Jacarezinho

Ato na Praça Santos Andrade critica ação no Rio de Janeiro

(Foto: Cassiano Rosário)

Um ato no começo da noite desta quinta-feira (13), na Praça Santos Andrade, no Centro de Curitiba, protestou contra a ação policial do Rio de Janeiro, no dia 6 de maio, na Favela do Jacarezinho, onde pelo menos 28 pessoas acabaram morrendo. Segundo a polícia do Rio, a ação foi contra o crime organizado, mas a forma como aparentemente ocorreram as mortes foram duramente criticadas.

No ato em Curitiba, que reuniu centenas de pessoas, foi pedido justiça para as vítimas, dessa e de outras ações, que morrem todos os dias no País, e boa parte de negros. O ato foi chamado para ontem por ser 13 de maio, data da assinatura da Lei Áurea.