Publicidade
Festival

A celebração do charuto

Festival Habano em Cuba completa 20 anos em grande estilo e com muitas atividades
A celebração do charuto

A vigésima edição do Festival Habano, que aconteceu em Havana (Cuba) entre 26 de fevereiro e 02 de março, foi um sucesso absoluto. Dois mil aficionados de 70 países participaram desta grande celebração em homenagem ao melhor charuto do mundo: os puros de Cuba! Ao todo, do início ao fim, o festival movimenta milhares de Euros na economia cubana e ainda envolve mais de cinco mil pessoas trabalhando para o evento. Ao longo de uma semana várias atividades foram programadas. Confira agora como foi cada uma delas:

Na segunda-feira (26/02) houve a abertura oficial com uma grande feira comercial com tudo relacionado ao mundo dos charutos. Desde os principais lançamentos do ano – como os charutos Cohiba Cosecha 2014 e a linha Maduro da Partagas -, até bebidas, cinzeiros, cortadores, isqueiros, humidores (caixas para conservar o charuto), roupas, joias e outros acessórios. Tudo comercializado em vários stands no Palácio das Convenções.

Ainda na segunda, pela manhã e a tarde, teve início a 17ª edição do Concurso Internacional Habanosommelier e a primeira edição do concurso Habanos World Challenge. Em resumo são dois desafios de conhecimento sobre o universo do tabaco – de forma individual (no Habano Sommelier) ou em duplas (na primeira edição do Habanos World Challenge). Numa das provas, os participantes têm que se desdobrar para identificar – em degustação às cegas - qual a marca do charuto cubano que está fumando (entre 27 possíveis) e o tamanho dele (entre mais de 250 de bitolas diferentes). Além disso, em prova de conhecimentos gerais, é preciso saber tudo sobre o tabaco desde a plantação até os lançamentos que cada marca faz por ano durante o Festival, incluindo ainda temas como elaboração e degustação e, numa prova prática, como é a preparação e o ritual para acender cada charuto.

Após a fase eliminatória, na sexta-feira (dia 02/03), os cubanos participaram das duas finais, mas terminaram em segundo lugar. Sendo o inglês Darius Namdar o grande campeão do Habano Sommelier e a dupla do Chipre, Raffi Der Garapetian e Alexis Tselepis, os primeiros vencedores do Habanos World Challenge.

Para fechar o primeiro dia de festival foi realizada uma deslumbrante Noite de Boas Vindas no Salão de Protocolos del Laguito – um dos endereços mais nobres de Havana. A noite foi dedicada a marca Cohiba que fez o lançamento de sua exclusiva linha Cosecha 2014 – com apenas 5 mil caixas numeradas, contendo de 20 charutos com tamanho robusto. Os convidados foram recebidos com um grande coquetel embalado pela autentica música cubana do hepteto de Ignacio Piñero e ainda com a famosa Orquestra Los Van Van – ganhadora do Grammy Latino de melhor disco de Salsa e comparada como A Rolling Stones da salsa, tamanha sua popularidade.

Na semana que vem o Festival continua com a visita as plantações e as fábricas de charutos.

O jornalista participou do Festival à convite da Habanos S.A.

Publicidade

DESTAQUES DOS EDITORES