Publicidade
Campeonato Paranaense

Athletico pode mudar defesa, meio-campo e ataque para enfrentar o Operário

Paulo André
Paulo André (Foto: Geraldo Bubniak)

O time de aspirantes do Athletico Paranaense pode ter três alterações na escalação para enfrentar o Operário, nesta quarta-feira (dia 20), às 21h30, na Arena da Baixada, pela 3ª rodada da Taça Dirceu Krüger – o 2º turno do Campeonato Paranaense. O zagueiro Paulo André, 35 anos, pode retornar ao time. E o atacante Bergson, artilheiro da competição, com cinco gols, virou dúvida para a partida. Para completar, os volantes Rossetto e Léo Cittadini, pouco utilizados no grupo principal, viraram opção para o técnico dos aspirantes, Rafael Guanaes. 

Bergson não treinou nessa terça-feira (dia 19) e corre risco de não atuar contra o Operário. A principal opção para o lugar dele é Gabriel Poveda, 20 anos, ex-Guarani. Outra alternativa é Bill, 21 anos, que atua como centroavante e também na ponta.

Na zaga, Paulo André foi utilizado no Paranaense na vitória por 8 a 2 sobre o Toledo, na Arena. Não jogou em Maringá, no último domingo, e pode retornar à equipe de aspirantes nesta quarta-feira. Com isso, um zagueiro deixa a equipe (Lucas Halter, Zé Ivaldo ou Éder).

Rossetto e Léo Cittadini pouco atuaram com o elenco principal em 2019. Para evitar a falta de ritmo, serão utilizados no Paranaense. Com isso, eles passam a disputar posição com os volantes Christian e Erick.

ATHLETICO x OPERÁRIO
Athletico: Léo; Zé Ivaldo (Lucas Halter), Paulo André e Éder; Khellven, Christian (Rossetto ou Léo Cittadini), Erick e Vitinho; Marquinho, Jáderson e Bergson (Gabriel Poveda). Técnico: Rafael Guanaes
Operário: Simão; Pedrinho, Alisson, Juan Sosa e Peixoto; Chicão e Índio; Robinho, Cleyton e Rafinha; Lucas Batatinha.
Árbitro: Adriano Milczvski
Local: Arena da Baixada, às 21h30

DESTAQUES DOS EDITORES