• Balsa Nova

    Carro bate em barranco, capota na BR-277 e deixa um morto e dois feridos; veja vídeo

    Carro bate em barranco, capota na BR-277 e deixa um morto e dois feridos; veja vídeo
    (Foto: Divulgação/PRF)

    Um capotamento deixou um morto e dois feridos nesta tarde de segunda-feira (26) na RMC. Foi em Balsa Nova, no Km 137 da BR-277. Por volta das 15h30 um veículo capotou e resultou em um óbito e duas vitimas com lesões moderadas encaminhadas ao Hospital do Rocio.

    O acidente envolveu um VW/Gol com 5 ocupantes. Segundo relato do condutor o mesmo seguia sentido Curitiba quando teria  perdido o controle da direção, vindo a atingir o barranco. Um homem de 52 anos morreu no local. As vitimas moderadas foram uma criança de 5 anos e um adulto de 26 anos.

    O condutor do veiculo foi submetido ao teste de etilometro que resultou zero. 

  • Contrabando

    PRF apreende um bitrem carregado com mais de 400 mil maços de cigarros na RMC

    PRF apreende um bitrem carregado com mais de 400 mil maços de cigarros na RMC
    (Foto: Divulgação/PRF)

    A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu nesta tarde, em Balsa Nova (PR), na região metropolitana de Curitiba (PR), um bitrem carregado com mais de 400 mil maços de cigarros contrabandeados do Paraguai.

    A carga contrabandeada do Paraguai está avaliada em mais de R$ 2 milhões de reais.

    Por volta das 13h, uma equipe da PRF deu ordem de parada ao motorista de um bitrem, que transitava na BR-277. O homem abandonou o veículo e tentou fugir, mas foi capturado pelos policiais.

    Ao vistoriarem a carga, do veículo que tinha as placas trocadas, os agentes verificaram se tratar de mais de 40 mil pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai.

    O preso foi encaminhado para a Policia Federal e o veículo juntamente com a carga para a Receita Federal, ambas em Curitiba (PR).

  • Suspeito

    Agentes brigadistas apagam incêndio em carro que estava próximo da penitenciária de Foz

    Agentes brigadistas apagam incêndio em carro que estava próximo da penitenciária de Foz

    Agentes penitenciários brigadistas lotados na Penitenciária Estadual de Foz do Iguaçu I (PEF I) apagaram um incêndio de um carro que transitava próximo à unidade penal. Os servidores foram acionados na tarde deste domingo (27/10), pelo dono do veículo, que teria pedido socorro na portaria da PEF I.

    “Por volta das 13 horas, o homem chegou à portaria alegando que seu carro estava em curto circuito e pegando fogo. Os agentes brigadistas foram imediatamente acionados e deram auxílio. Este atendimento rápido foi importante para evitar que incendiasse a mata ao lado, por exemplo”, contou o coordenador do Depen em Foz do Iguaçu, Marcos Marques.

    Para apagar o incêndio, foram utilizados dois meios. “De pronto, os agentes usaram extintores, mas logo perceberam que não daria conta. Em seguida, foi montada a linha e usamos a mangueira. O fogo foi apagado em menos de cinco minutos”, explicou o chefe do Setor de Combate a Incêndio (SCI), Alessandro Cidade.

    Nesta mesma semana, em uma reunião, foi destacada a importância de manter os sistemas de combate a incêndio funcionando e os agentes treinados. “Temos o envolvimento da gestão regional e de todos os setores do Depen sincronizados e trabalhando de maneira competente”, destacou Cidade.

  • Acidente

    Quatro pessoas ficam feridas em capotamento na BR-277, em Campo Largo

    Quatro pessoas ficam feridas em capotamento na BR-277, em Campo Largo

    Quatro pessoas ficaram feridas em um acidente ocorrido nesta manhã de segunda-feira, 26 de outubro, na BR-277, em Campo Largo, município da Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

    Segundo as informações da Policia Rodoviária Federal (PRF-PR), na altura do km 107, quase em frente à fábrica de pães Charlote, um carro capotou na pista sentido Curitiba. 

    As quatro vitimas foram encaminhadas ao Hospital do Rocio, em Campo Largo, com lesões leves. 

  • Estradas

    Acidente entre caminhão e carro de passeio interdita a BR-277, em Paranaguá

    Acidente entre caminhão e carro de passeio interdita a BR-277, em Paranaguá

    Um acidente ocorrido neste começo da noite de domingo, 25 de outubro, deixou o trânsito parcialmente interditado na BR-277, sentido Curitiba. Segundo as informações da  Polícia Rodoviária Federal (PRF-PR), na altura do km 60, houve uma colisão transversal entre VW Tiguan e caminhão, de 5 eixos, que estava transportando um container.

