto vem sendo estudado e elaborado há 04 meses e, neste primeiro momento de lançamento, as vendas estão concentradas apenas para o Brasil, mas, com expectativa de expansão para outros países ao longo dos próximos meses. O serviço do marketplace oferecerá uma logística integrada a partir de um centro de distribuição localizado em Itapevi (SP). “Temos equipes especialmente treinadas e dedicadas exclusivamente à seleção dos produtos, empacotamento e envio, o que torna o processo rápido, seguro e eficiente”, finaliza Rodolfo.

    Para conhecer o e-commerce da Jasmine, clique aqui (www.loja.jasminealimentos.com). 

     

  • Cerveja artesanal

    5 cervejas da ØL Beer para curtir o verão

    Para celebrar a chegada do verão, a ØL Beer preparou uma lista com 5 refrescantes sugestões de cervejas. A cervejaria artesanal paranaense tem na mitologia nórdica sua inspiração, e busca demonstrar que uma boa cerveja pode ser refrescante e marcante na mesma medida. Confira a seguir diversas possibilidades para fazer o combo que você preferir, seja para um churrasco, uma descida para a praia ou mesmo para curtir uma maratona de filmes e séries bem acompanhado. 

    Para começar, dois estilos que podem ser pedidos tanto em growlers com 1 litro de chopp quanto em garrafas de cerveja de 500 ml: o Baldr Pilsen e o Odin Witbier. O primeiro estilo traz no nome o sugestivo Deus nórdico da luz: uma cerveja de coloração dourada, leve e refrescante, de baixa fermentação. Já a Wit da ØL Beer se destaca pelo aroma e pelo leve sabor picante de especiarias como coentro, noz moscada e zimbro, que geram um delicioso equilíbrio com a citricidade das cascas de laranja e limão siciliano. 

    Se a ideia for combinar com o bronze do verão, que tal a Thor Belgian IPA, eleita medalha de bronze entre as três melhores cervejas na categoria White & Belgian IPA na Copa Cervezas de América? Também disponível tanto na versão growler de 1 litro quanto em garrafa de cerveja de 500ml, ela traz um conjunto de ingredientes especiais para compor um incrível aroma cítrico, além de sabor picante, advindo da levedura belga, frutado adocicado e um corpo médio.

    E para fechar com novidades essa seleção, os sócios-proprietários e mestres-cervejeiros da ØL Beer, Isadora Neier e Eduardo Vosgerau, indicam as duas recém-lançadas latas da ØL Beer. Tratam-se da Jun, uma Hazy IPA com Hop Hash, e da Goddess, uma surpreendente e superfrutada Imperial Sour. “A Jun é uma cerveja potente e complexa. A presença do lúpulo traz amargor moderado e sabor marcante, evidenciando a natureza craft e o corpo robusto. Por isso, a Jun nos inspira uma guerreira viking e exploradora, uma mulher que tem força e personalidade, mas que tem dentro de si a delicadeza e a sensibilidade”, conta Isadora. Já a imperial sour da ØL Beer, explica Eduardo, é uma verdadeira “salada de frutas alcoólica”, que promete surpreender até os mais céticos ao estilo sour. “Levemente ácida e com alta drinkability, a Goddess se destaca pelos sabores e aromas de maracujá e tangerina”, completa o mestre-cervejeiro.

     

    As cervejas em garrafas podem ser encontradas nos supermercados Angeloni, Festval e VerdeMais, em Curitiba, além de diversos bares e empórios da capital paranaense. Se preferir, você também pode pedir essas e outras opções da ØL Beer em casa. Para isso, basta fazer seu pedido pela loja da ØL: https://olbeer.com.br/loja/. Confira as novidades da cervejaria artesanal nas redes sociais da ØL: @cervejariaolbeer.

    Serviço

    Mais informações: olbeer.com.br e nos telefones (41) 9 9882-1077 e 9 9998-3037

    Facebook: @cervejariaolbeer

    Instagram: @cervejariaolbeer

  • Bares em Curitiba

    Festival de caipirinhas celebra o verão em Curitiba

    Caipilé de Morango
    Caipilé de Morango (Foto: Divulgação/Assessoria)

    Paixão unânime entre os brasileiros, ainda mais durante o verão, a Caipirinha tem seu próprio festival na cidade de Curitiba: o CaipiFest. Promovido pelo Bar Quermesse, um dos mais tradicionais da capital paranaense, o evento terá sua 3ª edição nesta semana, entre os dias 11 e 16 de janeiro. Durante seis dias, o público poderá saborear versões clássicas e releituras originais, com cachaça ou vodka, por apenas R$ 15 cada unidade. 

    Entre as versões sobre sua origem, o Instituto Brasileiro da Cachaça conta que a receita original da caipirinha era receitada no combate a gripes, por causa do limão, incluindo o surto de Gripe Espanhola de 1918. Dizem que era muito popular no interior, por isso o nome “caipirinha”. Inicialmente feita com mel, acabou recebendo o açúcar, que vivia grande expansão no mercado brasileiro. 

    Resgatando essa tradição, uma das principais pedidas do Quermesse é a Caipirinha Três Limões. Na receita, o preparo recebe as variedades tahiti, siciliano e caipira combinadas a cravo e açúcar. Outra versão de sabor bem marcante é a Manga Rosa, de manga com pimenta. Para as pessoas de paladar mais leve, a Caipilé é a caipirinha de morango servida com um picolé de leite condensado. Versões mais tradicionais também fazem parte do evento, como a caipirinha de limão tahiti e a de uva (um sucesso da casa). Para completar o menu, a 3ª edição do festival terá um lançamento especial: a caipirinha de abacaxi com gengibre e melaço de cana. 

    O Bar Quermesse tem variadas dicas de petiscos e pratos cara acompanhar a programação do Caipifest, com uma gastronomia focada em culinária regional de boteco. O Torresmo de rolo é um dos mais pedidos, assim como as três versões de Carne de Onça (tradicional, carne de onça japonesa ou no canudinho crocante). Opções individuais, como o Pão com bolinho e o Choripan, são outras saborosas escolhas. 

    O Bar Quermesse fica na Rua Carlos Pioli (nº 513), no bairro Bom Retiro. A casa funciona de terça a sexta, das 17h às 23h, e aos sábados e domingos, das 11h30 às 23h. Mais informações no perfil oficial do empreendimento no Instagram (@barquermesse) ou pelo telefone (41) 3026-6676.

     

  • Vinhos e gastronomia

    Guia de Vinhos Grande Adega está disponível gratuitamente

    Coisas que você sempre quis saber sobre vinho, mas nunca teve coragem de perguntar! Este é o lema do primeiro capítulo do Guia de Vinhos Grande Adega, e-book recém-lançado e disponível para download gratuito

    A publicação procura simplificar informações, derrubar mitos e instigar um brinde a cada página. A ideia é aproximar as pessoas deste universo encantador que é o mundo dos vinhos, compartilhar conhecimento e contribuir para a disseminação desta bebida. 

    Questões como “o que é tanino”, “o que acontece quando o vinho passa por barrica de carvalho”, “o que são vinhas velhas”, “o que é harmonização” ou ainda “qual o melhor saca-rolhas” estão lá, com respostas diretas e fáceis de entender. A proposta do Guia de Vinhos Grande Adega é ajudar na educação do vinho para que as pessoas desmistifiquem a ideia de bebida elitista. As belíssimas ilustrações são da artista plástica Gabriela Almeida. 

    Para fazer o download basta clicar aqui: https://conteudos.grandeadega.com.br/landing-page-guia-dos-vinhos 

    Sobre a Grande Adega

    A Grande Adega nasceu grande não apenas no nome, mas também na vontade de apresentar uma vasta variedade de vinhos. A equipe não economizou em feiras nacionais e internacionais, visitas a produtores e degustações para elaborar um portfólio invejável de vinhos das principais regiões produtoras do mundo. 

    A proposta é atender a todos os consumidores amantes do vinho, do iniciante interessado em novidades e ávido por conhecimento ao grande e exigente conhecedor. Na Grande Adega há vinhos que combinam com churrasco, com feijoada, com massa, com piscina, com lareira, com piquenique, com diversão e com alegria. Em garrafa ou taça, com rolha de cortiça ou screw cap, dos leves aos encorpados.

     grandeadega.com.br

    Entrega para todo o Brasil.

    @grandeadega.com.br

    0800 606 0566

    Whats: 41 99703-5795

  • Turismo

    Hostel Bebel é opção de hospedagem para os participantes da 39ª Oficina de Música de Curitiba

    Hostel dispõe de dois quartos coletivos com 12 leitos, três suítes
    Hostel dispõe de dois quartos coletivos com 12 leitos, três suítes (Foto: Bebel Ritzmann/Divulgação)

    A Fundação Cultural e o Instituto Curitiba de Arte e Cultura confirmaram a realização da 39ª Oficina de Música de Curitiba de 16 a 30 de janeiro, em formato híbrido, tanto na etapa pedagógica quanto na programação de espetáculos, shows e concertos abertos ao público. As inscrições podem ser feitas até o dia 10 de janeiro pelo site www.oficinademusica.curitiba.pr.gov.br.

    A 39ª Oficina de Música de Curitiba terá as atividades divididas nas seguintes fases: música erudita (16 a 22 de janeiro), música antiga (16 a 29 de janeiro) e música popular (23 a 30 de janeiro).

    Marcada pela descentralização e pela oferta à população de uma programação intensa, a Oficina de Música traz nesta 39ª edição apresentações de música erudita à popular brasileira em espaços por toda a cidade: teatros, parques, cinemas, bares e igrejas, promovendo o acesso de diferentes plateias ao talento de artistas nacionais e internacionais e as demonstrações do aprendizado dos alunos da Oficina.

    Onde se hospedar

    Com fácil acesso para os locais que acontecerão as atividades da 39ª Oficina de Música de Curitiba, o Hostel Bebel, a mais nova opção de hospedagem de Curitiba, está disponível para receber as pessoas que vierem à capital para participar ou acompanhar o evento.

    O Hostel Bebel fica na Rua Vinte e Quatro de Maio esquina com a Rua Engenheiros Rebouças, no bairro Rebouças. O prédio se destaca no local pela sua arquitetura e cores; à noite, ganha uma iluminação toda especial que chama muito a atenção porque valoriza ainda mais o visual.

    Construído na década de 1940, o Hostel Bebel tem a capacidade para receber 50 pessoas e dispõe de dois quartos coletivos com 12 leitos, três suítes (uma é pet friendly) com aparelho de tv, três quartos para família e um quarto preparado para pessoas com deficiências e idosos com toda a acessibilidade e estrutura necessárias. O espaço ainda oferece lockers individuais e com chaves, roupa de cama, cozinha e banheiros compartilhados e um deck superior para lazer com mesa e churrasqueira, além de uma vista panorâmica da cidade. Além disso, o hostel tem a Sala Mercedes com televisão e lareira e o Espaço Gagá com redes para descanso. As diárias variam de R$ 70 a R$ 90 por pessoa, o café da manhã é opcional com agendamento, bem como o aluguem de tolhas.

    Para mais informações e reservas acesse www.hostelbebel.com.br ou via whatsapp (41) 9 9957-1547.

  • Vinhos e gastronomia

    Vinhos com nota máxima: conheça os rótulos de 100 pontos

    Seleção de vinhos muito bem avaliados
    Seleção de vinhos muito bem avaliados (Foto: Divulgação/Assessoria)

    A Rootstock Vinhos por meio de sua curadoria comandada pelos Wine Hunters Paul Tudgay e Juliana Tudgay selecionou rótulos pontuados com a nota máxima de 100 pontos. Destaca-se que já existiram outros sistemas de pontuações que não consideravam 100 pontos, mas neste artigo será abordado o sistema mais utilizado atualmente, os motivos para rótulos chegarem a essa pontuação e, principalmente, a especificação de cinco rótulos que conquistaram a nota máxima.

    Primeiro é importante salientar que, obviamente, para ganhar 100 pontos, o vinho em questão deve ser perfeito ou o mais próximo da perfeição que um vinho pode chegar. Trata-se de um rótulo em que todas as análises organolépticas[1] e métodos de vinificação estão corretos. Cada crítico usa critérios diferentes ao julgar os vinhos, porém o senso de lugar, equilíbrio, concentração e potencial de longevidade são fatores universais entre os juízes de vinhos. O especialista Paul Tudgay ajuda a compreender melhor algumas questões importantes, confira os questionamentos e respostas abaixo. 

    Por que os críticos usam o sistema de 100 pontos? Poderia um crítico, ou mesmo um consumidor, realmente saber a diferença entre um vinho de 96 pontos e um vinho de 97 pontos? A diferença pode ser tão sutil?

    Segundo Paul Tudgay, provavelmente não. Tradicionalmente uma escala de 20 pontos era usada, e ainda é, entre os jurados e jornalistas de vinhos britânicos. “Foi Robert Parker que popularizou a escala de 100 pontos – é uma coisa americana”, explica Tudgay. Os americanos apreciam os grandes números, tanto que outros exemplos disso podem ser observados em sua cultura, é o caso dos esportes americanos, todos eles têm sistemas de pontuação elevada. Um dos motivos que levam os americanos a não gostarem de futebol está relacionado a isso, pois eles claramente têm uma preferência por coisas excessivamente grandes. Sempre querem ser os melhores em tudo, portanto não entendem como em uma partida um time pode empatar com outro e ainda ser considerado um bom jogo.

    Na realidade, o sistema de 100 pontos é o sistema de 20 pontos "on steroids". “Raramente vemos um vinho com pontuação abaixo de 80, se for o caso é porque os críticos estão usando 20 pontos para pontuá-lo e, em seguida, apresentando-o numa escala de 100, funciona”, destaca Tudgay, que ainda enfatizou que o sistema de 100 pontos captura a imaginação, se destaca e torna os vinhos mais memoráveis e colecionáveis. 

    Por que deveríamos confiar no sistema de 100 pontos?

    Porque é um sistema consagrado, mas é importante ficarmos atentos, a questão da preferência pessoal não deve ser esquecida, ou seja, nem sempre um vinho que conquistou 100 pontos pode ser o que agrada seu paladar em termos de estilo.

    Cada crítico, como já citado, tem gostos diferentes, embora use o mesmo sistema de pontuação. "Eu sei que um vinho de 100 pontos do Parker (mais frutado e extraído) será de um estilo diferente de um vinho de 100 pontos de Jane Anson da Decanter Magazine, que favorece mais a elegância e a finesse. A credibilidade do crítico, portanto, também é muito importante", comenta Tudgay.

    Para finalizar, Paul garantiu que todos os vinhos selecionados são de excelente qualidade, porém questiona: será que os vinhos relacionados serão do agrado de cada leitor? Ele mesmo responde: “Só há uma maneira de descobrir, provando!”

    Abaixo listamos os profissionais e as publicações que premiaram os 100 pontos. 

    1-Marqués de Murrieta Castillo Ygay 2010, Rioja, Espanha

    Resultado de muitos anos de experiência, é uma marca histórica e de renome. Um ícone dos Rioja Grandes Reservas de total qualidade e excelência. Produzido exclusivamente com os melhores anos da melhor única vinha. Lenda viva de Rioja que sobreviveu a três séculos, destinada a quebrar recordes. Elaborado com 85% Tempranillo, 15% Mazuelo, passou 24 meses em barricas de Carvalho americano e francês.

    Prêmios:

    100 Pontos Falstaff (Alemanha)

    99 Pontos James Suckling

    97 Pontos Decanter

    97 Pontos Robert Parker

    96 Pontos Tim Atkin 

    2. Solaia 2016, Marchese Antinori, Toscana, Itália

    De cor vermelho-rubi muito intensa, o vinho oferece aromas ricos na sua concentração de frutas vermelhas e pretas (cerejas e cerejas pretas, framboesas, cassis, mirtilos e frutos silvestres) que, juntamente com notas de baunilha, pimenta preta e alcaçuz, compõem um bouquet decididamente amplo e complexo. Na boca é excepcionalmente elegante e equilibrado, fresco nos sabores e com muita personalidade, sólido e sedoso na textura e nos taninos. O final, caracterizado por notas de fruta e especiarias, é de grande finesse e persistência.  Elaborado com as castas: 75% Cabernet Sauvignon, 20% Sangiovese, 5% Cabernet Franc. A primeira parte do envelhecimento ocorreu em barricas novas de carvalho francês, de 60 galões de capacidade, e durou dez meses. Após um período inicial de envelhecimento em lotes separados, os componentes foram misturados e a evolução em carvalho foi totalmente efetuada.

    Premiações:

    James Suckling 100 pontos

    Robert Parker 100 pontos

    3. Tignanello 2018, Marchese Antinori, Toscana, Itália

    Este vinho apresenta uma cor vermelho-rubi intensa e brilhante. No nariz, notas de frutas vermelhas maduras combinam-se com notas agradáveis de amora fresca e frutos silvestres. Ao mesmo tempo, apresenta aromas delicados e perfeitamente integrados de baunilha e chocolate preto com ligeiras sensações de especiarias. Na boca, o vinho é vibrante, com taninos sedosos e refinados. Equilibrado e intenso, apresenta um final longo, complexo e persistente. Composto de 80% Sangiovese, 15% Cabernet Sauvignon, 5% Cabernet Franc. O vinho estagiou cerca de 14 a 16 meses em barricas de carvalho francês e húngaro, numa combinação de barricas novas e de segundo enchimento. Envelheceu por mais 12 meses na garrafa antes de ser lançado.

    Prêmio:

    Luca Gardini 100 pontos.  

    4. Don Melchor 2018, Puente Alto, Chile

    A safra 2018 do Cabernet Sauvignon ícone de Puente Alto obteve a maior pontuação que um vinho pode receber. O crítico norte-americano James Suckling lhe concedeu 100 pontos pela primeira vez em sua história. O Don Melchor 2018 tem a tensão de um ano mais fresco, expressa na acidez, assim como nos taninos firmes que aderem ao paladar. No blend entram as castas: Cabernet Sauvignon 91%, 5% Cabernet Franc, 3% Merlot e o restante de Petit Verdot. Envelhecido 15 meses em barricas de carvalho francês, a safra 2018 é uma das melhores na história do Don Melchor.

    Prêmio:

    James Suckling 100 Points. 

    5. Bibi Graetz Testamatta 2018, Toscana, Itália

    “Testamatta” é a palavra que melhor descreve Bibi Graetz: uma pessoa sorridente, criativa e apaixonada. O vinho conta com a pureza, a mineralidade e a transparência dos Sangiovese das vinhas antigas e carrega a mineralidade de solos pedregosos na região. Além disso, conta com vinhedos em altitude, o que mantém o frescor da fruta e auxilia em seu lento amadurecimento. É encorpado, com taninos maduros e ótima acidez. Seu final é marcado por frutas vermelhas maduras, especiarias e toques defumados. Varietal de Sangiovese, 24 meses de estágio em barricas de carvalho.

    Prêmio:

    100 pontos – Decanter 2018 

    Confira mais detalhes no link abaixo:

    https://rootstockvinhos.com.br/100-pontos-5-vinhos-premiados/

     

    [1] Chamam-se propriedades organolépticas as características dos materiais que podem ser percebidas pelos sentidos humanos. No caso dos vinhos, é o caso da cor, do brilho, da luz, do aroma, da textura e do sabor.

  • Gastronomia

    Santan anuncia revitalização de área nobre do Mercadão de SP

    Projeto do novo espaço
    Projeto do novo espaço (Foto: Divulgação/Assessoria)

    O empresário André Santin, idealizador da Santan, e o presidente do conselho de administração do Mercado Municipal de São Paulo, Aldo Bonametti, firmaram um contrato de parceria que prevê a revitalização de um dos mais belos e nobres espaços do Mercadão para receber pequenos produtores rurais de todo o Brasil.

    O antigo espaço de eventos, com cerca de 800 metros quadrados, será totalmente reformado pela Santan para que os produtores possam vender seus produtos diretamente ao consumidor final. O projeto será assinado pelo escritório de arquitetura Edgar Ribeiro, especializado em projetos gastronômicos, e executado em parceria com um grupo de empresários e investidores.

     

  • Vinhos e gastronomia

    Vinícola curitibana lança edição limitada de garrafa de 6 litros

    Garrafa de seis litros
    Garrafa de seis litros (Foto: Divulgação/Assessoria)

    Um vinho exclusivíssimo apresentado em formato inédito é a grande novidade da curitibana Valdevino Vinhos Finos. A vinícola acaba de lançar uma edição limitada de garrafas Imperial, de 6 litros, com um blend único: o Valdevino Limited Edition. São apenas 100 unidades produzidas e enumeradas – o que as tornam sugestão ideal para presentear colecionadores e apreciadores de um bom vinho. 

    O blend exclusivo, produzido em Mendonza, na Argentina, conta com quatro castas: 85% de uvas Malbec, 6% Cabernet Sauvignon, 6% Cabernet Franc e 3% Petit Verdot. O vinho passa por envelhecimento de 24 meses em barricas de carvalho francês de primeiro uso. Outro diferencial da produção é que o Valdevino Limited Edition não passa por peneiragem em seu embotelhamento. Assim, possui mais resíduos de frutas, dando mais corpo e robustez ao produto. 

    “Os últimos meses foram muito intensos para a Valdevino. Chegamos ao mercado com uma proposta ousada e fomos acolhidos rapidamente pelos amantes de bons vinhos. Agora, resolvemos lançar um produto único, que despertasse a curiosidade do público e, principalmente, surpreendesse pelo seu blend e apresentação. O resultado de todo esse trabalho é o Valdevino Limited Edition, um vinho de excelência nos mais variados aspectos, que demonstra toda a nossa versatilidade”, comenta Francisley Valdevino da Silva, proprietário da Valdevino. 

    Valdevino Vinhos Finos 

    A Valdevino Vinhos Finos já nasceu internacional. A marca, comandada por Francisley Valdevino da Silva, tem produção no Brasil e na Argentina. São onze rótulos da linha tradicional, entre brancos, tintos, espumantes e rosés. A linha de vinhos argentinos vem do terroir de Maipu e Tunuyán, na celebrada província de Mendoza, reconhecida mundialmente pela sua premiada produção. Para atuar no país vizinho, a Valdevino conta com uma estrutura própria e 100% independente. A tradição vinícola da região entrega muita elegância e complexidade aos rótulos que seguem os principais conceitos aplicados há muitas décadas na produção em Mendoza. Já vinhos brasileiros da Valdevino são elaborados com uvas cultivadas na cidade gaúcha de Bento Gonçalves. 

    “Com as nossas primeiras linhas, com vinhos nacionais e argentinos, conseguimos mostrar um pouco da versatilidade que queremos apresentar ao mercado. Vinhos extremamente agráveis ao paladar, para os mais variados momentos do ano e com uma grande possibilidade de harmonizações. Hoje, os nossos rótulos estão disponíveis no Brasil, mas em pouco tempo queremos espalhar nossa produção pelo mundo, consolidando internacionalmente a nossa produção, focada em um público exigente e que valoriza os momentos mais agradáveis da vida”, completa Silva. 

    Para mais informações sobre a vinícola Valdevino Vinhos Finos e toda sua linha de produtos, acesse o site www.valdevinovinhos.com.br.

     

  • Curtir em Curitiba

    Ópera de Arame recebe espetáculo Vale dos Sonhos

    O projeto Vale da Música, apresentado pelo Bradesco e com realização da Futura Fonte em parceria com a DC Set Group, recebe, nos dias 08 e 09/01 e 15 e 16/01 um espetáculo cheio de magia e que reúne artistas circenses das mais variadas modalidades. O Vale dos Sonhos será apresentado em toda a área externa da Ópera de Arame – estruturas metálicas e natureza ao redor -, funcionando como um palco 360 graus. Enquanto um grupo de músicos executa a trilha sonora no Palco Flutuante, o público poderá assistir a performances de acrobatas, trapezistas e outros artistas no Vale dos Sonhos.

    A ideia do projeto é proporcionar ao público uma noite de magia em que todos os sonhos se encontram. “Essa é a primeira vez que teremos espetáculos noturnos e a temática não poderia ser outra, se não os sonhos de todos nós, que vão se misturando à magia do circo, a cada performance apresentada pelos artistas”, destaca Gabriella Leão, gerente de marketing da Ópera de Arame.

    As apresentações acontecerão sempre a partir das 19h, e o público presente poderá aproveitar bem os espaços à margem do lago da Ópera, podendo transitar na medida em que o espetáculo acontece. Entre os destaques, estarão um acrobata dançando sobre as águas do lago em uma bolha gigante, tecidos acrobáticos, malabarismos, e muito mais, tudo isso em um ambiente encantador, ao ar livre e cercado pela natureza.  O roteiro é do artista curitibano Franklin Albuquerque.

    Serviço: 

    Data08, 09, 15 e 16 de janeiro

    Horário: 20 horas

    Classificação: Livre

    Valores: R$ 46,00 inteira e R$ 23,00 meia-entrada. O benefício é válido para pessoas que estejam dentro da lei da meia-entrada, crianças de até 12 anos e para moradores de Curitiba e região metropolitana, que precisam levar um comprovante de residência para obter o desconto.  

    Endereço: Rua João Gava, 970 – Abranches.  

    Ingressos na bilheteria física ou pelo Disk Ingressos. 

     

     

  • Bares em Curitiba

    Tempo de brindar com margaritas

    Margaritas do Taco el Pancho
    Margaritas do Taco el Pancho (Foto: Marcelo Krelling/divulgação)

    Uma bebida que se transformou numa das marcas registradas do México, a tequila está entre os destaques do bar Taco El Pancho. A casa temática traz boas opções com este destilado, que é produzido a partir do algave-azul, planta abundante naquele país da América do Norte. E o verão é uma boa desculpa para mergulhar em drinks criados com a icônica bebida. 

    Um dos mais conhecidos é sem duvida a Margarita. Ela foi criada na década entre as décadas de 1930 e 1940, no México, e tem uma origem incerta. Existem várias versões sobre sua criação, nenhuma confirmada. Uma linha aponta que foi inventada por um bartender mexicano em homenagem a uma amiga do dono da casa, que se chamava Margarita. Há ainda quem diga que tenha nascido como uma homenagem à atriz Rita Hayworth, cujo nome verdadeiro era Margarita Carmen Cansin, nos tempos antes da fama, quando ela se apresentava em Cassinos na vida noturna de Tijuana. 

    Há ainda uma outra versão, segundo a qual teria sido obra de uma socialite americana chamada Margareth Sanders, famosa pelas festas de arromba em Acapulco – vale lembrar que Margareth equivale ao nome Margarita. Incertezas à parte, o que ninguém duvida é que a tequila virou uma febre mundial. No Taco, conta com duas opções. A Cuervo Margarita traz tequila Jose Cuervo Silver com licor Triple sec e suco de limão (R$ 35). Já a Cuervo Margarita Blue te tequila Jose Cuervo Silver com curaçau blue e suco de limão (R$ 35). 

    A mítica tequila também está presente em outros drinks. O Muletta Cuervo, por sua vez, vem com Tequila Jose Cuervo Silver, suco de limão, xarope de açúcar e espuma de gengibre (R$ 29). Outra pedida é o coquetel Paola Bracho, em homenagem a uma personagem de novela mexicana que marcou época, “A Usurpadora”. Na receita, vem com Tequila Jose Cuervo Silver, xarope artesanal de amora, Triple sec, suco de limão, pimenta chilli em pó e espumante brut – R$ 35. 

    Para quem prefere o sabor puro da tequila, o Taco tem uma grande variedade de rótulos em doses, servidas geladas.  Os preços variam de R$ 19,90, caso de uma Jose Cuervo Gold, por exemplo, até rótulos especiais como a Jose Cuervo Platino (a R$ 65) e a 1800 Añejo (R$ 57). 

    Taco El Pancho 

    Funcionamento: Aberto de segunda-feira a sábado.

    Horários: de segunda a quinta, das 17h às 23h. Sextas e sábados, das 17h à meia-noite.

    Endereço: Rua Bispo Dom José, 2293 - Batel, Curitiba - PR

    Informações e reservas: (41) 99759-6000

    Mais em: www.tacoelpancho.com.br

     

  • Litoral do Paraná

    Ragú abre loja de temporada em Caiobá

    Prato da Ragú
    Prato da Ragú (Foto: Dani Bonin/Divulgação)

    A loja pop-up da Ragú Rotisseria & Co. já está funcionando na praia de Caiobá, em Matinhos, no litoral paranaense. A empresa curitibana que combina empório, rotisseria e pastifício destaca opções de alta gastronomia para quem for curtir o verão na região. A empreitada funcionará durante a temporada, oferecendo uma nova opção em comidas e bebidas de qualidade. 

    Instalada na R. Ipiranga (nº 192), a loja funciona diariamente, das 9h às 21h. “Na unidade da Ragú em Caiobá, oferecemos uma seleção de produtos diferenciados para quem busca gastronomia prática e de excelência”, explica a chef Fernanda Zacarias de Alencar, fundadora da Ragú Rotisseria & Co. “Teremos uma extensa variedade de produtos que facilitam o dia a dia, num mesmo lugar, tudo pronto ou semipronto para finalizar da forma mais rápida e prática”, complementa. 

    O menu preparado pela chef tem as mais variadas pedidas, começando por antepastos, entradas e petiscos, que vão dos salgados até finger foods. Espetinhos e hambúrgueres com acompanhamentos são ótimas opções para degustar com praticidade. Massas recheadas, molhos e pratos prontos a base de carnes, aves ou frutos do mar também estrelam o cardápio da pop-up store da Ragú. Para completar, pães de fermentação natural e tortas salgadas prometem agradar os veranistas, além de deliciosas opções de saladas, tortas doces e sobremesas. 

    Marcas Exclusivas 

    Além das criações da chef Fernanda, o espaço Ragú de Caiobá conta com parcerias exclusivas, de diferentes marcas do ramo gastronômico paranaense. Para bebidas, haverá opções da All Wine Vinhos e do Pépe Coquetéis, com drinks engarrafados. Apaixonados por doces podem curtir os chocolates da Luisa Abram. O lanche da tarde é garantido com itens da Padaria Requinte e as geleias da Zappa Geleias. 

    O Ragú Rotisseria & Co. de Caiobá funciona diariamente na R. Ipiranga, 192 – Praia Mansa, das 9h às 21h, durante o verão. Mais informações no site ragurotisseria.com.br e ou no perfil oficial da marca no Instagram (@ragu.rotisseria).

     

     

     

    ...

  • Churrasco

    Espetinhos Curitiba lança modelo de negócio licenciado e chega a 21 lojas

    Área interna da loja
    Área interna da loja (Foto: Divulgação/Assessoria)

    Um negócio que nasceu numa garagem, com um freezer e muita força de vontade é hoje uma rede com 21 lojas espalhadas pelo Paraná e Santa Catarina. A Espetinhos Curitiba, marca de atacado e varejo que comercializa carnes e acompanhamentos de alta qualidade para churrasco cresceu durante a pandemia e hoje é modelo de negócio para quem deseja empreender.

    A marca nasceu em 2014 pelas mãos do empresário Edson Lima, com a primeira unidade no bairro Boqueirão em Curitiba. Ele lembra que tudo começou em uma viagem para Foz do Iguaçu. Lá foi convidado por um amigo para um churrasco, e serviram espetinhos, e que nunca tinha provado algo semelhante, prático, sem desperdícios e com qualidade espetacular, segundo ele. Enxergou uma oportunidade de negócio, guardou as embalagens e após pesquisa entrou em contato com a fábrica e viu que o mesmo não existia em Curitiba e decidiu investir no ramo.

    “Em um primeiro momento eu trouxe os espetinhos de apenas uma fábrica para Curitiba. Posteriormente busquei concorrentes para entender o mercado e cheguei a conclusão de que não eram concorrentes, mas sim parceiros. Vi que a parceria com as marcas é algo construtivo em que todos podem ganhar e foi aí que as coisas começaram a se encaixar”, conta.

    Na pandemia do coronavírus criou um novo modelo de negócio e a marca começou a trilhar novos rumos com o sistema de afiliados. “Eu já tinha trabalhado com franquias e entendia o ramo de atuação. Vi a possibilidade de expandir o negócio pelo modelo de licenciados, que tem inspiração nas cooperativas, e aí começamos a crescer”, destaca Lima.

    CRESCIMENTO NA PANDEMIA

    No Brasil, a pandemia começou em março de 2020 e a Espetinhos Curitiba abriu a primeira loja autorizada no mês seguinte na capital paranaense. Quase dois anos depois, são 21 lojas no Paraná e Santa Catarina que contam com mais de 90 tipos de espetinhos, sete tipos de hambúrgueres artesanais e 27 sabores de cremes e gelatos de açaí. Para 2022, a expectativa é chegar em 30 unidades licenciadas.

    Espetinhos Curitiba tem um centro de distribuição próprio – que está sendo ampliado. Atualmente armazena, por mês, 70 toneladas de produtos e movimenta uma média de um milhão de espetinhos. “Estamos instalados em uma sede própria de aproximadamente 600 m², e contamos com uma frota para entregas e coletas própria, a estrutura apresenta o que há de mais moderno para o recebimento, acondicionamento e venda de produtos perecíveis. Somos uma empresa pioneira e inovadora com produtos diferenciados e de muita qualidade”, destaca.

    Ele explica que para os licenciados, a marca oferece ainda opções para trabalharem de acordo com a praça onde estão inseridos. “Os licenciados podem vender para o público final, assim como atender açougues, restaurantes, pequenos mercados e outros estabelecimentos. Com o retorno dos eventos também é possível atender essa demanda e tem mais o delivery. Além disso, criamos a Espetinhos Curitiba Express, um braço da Espetinhos Curitiba que trabalha com assados e bebidas, que são opcionais para as loja existente ou que vão inaugurar,  os assados incrementam o ticket médio de vendas, resultando no aumento do faturamento e lucro bruto, principalmente aos finais de semana e feriados”.

    A maioria dos fornecedores são exclusivos. “A Espetinhos Curitiba  distribui mais de 27 marcas homologadas e a expectativa de crescimento é real com a chegada de novos produtos ao mix”, explica Lima.


    SABORES DIFERENCIADOS

    Dentre as diversas opções da Espetinhos Curitiba, o cliente encontra desde a tradicional carne bovina até carnes exóticas. Os espetos bovinos tem grande demanda, especialmente o bovino com bacon, costela bovina, misto e kafta. Assim como os espetos de aves, que tem como opção frango, frango com bacon, tulipa (meio da asa), coração e linguiça de frango.

    Nas mais de 21 lojas existentes é possível comprar também carne de rã, hambúrguer de avestruz e espetinhos do porco moura.

    Dentre os espetos premium, há opções como medalhão de provolone, medalhão de mandioca recheado, picanha, filé mignon, cordeiro, medalhão bovino, medalhão suíno, medalhão de frango, salsichão e salsichão com provolone.

    Com muita procura, os espetos suínos podem ser encontrados nas versões costela suína, panceta, copa lombo, linguiça toscana e linguiça apimentada.

    Para quem nunca provou espetos de peixes e frutos do mar, na Espetinhos Curitiba é possível encontrar espetinho de salmão, pintado, tilápia e camarão.

    Sucesso em qualquer churrasco, os espetinhos de queijo coalho e mussarela defumada são bem procurados, e também os pão de alho tradicional, apimentado, pão de alho bolinha mussarela, pão bolinha de chocolate e pão bolinha de banana e canela.

    Os hambúrgueres também fazem sucesso, assim como os acompanhamentos: molhos, batata palha, cebola crispy, farofas, torresmos e queijos.

    Cremes e gelatos de açaí dão o toque final ao vasto cardápio da marca. 

    OPÇÕES VEGANAS E VEGETARIANAS
    Espetinhos Curitiba também desenvolveu um cardápio com opções para o público vegano e vegetariano. Nas lojas é possível encontrar espetinhos de legumes, espetinho de abacaxi, espetinho de carne de soja com legumes, abobrinha com queijo coalho e Romeu e Julieta.

    KIT CHURRASCO 
    Também é possível montar kits de produtos para churrasco de acordo com a necessidade de cada cliente. Há opções com combos de espetinhos, farofas e pães.

    SERVIÇO
    Espetinhos Curitiba
    Loja matriz - Rua Carlos de Laet, 5332 – Boqueirão, Curitiba (PR)

    Aberto de segunda a quinta, das 9h às 18h. Sextas-feiras, das 9h às 19h e Sábados, das 9h às 17h.
    (41) 3086-0117

    www.espetinhoscuritiba.com.br

  • Gastronomia em Curitiba

    Dia da Gratidão: que tal presentear com uma cesta de doces?

    Você já passou por uma situação na qual se sentiu extremamente grato que nem soube como retribuir? Pois nesse dia 6 de janeiro você retribuirá da melhor forma: com uma cesta de doces! 

    As cestas de doces são conhecidas por muitos, e não é atoa que fazem sucesso. De diferentes tamanhos e combinações, elas ganham espaço entre as opções de presentes práticos e deliciosos. A confeiteira especializada na produção de doces gourmets, Janaina Pontes explica que “em razão da enorme relação afetiva que os doces carregam consigo, por meio do enrolar de um brigadeiro, pode surgir um sorriso no rosto do outro, e isso é impagável”, devido á esse amor pela profissão que a confeiteira deposita em seu trabalho, o valor sentimental do alimento também se faz valioso. 

    Além de demonstrar a sua gratidão, presentear com doces irá gerar a gratidão! 

    Serviço: Janaina Pontes

    Doces finos, Bolos Personalizados e Cursos de Confeitaria

    Ateliê Janaina Pontes

    @ateliejanainapontes

    Rua Coronel Hoche Pedra Pires, 81

    (41) 998714771