Publicidade
Paraná Clube 1 x 2 Vila Nova

ATUAÇÕES: Diego Tavares foi o melhor do Paraná Clube

O Paraná Clube não teve uma atuação boa a ponto de merecer elogios. Mas jogou o suficiente para dominar o Vila Nova. O time paranaense merecia vencer, até com alguma facilidade, até porque a equipe goiana sentiu o desgaste físico no segundo tempo e não jogou. A arbitragem pesou contra o Paraná. No aspecto individual, o Paraná apresentou alguns destaques, como Diego Tavares e Nadson. Veja as notas para os jogadores:

 


Marcos (6,0)
Fez duas defesas. Não teve culpa nos gols. Razoável na reposição.

Lucas Taylor (6,0)
Um bom cruzamento – desperdiçado por Karanga. Eficiente na marcação e na saída de bola.

Alisson (6,5)
Marcou um gol. Irregular na marcação. Driblado em lance fácil.

João Paulo (5,5)
Problemas de posicionamento e em lances de possível desarme.

Henrique Gelain (6,0)
Foi o jogador do time com mais desarmes (8). Razoável com a bola.

Anderson Uchôa (6,0)
Distribuiu bem o jogo no meio e foi razoável na marcação.

Lucas Otávio (6,0)
Bem no apoio. Razoável na marcação. Um errinho.

Diego Tavares (7,0)
Criou as melhores chances. Quatro bons cruzamentos e um chute perigoso.

Nadson (6,5)
Criou duas boas chances de gol. Mostrou visão e habilidade.

Guilherme Queiroz (6,0)
Colocou uma bola na trave. Muitos erros, mas perigoso nos lances próximos à área.

Yan Philippe (sem nota)
Entrou aos 32-2º. Jogou pouco tempo.

Fernando Karanga (5,5)
Uma finalização perigosa. Brigou bastante, mas perdeu chances.

Lúcio Flávio (5,5)
Entrou aos 24-2º. Sumiu em campo. Ajudou pouco.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES