• 30/06/2018

    WhatsApp começa a liberar função que dá maior controle a moderadores de grupos

    Com informações do IDGNow!

    O WhatsApp ganhou nessa quinta-feira (28) uma importante atualização que deve ajudar a organizar os grupos do mensageiro: um recurso que restringe o envio de mensagens aos moderadores de chat. A atualização está sendo liberada aos poucos para Android, iOS e Windows Phone. 

    A nova função permite que os administradores do grupo definam aqueles que podem mandar mensagem - o recurso já estava disponível em versão beta do WhatsApp. Agora, a habilidade chega a todos os usuários. 

    Na prática, o administrador pode optar pelo modelo padrão, onde todos integrantes escrevem e enviam mensagens ou decidir apenas que moderadores façam o mesmo. 

    A novidade pode ser útil para chats corporativos ou que concentram grande número de usuários e é preciso garantir que o destinatário visualizou mensagens ou anúncios importantes. 

    Como alterar - Uma vez atualizado o aplicativo, entre na página de informações do grupo, busque por "Ajustes" e selecione a opção "Enviar Mensagens". Escolha a configuração desejada. Vale ressaltar, que todos os membros do grupo serão notificados da mudança.

  • 28/06/2018

    Mattel lança Barbie Engenheira Robótica para incentivar meninas a aprenderem programação

    Com informações da IDGNow e Exame.

    Foto: reprodução/Mattel
    Foto: reprodução/Mattel

    A fabricante Mattel lançou nessa terça-feira (26) uma boneca Barbie que visa incentivar meninas a aprender programação.

    A nova boneca, vestida de calça jeans, camiseta, jaqueta jeans e usando óculos de proteção, procura encorajar meninas a partir dos sete anos a aprender habilidades reais de codificação, graças a parceria com a plataforma de computação de jogos infantis Tynker. Com isso, a Barbie acompanha seis lições de programação inspiradas na própria boneca e planejadas para ensinar lógica, resolução de problemas e programação por montagem de blocos. Aqueles que brincarem com a Barbie, aprenderão a construir robôs, fazer com que eles dancem ou ainda façam polichinelos.

    Em comunicado, a cofundadora da Tynker, Krishna Vedati, disse que a missão da empresa de empoderar a juventude pelo mundo tornou a Barbie uma parceira ideal para ajudar a companhia a introduzir a programação para um grande número de crianças de uma maneira divertida e envolvente.

    A Barbie Engenheira Robótica já está a venda no site americano da Mattel por US$ 13,99 (aprox. R$ 54,00)

  • 02/05/2018

    Facebook vai lançar um recurso de namoro para concorrer com o Tinder

    Ontem (1/5) ocorreu a Conferência Anual para Desenvolvedores do Facebook, onde a companhia anunciou um novo recurso para ajudar usuários a encontrarem sua alma gêmea. Segundo Mark Zuckerberg, os usuários terão um perfil separado dentro do Facebook para utilizar com o novo recurso de namoro online.

    Será um recurso opcional da conta e não um aplicativo à parte. Segundo a companhia, o perfil criado para encontrar potenciais parceiros(as) não ficará visível para amigos nem postará atualizações na timeline do usuário. O recurso promete ser discreto, sem dar "match" em sua rede de amigos.

    Com o serviço, os usuários poderão buscar eventos e grupos relacionados aos seus interesses. Se o usuário encontrar um evento que ele gostaria de ir, ele poderá "destravar" o evento para conversar com outros usuários que também estarão lá. A partir daí o seu perfil de namoro será compartilhados com outras pessoas que vão ao mesmo evento e que também estão utilizando o serviço de paquera do Facebook, podendo então iniciar uma conversa privada com quem tiver interesse. E, aparentemente, essa conversa não é conectada ao Messenger ou WhatsApp.

    A previsão é que o recuso comece a ser liberado para os usuários até o final deste ano.

    Ações do grupo que detém o Tinder despencaram após o anúncio da novidade. Seus investidores não devem ter ficado muito contentes com a jogada do poderoso Facebook, agora também novo concorrente. Será o fim do Tinder, Match.com e OkCupid?

    ----------

    Com informações do IDGNow.

  • 10/04/2018

    Como saber se o Facebook compartilhou seus dados com a Cambridge Analytica

    No início do mês, o Facebook anuciara que os dados de até 87 milhões de usuários foram compartilhados de forma imprória com a consultoria política Cambridge Analytica.

    Desde ontem (9), a rede social começou a mostrar quais foram os usuários que tiveram seus dados vazados por meio de um quiz chamado "This is your digital life". O Facebook está notificando gratualmente os usuários afetados e também uma notificação sobre segurança de informações para os demais usuários não afetados.

    Caso você não tenha recebido ou não o aviso do Facebook, é possível verificar se seus dados foram afetados.

    Acesse o Facebook e visite essa página de ajuda. A seção "Minhas informações foram compartilhadas?" explica se você ou seus amigos entraram no aplicativo "This is your digital life" e se suas informações foram ou não compartilhadas com a Cambridge Analytica.

     

  • 27/03/2018

    Rá, rá, rá! Quico vem a Curitiba para o Geek City 2018

    Nada de software, hardware, celulares e internet. A dica de hoje do Personal Nerd é: Quico em Curitiba! Carlos Villagrán é a primeira atração internacional confirmada para o Geek City 2018, que acontece em agosto.

    Mais conhecido pelo personagem Quico, o eterno bochechudo metido a riquinho da vila do Chaves, tesouro de Dona Florinda, Carlos Villagrán é ator e showman mexicano, vem alegrando pessoas de todas as idades há mais de 40 anos por todo o mundo. Sempre com muito sucesso, o ator contagia o público com as trapalhadas do menino “com bochechas de buldogue velho” e que “não se mistura com a gentalha”.

    Recentemente, Villagrán presenteou os fãs brasileiros com a sua participação no filme “Como se tornar o pior aluno da escola”, de Danilo Gentili, onde interpretou o “Diretor Ademar”. O ator encarou o desafio de atuar em português e mostrou toda a sua versatilidade na comédia, arrancando gargalhadas do público que amou o personagem, mesmo sendo uma espécie de vilão no filme. Villagrán contou em entrevistas que ficou impressionado com o filme, principalmente com a edição; e que foi uma emoção fazer um personagem tão diferente do Quico.

    Todo esse carisma e talento desembarcam em Curitiba em agosto para uma participação pra lá de especial na segunda edição do Geek City, maior evento de tecnologia e cultura pop do sul do Brasil, que no ano passado trouxe a querida Millie Bobby Brown, a Eleven do seriado Stranger Things.

    SERVIÇO:

    GEEK CITY 2018
    Data: De 31 de agosto a 2 de setembro de 2018
    Local: Expo Renault Barigui
    Cidade: Curitiba / PR
    Ingressos a venda pelo Disk Ingressos. https://www.diskingressos.com.br/group/geek_city__2018_3
    Lote Promocional a partir de R$ 45,00 até o dia 08/04.
    Site Oficial: geekcity.com.br
    Redes social: Facebook @geekcityoficial | Instagram @geekcityoficial | Twitter @geekcityoficial
    Realização: Seven Entretenimento

  • 10/12/2017

    Site revela se suas senhas foram vazadas na web

    Vez ou outra aparece uma notícia de que um grande site foi hackeado e que as senhas dos usuários foram vazadas. Se você é do tipo paranoico está sempre de olho nessas notícias e, se tem conta nesses sites, corre pra trocar a senha. Mas nem sempre estamos acompanhando tudo ou temos tempo para tal. Existem sites que ajudam nessa tarefa. O mais recente é o brasileiro Minha Senha (www.minhasenha.com), criado pela empresa Axur, especializada em monitoramento digital. No site, você digita o seu e-mail e clica em 'Verificar'. Se esse e-mail e senha tiverem sido vazados em algum momento, o site avisa e te manda um e-mail com a lista de vazamentos e as senhas vazadas. Se o seu e-mail não estiver em nenhuma lista vazada, o site avisa também. É seguro? Não precisa se preocupar, você só vai digitar o seu e-mail no site, não vai digitar nenhuma senha, então é seguro. E se a minha senha tiver sido vazada? Se o seu e-mail estiver em alguma lista vazada, o site vai encaminhar um e-mail para você com as senhas vazadas e dicas de como se proteger. Se a senha vazada for a mesma que você ainda usa, troque imediatamente. Se for uma senha antiga, ok, menos mal. E se eu usei a mesma senha em outros sites? Sabemos que é uma prática comum (e errada) usar a mesma senha para diversos serviços. Então se você pesquisou o seu e-mail no site e ele achou a sua senha vazada, mesmo que seja uma senha antiga, se você usou a mesma senha em outros serviços, troque em todos eles. Digamos que foi vazada a senha do seu e-mail. Por mais que você troque a senha do seu e-mail, uma pessoa mal intencionada vai tentar acessar todos os serviços possíveis com a mesma senha e o mesmo e-mail. Digamos que você use a mesma senha para o Gmail, para o Facebook, para o cadastro no Mercado Livre, para o seu blog etc. De posse da senha do seu e-mail, essa pessoa poderá tentar logar em vários serviços com o mesmo e-mail e a mesma senha e acabar tendo acesso a outra conta sua, não só o e-mail. Por isso repetimos sempre: Não utilize  a mesma senha em aplicativos e sites diferentes.
  • 07/07/2017

    Novo golpe do WhatsApp promete máquina Nespresso

    Novo golpe na praça! Digo... no WhatsApp! Um link chega pra você, geralmente de um conhecido, dizendo que a Nespresso está oferecendo uma máquina Nespresso gratuitamente. Não caia nessa! É mais um golpe de WhatsApp. A campanha maliciosa afeta usuários do aplicativo em sistemas iOS e Android. Quando o usuário clica no link malicioso, é solicitado que compartilhe a mensagem para 10 contatos ou 3 grupos no WhatsApp. Feito isso o usuário é levado a uma página que exige a instalação de softwares duvidosos ou o cadastro em supostos serviços de desconto. A Nespresso já publicou um comunicado hoje informando que a promoção é falsa: "A Nespresso Brasil informa que a suposta promoção "Teste e ganhe uma máquina Nespresso" é falsa. ANespresso Brasil esclarece que não está realizando nenhuma ação promocional via WhatsApp® e está adotando as providências necessárias para evitar que o seu nome seja utilizado de forma indevida por terceiros." O golpe tem todo aquele jeitinho de golpe mesmo: erros gramaticais, grande chamariz (ganhar um produto grátis!) e links para endereços estranhos. Ao clicar no link você pode baixar vírus para o seu computador ou celular ou acabar clicando em links de propaganda oferecendo vantagens ou instalação de aplicativos com programas de afiliados que acabam dando lucro aos criminosos virtuais. A melhor forma de se proteger continua sendo a mesma de sempre: busque canais oficiais da empresa (site oficial, Facebook, Twitter etc.) para checar a veracidade de promoções e notícias. Proteja-se: - Aprenda a identificar sites falsos - Aprenda a identificar um boato ou notícia falsa na internet
  • 26/05/2017

    Bug pode travar o Windows 7 e 8.1 com apenas um clique

    Revelado ontem pelo site Ars Technica um bug onde certos nomes de arquivos fazem o sistema travar. Páginas mal intencionadas podem incorporar esses nomes de arquivos como fontes de imagens, quando você visitar a página (de qualquer navegador) seu PC irá travar, sendo preciso reiniciar o computador para voltar ao normal (alterações não salvas em arquivos e documentos abertos podem ser perdidas). Tecnicamente falando... O Windows tem alguns nomes de arquivos "especiais" que não correspondem a arquivos reais, mas a dispositivos de hardware, que podem ser acessados de qualquer local no sistema de arquivos. Dependendo de como eram utilizados, alguns desses nomes especiais acabavam travando o Windows 95 e 98. O novo bug atinge apenas Windows 7 e 8.1 (e Windows Vista, mas esse já não é mais suportado pela Microsoft mesmo). O Windows 10 não é afetado. O nome de arquivo "especial " da vez é $MFT, que é um nome dado a um dos arquivos de metadados especiais utilizados pelo sistema de arquivos NTFS do Windows. O arquivo existe no diretório raiz de cada volume NTFS, mas pode ser manipulado de maneiras especiais pelo sistema e está oculto e inacessível para a maioria dos softwares. As tentativas de abrir o arquivo normalmente são bloqueadas, mas se o nome do arquivo for usado como se fosse um nome de diretório – por exemplo, tentando abrir o arquivo C:\$MFT\123 – o driver NTFS remove um bloqueio no arquivo e não o libera mais. Cada operação subsequente aguarda o bloqueio para ser executada. E fica travada aguardando. Atenção: não digite o endereço acima na barra do navegador nem no Windows Explorer se estiver usando o Windows 7 ou 8.1, a não ser que tenha salvo todos os arquivos abertos, saiba o que está fazendo e queira "testar" o bug. Como eu posso ser afetado? Páginas mal intencionadas que utilizarem esse nome especial de arquivo como se fosse a fonte de uma imagem provocará esse bug e fará com que a máquina pare de responder. Dependendo do que está sendo feito simultaneamente, como o bug fará com que todos os processos travem, pode aparecer a famosa tela azul do Windows. Basta um clique num link malicioso. Segundo o site, alguns navegadores bloquearão as tentativas de acessar esses recursos locais, mas o Internet Explorer tentará acessar o arquivo incorretamente. A Microsoft já está sabendo do bug, mas até o momento ainda não lançou nenhuma correção.
  • 28/04/2017

    Você sabe descobrir de onde é uma imagem?

    Sabe quando você encontra uma imagem linda na internet? Ou usa uma paisagem exuberante como papel de parede, ou, quem sabe, você baixou uma foto um tempo atrás e agora nem lembra mais de onde baixou? Como saber de onde veio essa foto? Ou melhor ainda: que lugar é esse?   img1   Eu tenho uma coleção de wallpapers como a imagem acima que fui coletando da tela de bloqueio do Windows 10, só que eu não tenho referências dos lugares, apenas a imagem. Fiquei curioso pra saber de onde é essa foto. Google Imagens Nosso amigo Google tem uma busca específica por imagens, que permite localizar imagens com as mesmas características da foto que você mandar buscar. Para acessar, vá ao Google e clique no link Imagens no canto superior direito.   google imagens   Ou vai direto no endereço www.google.com.br/imghp Na busca de imagens, clique no ícone da câmera na barra de busca e você terá duas opções: Digitar diretamente a URL da imagem (quando a imagem já está na internet, basta digitar o endereço da imagem, por exemplo, a imagem lá de cima, a URL dela é /uploads/personalnerd/2017/04/img1.jpg); ou enviar uma imagem gravada no seu computador.   buscar imagens   O Google buscará a imagem na internet e todos os sites e referências relacionadas a ela, ou tentará buscar imagens semelhantes.   resultado busca imagem   E assim eu descobri que a linda foto é da ilha Khao Phing Kan, que fica na Tailândia. A busca acima foi bem fácil e achei rapidamente o lugar, mas às vezes o Google acha a mesma imagem em vários sites diferentes ainda sem referência, é preciso então afinar a busca e analisar os resultados até achar o lugar corretamente. Quem usa o Chrome, o navegador do Google, também tem um atalho para facilitar a busca por imagens que já estão na internet. Basta clicar com o botão direito na imagem e escolher a opção "Procurar imagem no Google".   botao direito no chrome   Aprendeu? Agora é sua vez, responda nos comentários: de onde é essa foto?   img2
  • 25/04/2017

    Siri, da Apple, agora lê suas mensagens do WhatsApp

    "E aí, Siri, leia minha última mensagem do WhatsApp." A Siri, assistente virtual da Apple, além de enviar mensagens pelo WhatsApp, agora também pode ler as mensagens recebidas pelo WhatsApp em voz alta. A Siri ainda não tem muita interação com aplicativos de terceiros, mas desde que a Apple abriu a plataforma para os desenvolvedores, aos poucos os aplicativos vão incorporando novos recursos. No ano passado o WhatsApp se integrou com a Siri para enviar mensagens. Agora a assistente virtual também lê as mensagens em voz alta. Com o comando "e aí, Siri, leia minha última mensagem do WhatsApp" a assistente abre o aplicativo e lê o texto mais recente. Uma ótima opção para quem está no trânsito e precisa manter os olhos na rua e as mãos no volante. Para funcionar, você precisa ter a última versão do WhatsApp (2.17.2) e habilitar a integração com a Siri no iOS em Ajustes > Siri > Suporte do Aplicativo e marcar o WhatsApp. O recurso só funciona com aparelhos iOS a partir da versão 10.3.  

    como integrar siri e whatsapp

      Via Engadget e Macrumors.

Quem faz o blog

DESTAQUES DOS EDITORES