    O Tinguan foi atravesar a via e colidiu contra a lateral do caminhão.  Sem vítimas.  Veículos parcialmente sobre a via. Trânsito em uma faixa no local.

  • Sem feridos

    Colisão entre carro e caminhão interdita parcialmente BR-277 sentido Paranaguá

    Colisão entre carro e caminhão interdita parcialmente BR-277 sentido Paranaguá
    (Foto: PRF)

    Uma colisão transversal entre VW Tiguan e caminhão transportando um contânier na noite deste domingo (25) interdita uma das pistas da BR-277 sentido Paranaguá. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro  foi atravesar a via e colidiu contra a lateral do caminhão. Ninguém ficou ferido.

    Por causa do acidente, há mais de cinco quilômetros de fila no sentido das praias.

  • Acidente

    Capotamento deixa três pessoas feridas e interdita parcialmente a BR-116 em Curitiba

    Capotamento deixa três pessoas feridas e interdita parcialmente a BR-116 em Curitiba
    (Foto: AutoPista Planalto Sul)

    Um carro capotou no final da tarde de domingo (25) e deixou três pessoas feridas na altura do quilômetro 118  na BR-116, em Curitiba. De acordo com informações repassadas pela concessionária que administra o trecho, a AutoPista Planalto Sul, o motorista perdeu o controle e a pista no sentido Rio Grande do Sul está parcialmente interditada.

    Os feridos foram encaminhados para hospitais da capital paranaense sem risco de morte. 

  • PM é atacada com ‘bomba’ ao atender caso de perturbação de sossego no Paraná

    PM é atacada com ‘bomba’ ao atender caso de perturbação de sossego no Paraná
    (Foto: Divulgação / PM)

    Uma ocorrência de perturbação de sossego na cidade de Ipiranga (região dos Campos Gerais do Paraná) quase resultou em tragédia. Uma viatura da Polícia Militar foi atender e sofreu um atentado com um artefato explosivo. Dois policiais ficaram gravemente feridos.

    A ocorrência foi na noite de sábado (24). Segundo informações repassadas ao Plantão 190, dois policiais teriam ido atender a uma ocorrência de perturbação do sossego, onde acontecia uma festa. Quando chegaram ao local, um artefato explosivo foi atirado na viatura.

    O artefato explodiu e os policiais sofreram ferimentos graves. Um deles teve lesão na cabeça e o outro sofreu uma fratura no braço, além de queimaduras. Eles foram encaminhados a um hospital. A viatura ficou destruída.

    A polícia militar tentou achar o autor do atentado, mas ainda não conseguiu. Não foi relevado qual o tipo do artefato explosivo, mas, segundo uma testemunha, seria uma granada.

  • Carro capota na BR-277 e motorista fica gravemente ferido

    Carro capota na BR-277 e motorista fica gravemente ferido
    (Foto: Divulgação / PRF)

    Um homem de 23 anos ficou gravemente ferido ao sofrer um acidente na BR-277 em Palmeira (região dos Campos Gerais do Paraná). O acidente aconteceu na noite de sábado (24), na altura do km 181 da estrada.

    Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista perdeu o controle do carro, que saiu da pista e capotou. Ele foi socorrido e levado a um hospital em Ponta Grossa.

  • Homem é morto a tiros dentro de casa em Campo Largo

    Homem é morto a tiros dentro de casa em Campo Largo
    (Foto: Divulgação / PM)

    Um homem de 38 anos foi morto a tiros dentro de casa na madrugada deste domingo (25), em Campo Largo (Região Metropolitana de Curitiba). Segundo informações preliminares, ele já teria sido vítima de outra tentativa de homicídio.

    A ocorrência foi na Travessa Curva, perto da Avenida dos Expedicionários, no bairro Bom Jesus, por volta da 1h30. Testemunhas relataram ter ouvido disparos de arma de fogo.

    A vítima foi identificada como Rafael da Graça, 38 anos, conhecido com Urso. Ele teria passagem pela polícia por tráfico de drogas. Quando os socorristas chegaram ao local, ele já estava morto. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.

  • Motociclista bate em carro, é atropelado por moto e morre na BR-277, em Curitiba

    Motociclista bate em carro, é atropelado por moto e morre na BR-277, em Curitiba
    (Foto: Reprodução)

    Um motociclista morreu na noite deste sábado (24) em um acidente na BR-277, em Curitiba. Ele bateu em um carro que estava à sua frente, caiu da moto na estrada e ainda foi atingido por um outro motociclista que vinha atrás.

    A ocorrência foi no km 77 da BR-277, na altura do Parque Peladeiro. Segundo informações, o motociclista trafegava pela via no sentido Curitiba quando bateu na traseira de um VW Gol. Com isso, ele caiu na pista e foi atingido por outra moto, que vinha logo atrás.

    Socorristas e agentes da Polícia Rodoviária Federal atenderam a ocorrência. Mas o motociclista morreu ainda no local.

    O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.

     

     

     

  • Flagra

    PRF apreende seis quilos de ouro avaliados em R$ 2 milhões no Paraná

    PRF apreende seis quilos de ouro avaliados em R$ 2 milhões no Paraná
    (Foto: Divulgação)

    A PRF, em uma ação de repressão qualificada ao crime organizado, orientada pela inteligência, realizou uma significativa apreensão de barras de ouro, hoje (24), no município de Medianeira (PR), km 675, da BR-277, por volta das 14h20.

    Os policiais abordaram um automóvel, conduzido por um homem, e com três passageiras, sendo que após a ordem para que o deixassem, uma das mulheres lançou um pacote para debaixo do veículo.

    Ao localizar o objeto, foram flagradas 6 barras de ouro, totalizando 6,025 kg, envoltas em plástico bolha. Valor que chega a R$ 2.050.000,00, na cotação atual de mercado regular.

    Clique aqui para ler esse post completo.

  • Em Maringá

    Polícia prende no Paraná suspeito de enviar molho de tomate no lugar de produtos vendidos pela internet

    Polícia prende no Paraná suspeito de enviar molho de tomate no lugar de produtos vendidos pela internet
    (Foto: Divulgação/ PF)

    A Polícia Federal prendeu em flagrante na manhã desta sexta-feira (23/10), um homem (27) que aplicava fraudes enviando molho de tomate no lugar das mercadorias vendidas em sua loja virtual, hospedada em plataforma de compras online. As fraudes podem ter chegado a cerca de R$5,5 milhões.

    O suspeito foi preso no momento em que despachava encomendas em uma Agência dos Correios. Nos objetos postais foram encontrados celulares sem nota fiscal.

    A investigação sobre essas fraudes começou em agosto de 2020 e, com o apoio da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, foram identificados 1328 objetos postais despachados, que estavam sem Nota Fiscal ou com Declaração de conteúdo em branco, relativos a compras por meio de uma plataforma digital.

    Parte dessas encomendas foram inspecionadas pela Receita Federal do Brasil, que encontrou molho de tomate como conteúdo.

    A Polícia Federal realizou buscas na residência do suspeito e arrecadou mais de 200 aparelhos celulares, eletrônicos e anabolizantes.

    O preso que já foi indiciado pela Polícia Federal responderá pelos crimes de estelionato, falsidade ideológica, descaminho de eletrônicos e importação de produtos destinados a fins medicinais de origem ignorada, além de sonegação fiscal e adulteração de vale-postal (art. 36 da Lei 6.538/78).

  • Em Maringá

    Polícia prende no Paraná suspeito de enviar molho de tomate no lugar de produtos vendidos pela internet

    Polícia prende no Paraná suspeito de enviar molho de tomate no lugar de produtos vendidos pela internet
    (Foto: Divulgação/ PF)

    A Polícia Federal prendeu em flagrante na manhã desta sexta-feira (23/10), um homem (27) que aplicava fraudes enviando molho de tomate no lugar das mercadorias vendidas em sua loja virtual, hospedada em plataforma de compras online. As fraudes podem ter chegado a cerca de R$5,5 milhões.

    O suspeito foi preso no momento em que despachava encomendas em uma Agência dos Correios. Nos objetos postais foram encontrados celulares sem nota fiscal.

    A investigação sobre essas fraudes começou em agosto de 2020 e, com o apoio da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, foram identificados 1328 objetos postais despachados, que estavam sem Nota Fiscal ou com Declaração de conteúdo em branco, relativos a compras por meio de uma plataforma digital.

    Parte dessas encomendas foram inspecionadas pela Receita Federal do Brasil, que encontrou molho de tomate como conteúdo.

    A Polícia Federal realizou buscas na residência do suspeito e arrecadou mais de 200 aparelhos celulares, eletrônicos e anabolizantes.

    O preso que já foi indiciado pela Polícia Federal responderá pelos crimes de estelionato, falsidade ideológica, descaminho de eletrônicos e importação de produtos destinados a fins medicinais de origem ignorada, além de sonegação fiscal e adulteração de vale-postal (art. 36 da Lei 6.538/78).

  • Crime ambiental

    Polícia prende suspeitos de desmatamento ilegal no sudoeste do Paraná

    Polícia prende suspeitos de desmatamento ilegal no sudoeste do Paraná
    (Foto: 3º BPM)

    Em situações distintas, policiais militares do 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM), pertencente ao 2º Comando Regional da PM (2º CRPM), prenderam três pessoas, uma por receptação e outras duas por crime ambiental. As ações policiais aconteceram na manhã de quinta-feira (22/10) nos municípios de Tapejara D’Oeste e São João, no Sudoeste do estado.

    Na primeira ocorrência, os policiais recuperaram um celular que tinha sido roubado no dia 04 de outubro após denúncia. No local, os policiais encontraram o aparelho e abordaram uma mulher, de 23 anos, que relatou que tinha comprado o celular por R$ 150,00. Sendo assim, ela foi presa e encaminhada por receptação à Delegacia de Polícia Civil para as medidas cabíveis.

    Por fim, após uma denúncia de desmatamento ilegal, os policiais militares encontraram um local que tinha uma vala com 20 árvores de diversas espécies arrancadas por uma escavadeira. O operador da máquina e o responsável pelo local foram encaminhados para as medidas necessárias.

  • Engenheiro Beltrão

    Caminhão com 800 caixas de cigarros é apreendido pela Polícia no Paraná

    Caminhão com 800 caixas de cigarros é apreendido pela Polícia no Paraná
    (Foto: BPRv)

    Escondidos entre uma carga de soja, 800 caixas de cigarros contrabandeados do Paraguai foram apreendidos pelos policiais militares do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) nesta sexta-feira (23/10). A abordagem foi na cidade de Engenheiro Beltrão (PR), no Noroeste do estado. A ação dos policiais militares culminou ainda na prisão do motorista do caminhão, de 50 anos.

    De acordo com as informações do BPRv, os policiais militares receberam uma denúncia de que um caminhão passaria em frente ao Posto Rodoviário de Peabiru com uma carga de produtos ilícitos. Com as características do veículo, os policiais militares fizeram a abordagem, com apoio de equipes da cidade de Terra Boa.

    Durante a verificação foram encontradas as caixas, e o material acabou apreendido e levado à Delegacia da Polícia Federal de Maringá.

  • Operação Escudo

    Receita Federal apreende US$ 1,3 milhão em cocaína e armas no Oeste do Paraná

    Receita Federal apreende US$ 1,3 milhão em cocaína e armas no Oeste do Paraná
    (Foto: Divulgação/Assessoria de imprensa/RF)

    Na manhã desta sexta-feira, 23 de outubro, em ação realizada no âmbito da Operação Escudo, a Receita Federal apreendeu, no município de Céu Azul/PR, uma carreta que transportava 479,25 kg de substância análoga à cocaína, além de 15 armas e 19 carregadores.

    A cocaína está avaliada em U$ 1,3 milhão (a preço de Paraguai), ou cerca de R$ 7 milhões. Dentre as armas, foram apreendidas oito pistolas, sendo uma Glock .45, três pistolas 9mm, marca Asteca, de fabricação mexicana, e quatro pistolas 9mm, marca Bersa, de fabricação argentina. Dos 19 carregadores, três são carregadores alongados para 30 disparos.

    As equipes abordaram a carreta na rodovia BR-277. Durante a vistoria, os servidores perceberam que todas as sacas da carga de farinha trigo estavam bem embaladas e sem sinais de adulteração. Foram selecionadas amostras dos produtos para análise. Ao verificarem as sacas no fundo da carga constataram a presença de substância análoga à cocaína distribuídas em 449 tabletes, o que facilita o transporte.

    Após o flagrante, o motorista confessou que em meio à carga também havia armas. Quando questionado sobre a logística do transporte, o mesmo declarou que deixou o caminhão com a chave num posto de combustível para que criminosos carregassem o veículo com a droga. Posteriormente, ele levaria a carga para o interior de São Paulo.

    O motorista foi preso em flagrante e conduzido à Polícia Federal para as providências cabíveis.

  • Roubo de carga

    Polícia recupera em Curitiba carga de combustível em menos de seis horas após o roubo

    Polícia recupera em Curitiba carga de combustível em menos de seis horas após o roubo
    (Foto: Polícia Civil-PR)

    A Polícia Civil do Paraná (PCPR) recuperou uma carga roubada de 46 mil litros de combustível, avaliada em R$ 135 mil, em um posto do bairro Pilarzinho, na capital. O gerente do posto foi preso em flagrante.

    A empresa responsável pela carga comunicou o roubo à PCPR, que iniciou as investigações. Segundo o motorista, o caminhão foi carregado em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, com destino à Arapongas, no Norte do Paraná.

    Ele foi feito refém por aproximadamente três horas. Após os suspeitos despejarem o combustível no tanque do posto, o caminhão foi abandonado, juntamente com o motorista, na Rodovia do Café.

    No posto, os policiais civis também encontraram lacres numerados, que constavam na nota fiscal.

    A PCPR trabalha para localizar o dono do estabelecimento, que não estava no local. O gerente irá responder por roubo e receptação qualificada.

    Nesta sexta-feira (23), o Sindicato dos Revendedores de Combustíveis e Lojas de Conveniências do Estado do Paraná (Paranapetro) emitiu nota parabenizando a ação policial que localizou rapidamente uma carga roubada de combustível e prendeu os suspeitos em Curitiba. Na nota, a entidade também solicita às autoridades a intensificação de ações preventivas. "Com a proximidade da refinaria Getúlio Vargas, em Araucária, o mercado de combustíveis sofre com frequência o ataque de quadrilhas especializadas", diz a nota.

    "O furto de cargas é uma ocorrência grave, que também gera outros desdobramentos como evasão fiscal, adulterações e fraudes. Prejudica, assim, não só o proprietário da carga, mas o consumidor, a arrecadação estadual e todo o segmento empresarial dos combustíveis", conclui a nota da Paranapetro.

     

  • Sintéticas

    Polícia Científica e PM do PR treinam cães de faro para encontrar novas drogas

    Polícia Científica e PM do PR treinam cães de faro para encontrar novas drogas
    (Foto: Divulgação/Sesp-PR)

    Para intensificar o combate ao tráfico de drogas em Curitiba e região, as polícias Científica e Militar do Paraná uniram forças e conhecimento para aprimorar a habilidade dos cães de faro do Batalhão de Operações Especiais (Bope). O novo treinamento tem como objetivo principal preparar mais de 30 cães policiais para encontrar, com precisão, novas drogas sintéticas que estão em circulação.

    Rayka, Pancho, Dekker, Jason e Drako são os cinco primeiros cães de faro da Companhia de Operações com Cães (COC) que começaram a ser estimulados a encontrarem drogas e entorpecentes em diversos tipos de locais e situações. Já no primeiro treinamento dos cães policiais com as novas substâncias, a aprovação deles foi de 100%: aos comandos de seus condutores - que são policias militares -, eles indicaram, de primeira, onde as drogas estavam escondidas.

    Além do contato com novas substâncias que recentemente entraram em circulação, os cães farejadores também são treinados para encontrar as principais drogas (cocaína, maconha e crack) de um jeito diferente do que já estão acostumados: os materiais da nova aptidão já foram periciados e identificados pela Polícia Científica, o que aumentará o grau de precisão do faro dos animais. Isso porque as drogas diretamente de apreensões, como as que os cães treinavam antes, podem estar contaminadas com outros cheiros, o que os confunde.

    “Os cães do Bope já trabalham com drogas ilícitas como a cocaína, crack e maconha. Mas sabemos que há muitas novas drogas ilícitas em circulação, as sintéticas. É exatamente esse tipo que é o objetivo desse treinamento”, explica a perita criminal e gerente de laboratórios forenses da Polícia Científica do Paraná, Mariana Ulysséa de Quadros. “São drogas já periciadas, ou seja, que sabemos a sua composição química e já foram emitidos os laudos, inclusive. Então, os cachorros estão sendo treinados, exatamente, com substâncias que precisam encontrar quando estiverem em operação”, diz Mariana.

    A importância da parceria entre as polícias é destacada pelo capitão Gustavo Dalledone Zancan, que comandou a Companhia de Operações com Cães. “O Bope estar em parceria com a Polícia Científica é muito bom porque assim temos a garantia, a certificação dos técnicos e químicos do laboratório de que aquela substancia é efetivamente uma droga e de que ela possui os insumos, as características e a matéria prima pela qual ela foi produzida. Temos a certeza de que estamos trabalhando com um material testado laboratorialmente”, diz ele.

    “Para questões de detecção de cães isso é muito importante porque não estamos baseados em uma droga que pode estar contaminada. Isso traz tranquilidade de que oferecemos um treinamento adequado, que vai refletir efetivamente na eficiência maior dos animais na aplicação operacional”, afirma.

DESTAQUES DOS EDITORES